Cafezinho 2 minutos: Posse de Bolsonaro e alegações finais contra Lula

Foto: Cartier Bresson

Exclusivo! Brasil tem 45 milhões de eleitores abaixo do nível primário

Por Miguel do Rosário

16 de julho de 2018 : 22h40

Essa é a realidade com a qual temos de lidar. O mesmo eleitorado que ama Lula, também elege legislativos e governos conservadores, o que produziu o desequilíbrio no sistema que nos levou ao golpe. Um desequilíbrio que precisa ser resolvido, naturalmente, pela educação política popular.

A modernização do sistema de comunicação de massa, ao fazer o povo se posicionar de maneira mais inteligente no processo eleitoral, produzirá uma dinâmica política mais estável e progressista.

O processo eleitoral tem de ser pensado como prioridade pelos partidos do campo democrático. Todas as energias devem estar investidas na campanha de educação eleitoral e política da população, aí compreendidas todas as classes. Jamais podemos diminuir a importância da alta luta intelectual, destinada a convencer a população mais instruída.

Menosprezar a classe média é um vício contrarrevolucionário, porque a estruturação política dos partidos precisa estar centrada na ampliação e renovação constante de um núcleo intelectual crítico, condição necessária à produção de inteligência e liderança.

Ao mesmo tempo, os recursos financeiros dos partidos deveriam ser mobilizados primordialmente para a juventude, permitindo que os estudantes os usassem para aprimorar sua educação política pessoal.

Confiram o quadro abaixo.

O Brasil ainda tem 6,5 milhões analfabetos e 38 milhões de brasileiros com ensino fundamental INCOMPLETO.

Ou seja, somados, temos 45 milhões de eleitores ou 30% do total sem os requisitos de instrução mais primários para se obter um trabalho decente.

Ao mesmo tempo, também temos 13,5 milhões de brasileiros com ensino superior completo, dos quais 61% são mulheres.

 

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

33 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Curiosinho

18 de julho de 2018 às 08h57

mmmmmmmmmmmmm bonitas pernas !!!

Responder

Alberto Jorge

18 de julho de 2018 às 04h12

Lula LIVRE!

Quem Lula indicar estará no segundo turno das eleições presidenciais que pelo oportunismo e o desprezo por valores e princípios Democráticos Universais tornarão a eleição um REMENDO DE DEMOCRACIA!

A Canalhice impera contra Lula!

A “justissa” perde credibilidade junto a sociedade brasileira e atua no processo eleitoral de forma injusta.

Assistimos a ausência de Ciro Gomes na Defesa da Democracia e pela liberdade plena de Lula.

Lamentável!

Responder

Brasileiro da Silva

17 de julho de 2018 às 20h09

Isso explica o resultado das últimas eleições: deputados, senadores e presidentes corruptos ou, na melhor das hipóteses, incompetentes.

Responder

Reginaldo Gomes

17 de julho de 2018 às 19h00

EXCLUSIVO!!!!
Brasil tem os eleitores com o nível mais avançado do mundo!!!!!!!!!!
Porque?
Porque elegeu o presidente Lula!!! . O melhor presidente do mundo!!!!
Só isso?
Não!!! Tem muito mais!!!! O povo brasileiro é o mais avançado cientificamente DO MUNDO!!!
É mesmo ? Num acredito!!
Pode acreditar! O povo brasileiro está vencendo o golpe híbrido usando o “””PRINCÍPIO FUNDAMENTAL””” da física quântica!
Vixe! Intindi nada!
O povo sabe que ´”””A VONTADE NO PENSAMENTO DO OBSERVADOR MUDA A REALIDADE”””, e é o que está acontecendo; o povo está em paz , tranquilo e consciente de tudo que está acontecendo.
Por isso Lula só cresce nas pesquisas e o golpe está se descabelando de desespero.!!
É por isso que o golpe quer transformar o Brasil numa Nicarágua!!!
E professor de física quântica é o nosso presidente Dr. Lula , que no vídeo fala “”O POVO PRECISA DE PAZ E TRANQUILIDADE!”””
O mundo tem o cientista Einstein e sua física incompleta e materialista, o Brasil tem o torneiro presidente Lula professor teórico e prático de física quântica, uma ciência mais humana e verdadeira..

Responder

Jonas

17 de julho de 2018 às 12h42

É impressão minha ou está havendo uma defesa do voto censitário por aqui?

Responder

    Luís Ribeiro

    17 de julho de 2018 às 17h15

    É impressão sua.

    Responder

Marcos

17 de julho de 2018 às 11h58

Por conta disto, tivemos os piores políticos eleitos nos últimos 14 anos. Vai censurar o meu comentário Miguel??

Responder

Marcos

17 de julho de 2018 às 11h27

Por isto que o voto não pode ser obrigatório. Por conta destes analfabetos, foram eleitos os piores políticos nos últimos 15 anos.

Responder

    Ari

    17 de julho de 2018 às 11h47

    Isto não é verdade. De um modo geral, somos um povo com baixíssima politização. Veja o perfil do eleitor do Bolsonaro. Olhe o Paraná. Rio Grande do Sul. O que existe é um forte preconceito contra o pobre.

    Responder

      Marcos

      17 de julho de 2018 às 12h14

      O que não é verdade Ari? Olha a quantidade de bandidos que foram eleitos nos últimos anos, graças aos votos de pessoas sem a mínima condição de votar. Estas pessoas vivem a margem da realidade, e sò votam a troco de receber alguma coisa. Não estão em condições de votar.

      Responder

vitor

17 de julho de 2018 às 11h16

Populismo deita e rola…

Responder

Wilton Santos

17 de julho de 2018 às 11h12

Matéria extremamente preconceituosa. Nada expressa melhor o analfabetismo político do que os votos no Jair Bolsonaro. Como explicar que a maioria dos eleitores do sexo masculino com ensino superior completo votem numa criatura como esse desequilibrado que quer ser o Hitler dos trópicos, o Trump brasileiro. Os votos dos eleitores analfabetos não são problema, o que interfere nas eleições é a influência do poder econômico e as regras eleitorais que dificultam a representação de setores populares. Isso sem falar da influência da mídia que monopoliza o debate político e interfere decisivamente nas eleições.

Um dos principais problemas nas eleições brasileiras são as coligações que deturpam completamente o resultado das eleições. No Brasil não se vota em partidos, mas sim em coligações. Quanto maior a coligação, mais cabos eleitorais e tempo de televisão o candidato a prefeito, governador ou presidente terá, o que é muito útil nas eleições majoritárias, mas é um desastre nas eleições proporcionais. Ocorre que nas eleições para o parlamento os votos não vão para os partidos mas sim para as coligações, ou seja, quanto mais votos uma coligação tiver mais candidatos ela elegerá e não necessariamente o partido.

Esse sistema deforma por completo o parlamento. Na prefeitura de São Paulo nas eleições de 2016 o PT se coligou com o PDT, PCdoB e o PR para eleger o Haddad. Nessa eleição o Suplicy foi eleito com 300 mil votos (o coeficiente eleitoral era de 100 mil votos), isso significa que o vereador do PT se elegeu e puxou mais dois vereadores. Curioso que esses dois vereadores eleitos com os votos do Suplicy não eram do PT e sim do PR, e assim que tomaram posse esses dois vereadores foram para a base de sustentação do prefeito Dória.

O problema do Brasil é que as leis eleitorais confundem os eleitores e deturpa a representação no parlamento. Por exemplo, votar no Ciro Gomes para presidente e eleger candidatos do DEM para o Congresso Nacional. É lógico que isso não vai dar certo. Se o Ciro monta uma coligação formada pelo DEM, PR, PP, SD, PRB e PDS, é óbvio que o Congresso Nacional será incompatível com os ideais do Presidente da República e causará sérios problemas.

Nessas eleições, partidos golpistas e fisiológicos querem se desvincular da imagem do Michel Temer e se aproveitar do prestígio do Ciro Gomes para manterem suas bancadas. Por isso o DEM, PP, PRB, SD estão se aproximando do Ciro Gomes, para manterem suas bancadas e seus negócios sujos nos ministérios. Muitos dos políticos desses partidos foram do PMDB e do PSDB, dependendo das circunstâncias mudam de partido para manter suas influências no parlamento e perante o presidente eleito.

A candidatura do Ciro Gomes hoje representa uma espécie de refúgio para os políticos fisiológicos que querem se desvincularem do Michel Temer. Por isso, os partidos de aluguéis tem tanto interesse na candidatura do Ciro Gomes. Os políticos que compõe esses partidos agem por instinto de auto preservação, eles querem continuar mantendo suas influências nos ministérios, assim como viabilizar suas candidaturas.

Apoiar a candidatura do Ciro Gomes é apoiar o controle da direita fisiológica no Congresso Nacional. O Ciro não representa a mudança, mas sim a perpetuação do poder das oligarquias.

Responder

    Miguel do Rosário

    17 de julho de 2018 às 11h32

    wilson, o analfabetismo é um problema central, não apenas por uma questão eleitoral, mas porque o analfabetismo fragiliza o cidadão, e o afasta da vida política. Eu acho que você tem um preconceito insano contra Ciro Gomes, de longe o melhor candidato dessas eleições.

    Responder

      Jonas

      17 de julho de 2018 às 12h23

      Você pode não gostar, mas o que ele disse faz todo sentido.
      Além disso…

      “…o analfabetismo (…) afasta da vida política”
      Interessante vc falar isso de um país q tem como o melhor presidente alguém acusado de ser analfabeto…
      Interessante…

      E…
      Ciro gomes, o melhor candidato.
      É apenas convicção sua.

      Responder

      Ferreti

      17 de julho de 2018 às 17h30

      Miguel. Por que você deleta meus comentários? E acredito que não são só os meus. Será que é difícil conviver com opinião contrária?
      Deve ser bastante ruim a pessoa estar em um grupo onde todos só pensem a mesma coisa. Até na vida de casal há divergência mas isso não impede que o casal seja feliz.
      Você já publicou alguns – poucos, aliás – comentários meus, mas a maioria é simplesmente deletado.

      Responder

    Ari

    17 de julho de 2018 às 11h52

    Vc está certíssimo. Raciocina-se como se o voto do pobre tivesse menor valor. Duvido que houvesse mais de 200 alfabetizados em Canudos. Se aquilo não era consciência política… Claro que num nível primario

    Responder

Jorge

17 de julho de 2018 às 10h14

Tá explicado os 30% de intenção de votos do condenado…

Responder

Dario

17 de julho de 2018 às 09h52

Essa é a realidade que faz com que o Brasil só ande para trás como caranguejo, o pior não são só os eleitores com pouca educação mais sim varios politicos do executivo e legislativo semi analfabetos que chegam ao poder , fazem um monte de merdas e quem paga a conta é sempre os brasileiros

Responder

Sergio Sete

17 de julho de 2018 às 08h55

É a “pátria educadora”… não se pode tirar parte dessa responsabilidade do PT, que esteve 13 anos à frente da educação pública brasileira.

Responder

    Curiosinho

    17 de julho de 2018 às 09h13

    Engraçado moço… já correu 4 anos de governo vampiresco, FHC comandando, o Temer de laranja, o Ciro apoiando o golpe através dos votos do PDT, o Lula preso, até o Aecim capitão do mato do senado sossegar o rabo com aquele flagra… E agora o PT é, conforme o script, o responsável!… Para né ? Vocês estão verdadeiramente loucos!

    Responder

      gN

      17 de julho de 2018 às 09h50

      Me desculpa, mas quem destruiu a economia?

      Responder

      Sergio Sete

      17 de julho de 2018 às 10h59

      Curiosinho, acho que você não sabe ler.
      Volte na Wikipedia e leia os anos de governo do PT.
      O governo do Temer, eleito por petistas, começou depois da expulsão da Dilma. O governo Temer completará apenas dois anos em 31 de agosto desse ano.
      o PT governou de 01/01/2003 até 31/08/2016. Isso dá o total de 13 anos e 8 meses.
      O governo PT deixou a herança educadora para seu aliado de chapa Temer manter ou piorar ou melhorar até 31/12/2018.

      Responder

      vitor

      17 de julho de 2018 às 11h18

      Todos são responsáveis. De Sarney à Temer, passando por FHC, Lula e Dilma…

      Responder

        Sergio Sete

        20 de julho de 2018 às 08h40

        Humm…. então os militares deram boa educação ao país…. interessante….

        Responder

      Sergio Sete

      20 de julho de 2018 às 08h39

      Curiosinho, mais um dado pra você, veja aqui: https://www.msn.com/pt-br/noticias/brasil/despreparo-emocional-pode-prejudicar-estudantes-brasileiros-tanto-quanto-falta-de-conhecimento/ar-AAAjSs6?li=AAggXC1

      Esses estudantes tem faixa etária de 15 anos.
      Ou seja, foram “educados” dentro da política “educadora” do PT…

      Não são dados meus, não é uma mera opinião passional minha. São números. Estamos entre os piores no que diz respeito à educação dos últimos 15 anos.

      A economia é importante, mas um povo ignorante é útil para os governos, principalmente os governos autocráticos, ditadores, como são os de esquerda (exemplos aos quilos na História do mundo). Está aí um dos grandes exemplos da capacidade do presidiário Luis Inácio e da sua religião: dentre os piores estudantes do mundo.

      E agora?

      Responder

    Ari

    17 de julho de 2018 às 11h55

    Consciência política nada tem a ver com educação formal

    Responder

Juca Cirandinha

17 de julho de 2018 às 04h30

Isso ja é sabido a tempo, nao é novidade. Os 50 milhoes de votos do PT sao esses analfabetos mais 10 milhoes de funcionarios publicos milionarios e artistas querendo arrancar mais dinheiro do trabalhador

Responder

    gN

    17 de julho de 2018 às 09h50

    Funcionários públicos não estão mais votando no PT

    Responder

      vitor

      17 de julho de 2018 às 11h19

      Os funcionários públicos ricos mamadores das tetas públicas não votam mesmo. Os funcionários públicos pobres ainda votam com a falsa esperança de entrar na classe dos ricos…

      Responder

        wanderley kusma de faria

        19 de julho de 2018 às 16h30

        Eu sou funcionário público CONCURSADO, sou pobre e sei que sou pobre, não tenho o menor interesse em ser RICO. voto no LULA com o maior prazer, assista o FILME o MURO, que mostra o dia da ABERRAÇÃO que foi a votação na câmara pelo GOLPE contra a PRESIDENTE DILMA A LEGITIMA, houve a separação dos contras e dos a favor (MILIONARIOS) muitos dos quais tinham DENTES PODRES, e calçavam chinelos HAVAIANAS.

        Responder

Helena

17 de julho de 2018 às 01h25

O PT que se aliou a banqueiros, multinacionais e grandes empresas nacionais, agronegocio e políticos corruptos como Temer e Maluf, devia ter vergonha de passar 14 anos no governo e as condições estruturais da maioria dos explorados desse pais continuar igual ou pior do que sempre foi, com PSDB e cia..,

Responder

Foo

16 de julho de 2018 às 23h03

Além dos 6 milhões de analfabetos, a tabela também mostra 13 milhões que marcaram a opção “lê e escreve” — muito provavelmente, analfabetos funcionais.

Responder

    Zé dos Bagos

    17 de julho de 2018 às 08h40

    Mas o que a foto mostra claramente é que a véia não tira os bagos dos óios das pernas da moça!
    Vai ver que a culpa é do…
    Lula livre! Lula ou nada !!!

    Responder

Deixe uma resposta