Debate entre presidenciáveis na RedeTV! 22 horas

Foto: Jornal Extra.

PSB e PDT se coligam no Rio

Por Miguel do Rosário

07 de agosto de 2018 : 17h10

No blog do Lauro Jardim

No Rio, PSB indica vice na chapa do PDT para beneficiar Ciro
POR ATHOS MOURA06/08/2018 19:50

Os diretórios fluminenses do PSB e PDT terminaram de selar a aliança para beneficiar Ciro Gomes no Rio de Janeiro.

O PSB indicou o deputado estadual Dr. Julianelli para ser o vice do pedetista Pedro Fernandes ao governo do estado.

Ao apoiar o PDT, a estratégia do PSB fluminense — que não aderiu a estratégia de neutralidade da executiva nacional — é conseguir que Ciro tenha mais inserções no Rio de Janeiro e, assim, drible o pouco tempo que terá no horário eleitoral na campanha à Presidência.

O objetivo da coligação é que Ciro seja inserido nas campanhas de TV e rádio dos candidatos ao governo do estado, Senado e de deputados.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

6 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Wilton Santos

08 de agosto de 2018 às 03h59

Em 1989 o Brizola não ao 2° turno nas eleições presidenciais pois não tinha palanque em São Paulo. O mesmo vai ocorrer com o Ciro em 2018, sem palanque forte no maior colégio eleitoral não chegará muito longe.

Por outro lado, o candidato do PT tem palanques fortes nos principais colégios eleitorais do país. Os principais são: SP, MG, RJ, RS, DF, todo o Nordeste. Isso significa que o candidato do PT certamente estará no 2° turno.

Responder

NeoTupi

07 de agosto de 2018 às 22h48

O PDT do Rio está totalmente descaracterizado. Até os netos de Brizola saíram. Um está no Psol e outro no PPL.
Em 2016 o PDT foi vice do PMDB na corrida pela prefeitura, vice do deputado Pedro Paulo, que largou a secretaria da casa civil só para votar o impeachment junto com a bancada do PMDB carioca liderada por Cunha.
Agora coloca Pedro Fernandes, ex-secretário de Crivella, que só entrou no PDT agora porque o PRB e o PHS não lhe deu legenda para candidatar. Isso depois de vir do SD, PMDB e do PFL.

Responder

Jochann Daniel

07 de agosto de 2018 às 17h27

Repassando
Vídeo fantástico, definitivo e fundamental.
Clique em
https://www.youtube.com/watch?v=I2TEtQgpgD0&t=2s
para ver o vídeo.
Mantenha a calma

Responder

Antonio Passos

07 de agosto de 2018 às 17h27

O Rio de Janeiro foi o estado que mais se beneficiou dos governos do PT, que tiraram a cidade do Rio da condição de balneário decadente legada pela ditadura, até levá-la à sede de uma Olimpíada. O Rio é portanto o estado que mostrou mais ingratidão contra Dilma, não tendo do que se queixar da atual situação de penúria e desmoralização. Hoje em dia o Rio não serve nem pra campeonato Mundial de cuspe em distância.

Responder

    Renato

    07 de agosto de 2018 às 18h42

    Nossa, como você é idiota. O Rio está na m e r d a em que está graças a Lula, Dilma e ao Petê , que sempre apoiaram a corja de ladrões que levou o Rio à situação em que está. Eles sempre apoiaram Cabral, Picciani, Paulo Mello, Pezão e Eduardo Cunha. Faz bem o Rio em meter o pé na bunda dos petistas !

    Responder

    Alan Cepile

    07 de agosto de 2018 às 21h31

    RJ = 11 milhões de votos = 3º maior colégio eleitoral do país.

    Sem mais

    Responder

Deixe uma resposta

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com