Análise em vídeo das manifestações do 2 de outubro e as vaias a Ciro

Governo retoma ofensiva

Por Miguel do Rosário

18 de fevereiro de 2016 : 20h53

[s2If !current_user_can(access_s2member_level1) OR current_user_can(access_s2member_level1)]

Análise Diária de Conjuntura – Edição tarde – 18/02/2016

Apesar da semana ter sido duríssima para o governo, sobretudo no front econômico, onde mídia e oposição estouram champagnes e fazem sensacionalismo a cada número negativo (e a semana foi particularmente ruim neste sentido), houve uma interessante e vigorosa retomada da ofensiva política por parte do PT, do PMDB não golpista e do governo.[/s2If]

[s2If !current_user_can(access_s2member_level1)]

***

Para continuar a ler, você precisa fazer seu login como assinante (na coluna da direita; ou abaixo da seção de comentários, se você estiver lendo pelo celular). Confira aqui como assinar o blog O Cafezinho. Qualquer dúvida, entre em contato com a Thamyres, no assinatura@ocafezinho.com. [/s2If]

[s2If current_user_can(access_s2member_level1)]

A vitória de Leonardo Picciani para a liderança do PMDB na Câmara produziu, evidentemente, um enorme impacto político sobre o clima na Câmara.

A oposição conseguiu uma vitória importante, por outro lado, que foi a prorrogação por 60 dias da CPI dos Fundos de Pensão.

Só que essas CPIs já se exauriram um bocado, até porque, a essa altura do campeonato, o PT já foi tão desgastado que tem pouco a perder, de maneira que as investigações acabam atingindo outros partidos, inclusive da oposição.

A CPI do BNDES está chegando ao fim dentro de alguns dias e não gerou uma notícia na imprensa, pelo simples fato de que não conseguiram encontrar nenhuma irregularidade importante.

A agenda do “sítio” de Lula já foi devidamente ridicularizada e neutralizada pelas redes sociais. Quanto mais a mídia revira essa história, mais se desmoraliza.

Sem contar que agora há, de fato, um sentimento de estranheza: por que esqueceram o triplex de Lula em Guarujá? Por que a operação Triplo X foi tão repentinamente engavetada?

Quando a Triplo X começou, o site Jota, que se esforça admiravelmente para se tornar um assessório valorizado da grande mídia, publicou um artigo intitulado “Por que a Triplo X é uma das fases mais importantes da Lava Jato”.

A articulista explicava: “A sensação tem motivo certo. Depois de levar à prisão parlamentares, executivos de grandes empreiteiras e ex-diretores da Petrobras, a 22ª fase da Lava Jato, batizada de Triplo X, surpreende ao aprofundar a investigação sobre o caminho do dinheiro – e quem atuou na lavagem e ocultamento de valores.”

Pois bem, então porque os presos desta fase foram soltos, se os presos de outras fases ficaram presos por quase um ano, ou mais de um ano, em prisão preventiva, se havia provas de que eles tentaram destruir provas?

Por que a mídia não fala mais na Triplo X?

Por que a mídia não fala mais na Mossack Fonseca?

Se a operação era tão importante, porque mídia e força tarefa da Lava Jato esqueceram tudo tão rapidamente, e partiram para o sítio em Atibaia, prendendo-se a uma agenda incrivelmente pueril, como investigar onde Marisa Lula comprava pão?

Essas contradições já estão na boca dos parlamentares do campo progressista.

Em breve, estarão na boca dos juristas críticos à Lava Jato.

As conspirações parecem ter bebido rápido demais o vinho dos holofotes e bateram no poste do bom senso…

Outra notícia importante foi a promulgação da emenda constitucional que abre janela de 30 dias para parlamentares mudarem de partido.

Foi muito estratégico para o governo ter recuperado parte da liderança sobre o legislativo exatamente neste momento, o que reduzirá suas perdas de parlamentares insatisfeitos.

Por exemplo, enquanto o PT não espera perder nenhum deputado, o PSDB espera perder ao menos dois parlamentares, que devem mudar de legenda para poder disputar eleições à prefeitura de suas cidades.

[/s2If]

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

6 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Herraldo Cabral

19 de fevereiro de 2016 às 02h35

Seria muito bom que em uma entrevista qualquer e em todas as emissoras presentes a Presidenta Dilma Rousseff tocasse no assunto o Triplex dos Marinhos da Rede Globo.

Responder

marilamar

18 de fevereiro de 2016 às 23h47

a Presidente Dilma e o DesMinistro da Injustiça deve uma explicaçao a SOCIEDADE BRASILEIRA POBRE!!!

Extinçao Total da POLICIA FEDE….GERAL CORRUPTA, que não investiga os juízes bandidos de Toga do STF, STJ, MPF e todo o PODRE JUDICIARIO, assim como os PARTIDOS PSDB, PPS, DEM, e outros da oposiçao, não investigam os Bispos, Pastores, Padres e etcs que roubam o pobre e oprimido povo brasileiro? Mas esta perseguindo o ex-presidente LULA???
Estamos de volta aos porões da Ditadura, há algo que está nos causando extrema preocupação. Está aqui em um dos tópicos finais, pela gravidade da situação, de uma situação que não temos saudade, e que muito nos envergonha saber que passamos por ela. A situação da Sr. Cristina Mautoni Marcondes Machado. Uma cadeirante, em função de cirurgia nas pernas. Presa e incomunicável numa cela da Superintendência da Polícia Federal, sem janelas, sem vaso sanitário, o que a obriga a se agachar, o que não pode e sendo assistida por policiais do sexo masculino.
Vítima do regime de exceção, do arbítrio, da ausência dos mínimos direitos. A Senhora mesma sabe o que significa a tortura física e psicológica pela qual, mesmo em dose menor, D. Cristina está passando. Não podemos permitir que isso ocorra em nosso país, cujo crime de tortura está claramente tipificado como crime hediondo. Ela está incomunicável e não há uma determinação judicial de incomunicabilidade. A própria Policia Federal está determinando quais presos devem ficar incomunicáveis ou não. Isso é inaceitável para todos e todas nós que tanto lutamos contra a ditadura.
Saindo de Brasília para Curitiba, o que vemos são policiais federais transformados em veículos de vazamentos de depoimentos prestados sob segredo de justiça, quando não vendendo cópias desses documentos à mídia, o que caracteriza prevaricação, de acordo com o Estatuto do Servidor Público e Código Penal, e, corrupção passiva, de acordo com o também Código Penal, sem nenhuma consequência disciplinar ou criminal.
A quem incorre o Poder? Se o seu poder não se estende aos juízes, constitucionalmente, a Policia Federal está subordinada à Senhora Presidente Dilma e sob responsabilidade do incompetente Ministro da InJustiça. Portanto, não entendemos o que está ocorrendo. A Policia Federal está amotinada, sublevou-se, tornou-se a poder independente, não defende mais o POVO BRASILEIRO? Não queremos uma Policia Federal subordinada aos YANKES e aos corruptos do PSDB, REDE GLOBO, BANDIDOS DE TOGA DO JUDICIARIO, em especial ao MPF, PGR, STJ, STF!!!! Queremos e exigimos puniçoes imediatas e urgentíssima aos todos os culpados desta açao ou extinção desta autarquia publica do PSDB chamada POLICIA FEDERAL que onera o Tesouro Nacional com seus gastos direcionados pra defender os corruptos do PSDB e a imunda direita brasileira , assim como punições imediatas e uma profunda limpeza no MPF, PGR !!! Sem contar o que esta acontecendo em SP com a PM do Alckmin, rebentando com todo o CODIGO PENAL e as leis, para defender a GLOBO e o ALCKMIN ladrao de Merenda Escolar!!!

Responder

Francisco Bronzato

19 de fevereiro de 2016 às 01h31

Responder

Kleber Silva

19 de fevereiro de 2016 às 00h49

#PovoComLula
#LulaEuConfio #ForaEduardoCunha #Nãovaitergolpe #Dilmafica

Responder

Leo Sérgio Campos

19 de fevereiro de 2016 às 00h28

será que alguém tem informação sobre o que a GLOBO tinha nas ILHAS VIRGENS BRITÂNICAS, paraíso fiscal, uma vez já saiu reportagem a respeito, seria bom levantar a questão.

Responder

Roger Gilmour

18 de fevereiro de 2016 às 23h28

Parece que nossa ameaça está funcionando…
Abre o olho, PT.

Responder

Deixe um comentário