Miguel do Rosário analisa pesquisa CNT/MDA e aliança com Ciro Gomes

O Brasil voltou(,) 20 anos em 2: algumas hipóteses sobre o marketing do governo Temer

Por Pedro Breier

15 de Maio de 2018 : 16h06

(Que bela errada de alvo)

Por Pedro Breier

O slogan adotado para a comemoração (risos) de 2 anos do governo Temer – O Brasil Voltou, 20 anos em 2 – foi prontamente abandonado após a repercussão desastrosa. A chacota comeu solta.

O slogan é tão, mas tão perfeito para se tornar uma piada contra o próprio governo – basta tirar a vírgula! – que somos obrigados a levantar algumas hipóteses sobre a linha de marketing temerista. A mera incompetência do marqueteiro Elsinho Mouco não parece dar conta de explicar tamanha estultice.

Uma primeira tese seria a de que Elsinho é, na verdade, um democrata infiltrado no governo do golpe. A corroborar esta linha de raciocínio está o fato de que foi ele quem sugeriu a visita de Temer aos escombros do prédio que desabou em São Paulo no último dia 1º de maio, de onde o vampirão foi corrido.

Contudo, tal tese é improvável. Temer deve sentir o cheiro de um democrata de longe e jamais colocaria alguém desta estirpe tão próximo a si.

Outra hipótese é a de que o marqueteiro resolveu inovar em matéria de propaganda, reunindo na mesma frase dois significados opostos. Assim o destinatário do slogan pode escolher entre o delírio auto-proclamatório de Temer e algo mais próxima da realidade, o retrocesso de décadas proporcionado pelo golpe.

Dada a picaretagem que grassa no Planalto Central, esta hipótese de um sincericídio consciente deve ser prontamente descartada.

Uma terceira teoria: a Verdade, como fosse um ente sobrenatural, soprou no ouvido de Elsinho essa ideia e, na sequência, soprou algo como “nossa, genial!”.

A Verdade acaba sempre se impondo, vai saber se não se utiliza dos Elsinhos da vida para cumprir este propósito.

De todo modo, a única certeza proveniente de mais este bizarro episódio proporcionado por Temer e sua trupe é a de que a competência do setor de marketing é diretamente proporcional à competência do governo diante das questões sociais, econômicas, políticas e morais.

O Brasil voltou muito mais de 20 anos em 2.

 

Pedro Breier

Pedro Breier, colunista d'O Cafezinho, é formado em direito mas gosta mesmo é de jornalismo. Nasceu no Rio Grande do Sul e hoje vive em São Paulo.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

6 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Sergio Cotrim

17 de Maio de 2018 às 21h35

Uma outra hipótese é realmente ser dúbio e até mesmo ser sacaneado para tirar o foco das barbaridades mais óbvias. Tendo em vista o caráter da quadrilha que tomou o Estado de assalto, acho mais crível fazer disso e outras, cortina de fumaça…

Responder

Eduardo

16 de Maio de 2018 às 13h07

Antecipo que definitivamente não aceito que possam vir a me chamar de burro por dizer aqui , que Delfim Neto está afetado por problemas pessoais mentais , ou está pretendendo ridicularizar Temer e seu desgoverno,ao escrever que o Governo é dos mais profícuos em reformas visiveis! Profīcuo significa útil, vantajoso! Esse Delfim às vêzes é muito cômico!

Responder

Alexander

16 de Maio de 2018 às 07h58

Com certeza a inspiração veio do “eu quero meu pais de volta”. Tirando sarro dos imbecos amestrados qie o ajudaram a fazer o que estão fazendo. Eu mesmo, já tirei muiro aarro de coxinhas conhecidos. Não queriam de volta?! Voltou

Responder

a.ali

15 de Maio de 2018 às 23h47

torcemos muito para que o golpista continue com o seu marqueteiro.. ao menos tiramos muita onda de suas”criações” e o povo fica, afinal, sabendo das coisas “ñ querendo, querendo”…

Responder

Rosa

15 de Maio de 2018 às 17h08

Só voltou 20 anos?
Mais de 100, com certeza.
Até a escravidão voltou.

Responder

Régis

15 de Maio de 2018 às 16h58

Deve ser uma entidade sobrenatural que soprou mesmo no ouvido deste tal Elsinho, kkkk. Só que a conta tá errada, pela obra Temerária de desfazer de todo nosso patrimônio nacional e destruir a CLT, voltamos mais de 80 anos atrás, lá na República Velha!! Com certeza, esse Michel Temer entrará para história como Presidente Golpista, um Smigo sedento pelo anel (poder ) capaz de conspirar abertamente com sua companheira de chapa e destruir o que levou anos de suor dos trabalhadores para construir. É a personificação da mediocridade, o símbolo do erro, do mal! Agora, os que patrocinaram o golpe, estão bem ocultos da grande mídia.

Responder

Deixe uma resposta