Entrevista de Haddad ao SBT

Tijolaço alerta: com auxílio da mídia e do judiciário, fascismo é risco grave e iminente no país

Por Miguel do Rosário

17 de março de 2018 : 21h24

As reações abertamente fascistas ao assassinato de Marielle Franco, aliadas a manutenção de Jair Bolsonaro como líder isolado nas pesquisas de intenção de voto, sempre que Lula é tirado do páreo, confirmam a análise de Fernando Brito, editor do Tijolaço.

Bolsonaro, claro está, é apenas um derivado do fascismo. Não é a causa, e sim o efeito de uma opinião pública bestializada por anos de campanhas judiciais e midiáticas contra a esquerda organizada.

No período que antecedeu a ascensão do nazismo ao poder, as instâncias judiciais não precisaram se engajar nas campanhas de Hitler: coube-lhes a tarefa de criminalizar as forças de esquerda, as únicas com capacidade e organização de barrar o avanço do autoritarismo fascista.

Ao afastar Lula, através de um processo explicitamente antidemocrático e implicitamente fascista, o partido judicial (ou seria mais preciso dizer partido lavajateiro), prepara o Brasil para o que seja talvez o período mais sombrio da nossa história.

As promessas fascistas de Jair Bolsonaro nunca foram devidamente denunciadas pela mídia. Ao contrário, a grande imprensa tem cuidado de naturalizá-las.

Janaína Paschoal, advogada, autora do pedido de impeachment de Dilma Rousseff, já se posicionou em favor de Jair Bolsonaro.

O núcleo social que apoiou o impeachment, pedia intervenção militar nas manifestações, e apoia fanaticamente a Lava Jato, são eleitores de Bolsonaro. O que significa que, quanto mais a Lava Jato se fortalece, mais cresce o eleitorado fascista.

Até porque a Lava Jato é o núcleo do fascismo judicial.

Os gritos mais altos em comemoração à prisão de Lula não virão dos tucanos, e sim dos eleitores de Bolsonaro.

***

No Tijolaço
O “risco” Bolsonaro vira quase tragédia anunciada com veto a Lula
POR FERNANDO BRITO · 17/03/2018

Lamento muito discordar da maioria dos analistas políticos -e, inclusive, do próprio Lula, que acha que a direita repetirá a “dose tucana” dos últimos 20 anos na eleição presidencial.

O tempo passou e a “pedra cantada” do esvaziamento de Jair Bolsonaro não dá sinais de acontecer.

Com isso, Geraldo Alckmin, que já não tem muito jeito, segue estagnado em 8% ou menos, dependendo da pesquisa.

Bolsonaro saiu pela tangente na questão da intervenção federal.

Agora, acredite, escapa da polêmica em torno da execução da vereadora no Rio enaltecendo as virtudes do trabalho infantil – exibindo um vídeo de um menino de 11 anos que ganha dinheiro nos EUA cortando grama – e, pasme, enaltecendo as virtudes antibacterianas do leite de ornitorrinco!

Ele já é o ídolo natural de uma legião de imbecis que está tomada pelo ódio e pelo furor animalesco que a mídia injetou num “país em que energúmenos defendem todos os dias, às centenas, aos milhares, na internet, em grupos que se autodenominam “opressores”, o assassinato, a eliminação e a tortura” como diz Mauro Santayanna em artigo na Rede Brasil Atual.

Parte da classe média tão incensada pelo PT fascistizou-se e os tais “movimentos identitários” que pretenderam assumir o lugar dos partidos políticos não têm força senão para criar uma barreira frágil e alegórica ao avanço do autoritarismo.

Essa gente está em marcha batida para o poder, sob o beneplácito dos senhores togados, que lhe vão desimpedindo o caminho, retirando da disputa aquele que o poderia barrar e tentar – mesmo sob fogo intenso de uma mídia deformada e de legiões de zumbis fanatizados – restabelecer o convívio civilizado.

Falou-se muito em golpe militar e estamos mesmo é sob o perigo de um regime paramilitar, onde o próprio Exército brasileiro venha a ser submetido a papéis que seu oficialato mais esclarecido não crê que possa ser levado: o de transformação em parceiros da milícia repressiva, como a Wermatch se viu tragada pelas SS, pela Gestapo, pelos Einsatzgruppen.

Em apenas quatro anos, sem um partido político, com a força da mídia e com a covardia e a cumplicidade de um Judiciário que desejava o poder que não tem como alcançar para si mesmo, saímos do caminho da esperança e chegamos aos umbrais do inferno, onde toda ela se abandona.

Um país cuja Justiça criminaliza a luta contra a pobreza acaba sem ter outro caminho senão o de lutar contra os pobres.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

23 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

leonardo-pe

18 de março de 2018 às 20h23

esse NCUNHA PASSOU RECIBO. Apoia essa imundície atual. mas o cara acha que Bolsonaro vai dar um jeito no brasil. coitado.

Responder

leonardo-pe

18 de março de 2018 às 20h20

Mas SERÁ caro. eu não tenho duvidas. nem o Lula.

Responder

ontreus

18 de março de 2018 às 18h55

LULA SERA PRESO PREPAREM O CHORO!

Responder

Bafo Podre

18 de março de 2018 às 18h29

estamos tal qual a Alemanha pré-hitlerista, a qual tinha uma excelente , mas preferiu ariscar que o nazismo logo tocava fogo em tudo promovendo uma limpeza geral do mundo. Se deixarem Lula ser presidente, iremos para uma era de paz e prosperidade. Se não, todos com Bolsonaro para limpar o mundo de tudo que esse acha imprestável

Responder

Professor Araújo

18 de março de 2018 às 14h18

Ultra Mário

Você não está acompanhando os fatos o pré-sal brasileiro que vale vinte trilhões de dólares e seis milhões de empregos já foi entregue pelos do quadrilhao de TEMER, CUNHA, AÉCIO NEVES e outros políticos corruptos lesa pátrias, vira latas pela PEC-131 do corrupto sr José Chirico Serra e de brinde esse quadrilhao entregou também isenção de impostos para as petrolíferas estrangeiras por 30 anos.
Acorda.
Em que país está vivendo?
A lava jato foi uma operação planejada pela CIA e pelas petrolíferas americanas para saquear as riquezas naturais do Brasil, criar as leis do trabalho escravo e isenção de impostos por 30 anos.
Agora nem o tei Davi que matou o gigante Golias vai conseguir tomar o doce do gigante e nunca mais o pré-sal será do Brasil graças ao quadrilhao do golpe e dos juízes e procuradores
também traidores a serviço da CIA e das petrolíferas anglo americanas.
Pobre Brasil

Responder

Chavez

18 de março de 2018 às 14h14

Excelente análise do Ocafezinho e Tijolaço.
Tinha lido uma outra uma matéria estarrecedora no DCM.
Tem juízes – poder judiciário – acusando o PSOL pelas redes sociais.
Assim como já tivemos membros da PF e MP fazendo campanhas contra o PT.
Amanha pode ser o PCdoB, o PDT, o PCO.

Responder

Marcelo Figueiredo

18 de março de 2018 às 12h36

BoçalNato um vagabundo imbecil que nunca trabalhou na vida e sempre viveu às custas do dinheiro público é o que a população brasileira globotomizada merece. Eu não tenho dúvida que seu governo será uma catåstrofe, o que está ruim irá piorar muito, muito mais. Entendam eleitores bestializados de BoçalNato: ele nunca trabalhou na vida, nunquinha.

Responder

Ultra Mario

18 de março de 2018 às 12h20

Bolsonazi só se elege se as pessoas continuarem a fazer farra toda vez que ele falar alguma besteira. Assim como o Trump, ele não é o candidato da elite conservadora, ele é o candidato da criançada reb3lde, e quanto mais falam dele, mais ele cresce.

Mas por um lado seria bom se ele se elegesse, a dívida publica iria estourar nas mãos dele, perderíamos o pré-sal, a embraer, o nosso satélite, etc. pra sempre, o país iria de vez pra lata do lixo e, com alguma benção, as pessoas largariam mão de ser otárias e parariam de votar em políticos ruins que só vivem de atacar a esquerda enquanto não tem nem um projeto de país.

Responder

Julio Cesar Feitosa da Hora

18 de março de 2018 às 12h19

Risco grave é a ignorância disseminada nessa matéria.

Responder

    ari

    19 de março de 2018 às 18h27

    Pronto, já temos o imbecil do dia!

    Responder

valdivan barros dos Santos

18 de março de 2018 às 10h14

Bolsonaro vive às custas do dinheiro dos impostos que pagamos, apenas para comer e dormi no plenário da Câmara Federal. É um parasita, e seus filhos também. São todos analfabetos políticos!

Responder

valdivan barros dos Santos

18 de março de 2018 às 10h11

Everton, você é outro palpiteiro, e provávelmente tão analfabeto político quanto bolsonaro!

Responder

Everson

18 de março de 2018 às 07h09

Todo mundo agora é especialista em política,tudo um bando de palpiteiros,igual esse Marco Antonio Vila,não sei quem outorgou-lhe o título de especialista em política,especialista vem de um título de pós graduação,cara tem como formação em história,sem qualquer bagagem pra tal,mas é um enfermo que busca os holofotes,e onde as luzes estão apontando? Em Jair messias Bolsonaro,homem capacitado,aprovado em um dos concursos mais difíceis e por consequência uma formação academia intocável,ai faço a seguinte pergunta,qual o preparo desse vila pra questionar o Capitão? Deveria ter ética e calar a boca,pois palpiteiro como eu todos podem ser,mas se titular especialista político é de grande responsabilidade e DEVE ter bagagem curricular pra justificar tal título,mas o que vamos esperar de um veículo de comunicação que tem um programa chamado pânico.

Responder

Everson

18 de março de 2018 às 06h55

Esse tijolaco é ridículo,faz críticas chamando as pessoas que apoiam Bolsonaro de imbecis etc… Ataca Bolsonaro sem qualquer fundamento,fica soltando várias asneiras sem teoria alguma pra combater os problemas brasileiros,o pré candidato critica mas diz qual a metodologia correta. Tijolaço além de tudo,usa muito o termo covarde,covardia mesmo é atacar,criticar e não propor qualquer metodologia de solução,como é um blog tendencioso esquerdista,digo que além de covardia é incapacidade intelectual de propor métodos eficazes de solução.
Todos que defendem a ordem,disciplina,família… É fascista,muitos que vomitam essa palavra não sabe nem o que significa.

Responder

Cláudio

18 de março de 2018 às 04h13

:
: * * * * 04:13 * * * * .:. Ouvindo As Vozes do Bra♥♥S♥♥il e postando:

Poesia contra a distopia (Distopia = Ideia ou descrição de um país ou de uma sociedade imaginários em que tudo está organizado de uma forma opressiva, assustadora ou totalitária, por oposição à utopia. “Distopia”, in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, [consultado em 13-10-2016].)

Poema acróstico para o maior e melhor brasileiro de todos os tempos :

L ouvemos quem bem merece o mais pleno louvor:
U m homem simples, como as coisas boas da vida,
Í ntimo camarada, nosso irmão e amigo de valor,
Z elando sempre pelo bem da humanidade querida.

I nimigo dos maus, amigo dos bons, trabalhador
N ascido do povo que muito o ama e admira,
Á rvore de bons frutos, os de melhor sabor,
C onsciência plena de tudo que no mundo gira,
I magem perfeita do homem de si senhor,
O humano defensor de humana lira.

L uz de nossa gente, lutador incansável,
U m verdadeiro herói do povo brasileiro,
L úcido e consciente do mais admirável
A mor pelo ser humano e verdadeiro.

D igno e sincero, fraterno e muito humano,
A migo do povo, honesto e sempre lhano.

S eja o meu/nosso canto para te louvar,
I sso que a voz do povo já disse várias vezes:
L ula, o BraSil vive mais feliz só por te amar,
V itória da melhor sorte no número treze,
A fazer do brasileiro a humanidade a se ampliar.
::
Autor: Cláudio Carvalho Fernandes ( poeta anarcoexistencialista )
.:.
L uz do povo brasileiro,
U m digno e fiel lutador,
L astreando com real valor
A honra do BraSil inteiro.
.:.
L ula livrou 36 milhões da pobreza,
U m feito memorável, sem precedentes,
L utando contra a mídia venal, teve a certeza
A bsoluta de estar ao lado dos brasileiros conscientes.
.:.
L ivrando da miséria extrema 36 milhões de brasileiros,
U m feito sem igual, que, por si só, já bastaria,
L ula segue sendo no mundo um dos primeiros
A fazer de seu povo a eterna rima rica de sua poesia.
.:.
♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥
* * * * * * * * * * * * *
* * * *
Por uma verdadeira e justa Ley de Medios Já pra antonti (anteontem. Eu muito avisei…) ! ! ! ! Lul(inh)a Paz e Amor (mas sem contemporizações indevidas) 2018 neles/as (que já PERDERAM, tomaram DE QUATRO nas 4 mais recentes eleições presidenciais no BraSil) ! ! ! ! !
* * * *
* * * * * * * * * * * * *
♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥
👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏

Responder

Hallyson Jucá

18 de março de 2018 às 01h45

Somos o que temos? #mariellePresente

Somos alvos, cabelo lisos, não crespos. Dentes brancos, pele que se diz esbranquiçada.
Temos ojeriza, sentimos asco, vomitando pelos olhos o desprezo pela pele da negrada
Somos seleção, vil patecos, escolhidos dentre duzentos milhões, como se fôssemos premiado
Temos premissas falsas e questionáveis, infindáveis, reluzindo humanos desagregados

Temos culpa não expiada, apavorada, não conhecíamos Marielle, guerreira, agora ausente.
Somos fracos, carne e osso manipulável, fantoches, reverberando ódio sagaz contra pretos.
Temos uma idiotice latente, capatazes soltos, brutais, matando vidas e fabricando enterros
Somos caminhos cruzados, não brancos e negros, bandeira de luta de Marielle presente!

Somos negros, não de pele mas necrosados pela podridão, bebendo, sem pudor, sangue
Temos vassalos e gritamos igualdade, num pedido contraditório, incompatível com o ser
Somos chicotes lacerantes, vibrante, massacrando milhares, sem dó, um anão amante.
Temos o nada e não somos tudo, idiotas brilhantes, contente, glorificando o ter.

Temos riquezas espúrias, expropriantes, covardes, forjando adoradores do frequente.
Somos pobres, paupérrimos, contando dinheiro, terras, bens, desgastando o essencial
Temos medo, pagando caro para ficar isolado, cercado, a raça animal mais irracional
Somos caminhos cruzados, pobres e ricos, bandeira de luta de Marielle presente!

Somos homens, brutamontes instigados, acuando, sem motivos, valores homossexuais.
Temos desejos, mil faces, fetiches, disfarces, rezamos com alguns e ainda somos indiferentes
Somos tolos, diferentes, como matamos alguns para reprimir os que não parecem iguais?
Temos sexo, temos camas, e agora passamos os dias clicando confortos pelas lentes.

Temos casa, água encanada e energia eletrificada, tudo numa linda rua de asfalto esmaltado.
Somos uma pífia razão, sem sal e emoção, almoçando tranquilo ao lado de fileiras de indigente
Temos conflitos, espasmos, loucos pela vida, mas sem se importar com o desvalido, o favelado
Somos caminhos cruzados, casas e barracos, bandeira de luta de Marielle presente!

Somos negros, pobres, homossexuais, favelados, todos juntos na mesma guerra, cruzada.
Temos fome, sede, crença, desemprego, barricadas, com pés descalços numa casebre sem chão
Somos mais, somos de cor, somos risos, coloridos, somos iguais, nativos da pátria amada
Temos orgulho, lutamos, temos vozes, gritamos. Estamos vivos, apenas sem farinha, sem pão.

Temos saudades, saudamos, nos despedimos de quem não conhecemos, somos Franco
Somos humanos, sentimos, são balas que cravejam o ser, ensinando que ainda há gente
Temos vontade de falar, escrever, gritar, tudo no mesmo momento, revivendo o pânico
Somos uma soma imperfeita, cada qual e todos reerguendo a bandeira de Marielle presente!

Hallyson Jucá, 16.03.2018.

Responder

Beto Castro

18 de março de 2018 às 01h35

Tem muita gente que pode acabar com esse caminho tortuoso da tragédia para o nazismo, mas permanece omissa – Os Governadores. São os únicos hoje que tem poder real para acabar com essa farra midiática-empresarial-judiciária. Se não o fizerem em tempo serão todos vítimas do holocausto que se aproxima a passos largos. O radicalismo político chegou a tal nível que não haverá espaço nem para anistia. Os responsáveis pela tragédia estão comemorando não sei o que. Estamos a ponto de nos tornarmos uma gigantesca Venezuela. Os golpistas desgraçaram o nosso país. Os governadores tem apenas menos de oito meses para colocar de novo o Brasil na trilha da paz e concórdia. A Nação perdeu o controle de si mesma.

Responder

NCUNHA

18 de março de 2018 às 00h23

Esse é o EFEITO B0L50NARO. Esquerdistas, fodam-se! Prefiro ser chamado de NAZ15TA por um bando de SOC10PATA de esquerda a ser um canalha esquerdista bulldog de Fidel e CheGuevara.
Agora demos as mãos e cantemos o hino nacional mais lindo do mundo, que faz os VERMELH1NHOS tremerem de medo e ódio quando o ouvem:

Ouviram do Ipiranga as margens placidas
De um povo heróico o brado retumbante…

Vamos pra frente, meu povo! B0L50NARO NELES!!!

Responder

Antonio gildasio

17 de março de 2018 às 23h48

Estamos a beira do abismo. Para não dizer um poco cunho fundo ainda não podemos observar.e uma noite muiito longa.

Responder

Marcus Menezes

17 de março de 2018 às 23h21

É interessante assistir este filme:

http://50anosdefilmes.com.br/2010/julgamento-em-nuremberg-judgment-at-nuremberg/

Responder

Jaiel de Assis lopes

17 de março de 2018 às 22h55

Já estamos no fascismo! Não há conciliação com a direita! Sem Lula não vamos votar num plano B como Boulos, Manuela, Hadad e muito menos o ex-tucano Ciro Gomes. Pelo Lado da direita os que finge não ser da direita como Alkmim, Marina, Hulk, Ciro Gomes e o diabo que os parta já não consegue enganar nem os da direita nem os da esquerda. O que resta então Lula sem plano B e Bossonaro, o povo já sabe disto e as pesquisas mostram isto. Lula com João Pedro Stédile de vice representa uma pacificação, um avanço e a reconstrução do país e da democracia, sem Lula Bossonaro representa o desmacaramento, a guerra declarada e o confronto, sem Lula prefiro o crofonto para ver o que a esquerda vacilante que abandona Lula fará, nós já somos assassinados todos os dias na periféria, nas fabricas, nos nossos lares. Somos os milhares de negros, pobres, líderes comunitários , Marielles, joãos , Marias, então sem Lula é o confronto, já estamos mortos, não temos nada a perder….Já vocês, não sei….

Responder

Jochann Daniel

17 de março de 2018 às 21h35

Desculpe, mas,
já estamos no fascismo.
As leis não estão funcionando
para defender interesses dos cidadãos,
casas são invadidas
sem ordem judicial,
prisões estão sendo feitas
sem nenhuma culpa dos acusados, etc.
Que mais se espera????

Responder

Deixe uma resposta

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com