Jornal da Forum: Lula quer reindustrializar o Brasil!

Tijolaço: agressor de senador da república dirige empresa de segurança

Por Redação

28 de setembro de 2016 : 18h47

Vão responsabilizar o agressor de Lindbergh, que presta serviços ao MPF? Veja o “valentão” que dá tiros para o ar

Agressor do senador Lindbergh Farias (PT-RJ) foi preso em 2015 por disparar arma em centro gastronômico na Lagoa, Zona Sul do Rio de Janeiro (Foto: TV Globo/ Reprodução)

por Fernando Brito, no Tijolaço

A jornalista Laura Capriglione, cara amiga dos Jornalistas Livres, identificou o agressor do senador Lindberh Farias e de sua mulher, na saída de um restaurante na Zona Sul do Rio,  na noite de sexta-feira: é Claudio Roberto Baldaque Guimarães, já envolvido em atos violentos e confusões com arma de fogo.

O Tijolaço foi atrás e descobriu que Baldaque não é apenas um arruaceiro a mais, como poderia parecer.

É um empresário de segurança e de “despachos aduaneiros”, além de vender serviços terceirizados.

Entre seus clientes como “segurança” está… o Ministério Público Federal, aqui do Rio, como mostrou ontem à noite o Viomundo. Pelo menos é o que consta da página da empresa, corroborado por um contrato anual de R$ 1,5 milhão, referente ao ano passado.

Baldaque – aliás, toda a família – está metido com segurança privada e, portanto, sujeito à fiscalização da Polícia Federal. Não é figura desconhecida no meio, até porque é integrante da diretoria do Sindicato das Empresas de Segurança do Rio de Janeiro.

Tem, portanto, a condição de “comandante” de centenas de homens armados.

Não é coisa que possa ser desconsiderada diante do histórico de um homem que exibe-se embriagado e faz disparos de arma de fogo na frente de restaurantes.

Veja o vídeo do episódio, em 2015.

A Polícia está desafiada a ir atrás dele.

E o Senado a exigir da Polícia Federal explicações sobre as condições de alguém assim dirigir uma empresa de homens armados.

Se o dono faz este tipo de coisa, o que fariam seus subordinados?

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

6 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

guilhermenagano .

29 de setembro de 2016 às 00h49

Olha eu sou contra essa onda de atacar pessoas do PT na rua, mas não podemos esquecer q isso começou quando um comissionado petista atacou o Joaquim Barbosa em um restaurante em Brasília na epóca do Mensalão! E os petistas adoraram aquele ataque, agora q são vitimas ficam se fazendo de perseguidos…

Responder

    Isdo Odsi

    29 de setembro de 2016 às 07h32

    Nao interessa sua opiniao. So o estado tem monopolio da forca. A questao do ovo e da galinha deve necessariamente ser discutida por gente com mais aptidao que vc.

    Responder

Alair Fonseca Machado

29 de setembro de 2016 às 00h40

Ainda tem deputado fanfarrão querendo liberar o porte de arma. Nem todos tem moral e equilíbrio para portar armas.

Responder

Jose X.

28 de setembro de 2016 às 19h50

não vai acontecer nada com ele…

Responder

label vargas

28 de setembro de 2016 às 19h10

Nada acontecerá,seus padrinhos são poderosos. É o que temos por enquanto, ficará pior.O monstro deveria ter sido enfrentado quando começou a criar corpo,agora está grande demais.Se não contarmos com apoio da opinião pública internacional,daqui de dentro é que nada sairá para mudar esse estado de coisas.

Responder

    Isdo Odsi

    29 de setembro de 2016 às 07h33

    Depois o golpe era “contra a corrupcao”. ha ha ha so sendo trouxa mesmo para cair nessa.

    Responder

Deixe um comentário

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?