Cafezinho 2 minutos: Posse de Bolsonaro e alegações finais contra Lula

A onda Ciro

Por Pedro Breier

06 de outubro de 2018 : 17h03

É inegável que formou-se uma onda Ciro nas redes sociais.

Ao menos na bolha da esquerda, a quantidade de indecisos que declarou, nos últimos dias, voto no candidato do PDT é impressionante. Além da própria timeline – linha do tempo, em português – deste escriba ter sido tomada por novos ciritas, diversos relatos dão conta do mesmo fenômeno.

A grande motivação parece ser a tendência, segundo as últimas pesquisas, de que Ciro seja o candidato com mais chances de bater Bolsonaro no segundo turno.

A pergunta central dessa véspera do primeiro turno das eleições é, portanto: a onda Ciro terá força para levar o pedetista ao segundo turno?

Se ela, a onda, ficar restrita à bolha da esquerda de classe média nas redes sociais, certamente não.

Se se estender às camadas populares e aos eleitores de outros candidatos que, para fugir da escolha entre PT e Bolsonaro, decidam votar em Ciro na última hora, a chance de uma reviravolta passa a existir.

Ciro usou, acertadamente, o argumento de que ganha de ambos no segundo turno, segundo as pesquisas, na sua última fala no debate da Globo.

A ida do pedetista ao segundo turno segue improvável. Não é, entretanto, uma hipótese absurda.

P.S.: Recomendação para este sabadão pré-eleição: Ciro jantando com farinha os entrevistadores/porta-vozes do capital na sabatina do Estadão e FAAP. Divirtam-se.

 

Pedro Breier

Pedro Breier, colunista d'O Cafezinho, é formado em direito mas gosta mesmo é de jornalismo. Nasceu no Rio Grande do Sul e hoje vive em São Paulo.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

57 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Serg1o Se7e

11 de outubro de 2018 às 08h44

A “onda Ciro” mudou de rumo.
Antes de ir para a Europa (como todo bom socialista de iPhone), Ciro fez o que se chama de velha política do coronelato: deu seu preço.

Os cargos que o PDT pediu ao PT
Brasil 11.10.18 07:15

Petistas disseram ao Estadão que, para apoiar Fernando Haddad, o PDT, de Ciro Gomes, pediu os seguintes cargos:
– A Casa Civil.
– O Ministério do Planejamento.
– O comando do BNB.
– Um ministério para Carlos Lupi.
– A presidência do Senado para Cid Gomes.

Segundo a reportagem, o PT quer negociar apenas dois cargos.

Responder

Serg1o Se7e

08 de outubro de 2018 às 08h40

Em qual praia deu essa onda Ciro?
Estou aqui procurando e não achei ainda….

Responder

Minana

07 de outubro de 2018 às 23h05

Acho que essa “onda” seria vencedora se tivesse ocorrido antes.

Responder

Robson Bonelli

07 de outubro de 2018 às 17h08

#13

Responder

Juca Kifuro

07 de outubro de 2018 às 15h37

Acabou miçangueiros!
É bom Jair enviando currículo

Responder

Ultra Mario

07 de outubro de 2018 às 15h37

Ele é o melhor candidato, por isso tanto os partidos da direita quanto da “esquerda” evitaram dar tempo pra ele falar. Quiseram matar o carteiro para que o povo não lesse a carta.

Mas a internet é uma maravilha, se não deixaram ele falar na tv, nós falamos por ele na internet. A militância do Ciro foi implacável e espalhou as idéias do candidato em tudo quanto é canto. Inclusive muitos aprenderam muito sobre economia durante essa campanha, e assim puderam argumentar da melhor forma contra tudo que é retrocesso que está nos sendo oferecido como “alternativa”.

Estou de consciência limpa, e aposto que o Ciro também. Melhor campanha, melhores propostas. Agora basta esperar o voto popular afinal cada povo tem o governo que merece!

Responder

    Rosa Lula da Silva

    07 de outubro de 2018 às 21h20

    Tenho orgulho de Ciro gomes como brasileiro.
    Homem inteligente, estudado, humano.
    Uma pena que não está no segundo turno.
    Mas, o que esperar de um povo sem estudo, sem cultura, manobrado politicamente?

    Responder

      CLAUDIO GONCALVES OREM

      07 de outubro de 2018 às 21h33

      Oh Dona Rosa. Com todo respeito. A evolução é clara. Vcs afundaram a esquerda. O povo estudou e acordou das mentiras e, promessas e safadezas do uquifo comunista. Tchau querida.

      Responder

    CLAUDIO

    07 de outubro de 2018 às 21h24

    Deu não véi. Agora é ir de Bolsonaro

    Responder

Fausto

07 de outubro de 2018 às 14h23

Filiados do PSOL, simpatizantes do PCB, boa parte, penso, estão votando em Ciro Gomes hoje pela ameaça que Bozonaro representa. Ameaça real. O mais lamentável disso tudo são as práticas políticas do PT. Nunca o apelido de UDN de macacão e ”esquerda” que a direita gosta serviu a este partido como hoje. Que as bases migrem, que a informação chegue às pessoas que por convicção apoiam o PT. A banda podre do PT, a cúpula que faz alianças espúrias depois de hoje estará no lixo da história política brasileira. Jogando pela direita! Nada mais que canalhas. Ciro rumo ao segundo turno. 12! Viva Brizola!

Responder

Jaraki

07 de outubro de 2018 às 13h31

Rapaz. Esse fanatismo do PT ta foda.

Responder

Hamilton Jegue

07 de outubro de 2018 às 12h25

Será engraçado ver o Bolsonaro fora do segundo turno.

Responder

    CLAUDIO GONCALVES OREM

    07 de outubro de 2018 às 21h25

    Só que não. Sorry

    Responder

Luis Campinas

07 de outubro de 2018 às 12h21

Diante da possibilidade real de um governo fascista assumir o país com o apoio efetivo, o que é mais grave, do judiciário, MP, órgãos de segurança e grande mídia, considero irrelevante a matéria a matéria em questão. Claro que Ciro é importante e daí? Bolsonaro é muito mais, me entendem? Não estamos nos dando conta de que a possibilidade ninca foi tal possível como agora de perdermos nosso oxigênio e por conta disso a barnarie, isso mesmo a BARBÁRIE prosprerar. Cabe a todos a partir de agora, lutar para a vida!

Responder

    CLAUDIO GONCALVES OREM

    07 de outubro de 2018 às 21h27

    Palavra nova no vocabulário?? Barbárie?? KKKKK. Vai estudar o que é fascismo. Vamos de 17. Melhor Jair enviiando Curriculo .

    Responder

Luiz Zimermann

07 de outubro de 2018 às 07h47

Quanta ingenuidade…..Ciro foi inflado pelos institutos de pesquisas que são remunerados pelas midias golpistas porque seus projetos (geraldo, huck, etc e tal) faliram…por ser mais palatavel…por trazer na sua indole o coronelismo…..a midia golpista até abraçará o coiso para que o PT e o Lulismo não voltem ao poder…. mesmo depois do massacre continuam forte….

Responder

Ricardo

07 de outubro de 2018 às 07h30

Essa onda mais parece marolinha. Hadad o poste new parou ciro estagnou e so Bolsonaro cresce. Ja esta com 41% dos votos úteis. Vai ser no 1 turno

Responder

Robert

07 de outubro de 2018 às 00h49

Eu vou absolutamente de Ciro, o mais preparado para dialogar com todos e todas,

Responder

Luiz Elias

07 de outubro de 2018 às 00h20

Prá mim esta onda Ciro foi fabricada, muito concentrado na juventude com mais educação, começando colocando dúvidas e depois fazendo aceitar uma proposta mais palatável e com menos conflitos.

Responder

    Adam Smith Comuna

    07 de outubro de 2018 às 00h47

    Foi tão fabricada que o perfil oficial do Ciro errou na #.

    Vamos para o terceiro dia nas trending topics globais.

    Responder

      Serg1o Se7e

      08 de outubro de 2018 às 10h57

      … qual é a trend agora?
      Proponho uma nova réchitégui: #12ésóumadúzia

      Responder

Adam Smith Comuna

06 de outubro de 2018 às 22h26

Todas as trakings de partidos e das pequenas financeiras, pois nenhum deles confiam nas pesquisas do cartel, mostram empate entre Ciro e Haddad. Tivemos diversos exemplos de pesquisas “errando” feio, com o próprio Haddad garantido no segundo turno de SP.

Não falo por todos mas eu garanto que não voto no Haddad contra Bolso, Hitler, João Roberto ou Pinochet. Não voto no PT desde 2002, os acordos e empréstimos feitos pelo FMI estão entalados na minha garganta. Me surpreendi até com minha esposa, totalmente antifa e Marxista, que na última votou na Dilma no primeiro turno dizendo que não voltará no PT no segundo turno de jeito nenhum.

Diferente do que tentam dizer os panfletos petistas a revolta contra o PT não é apenas a criada pela mídia. Todos os governos petistas seguiram a risca, e até aprofundaram, o tripé macroeconômico do FHC. Mas, no último governo o neoliberalismo foi escancarado.

Tem muito filiado do PSOL, eu mesmo um, votando no Ciro. Tem um centro-esquerda da Marina votando no Ciro e até eleitores do Amoedo migrando para o Ciro.

Você, eleitor do Haddad, tenha certeza

Responder

    Adam Smith Comuna

    07 de outubro de 2018 às 00h41

    Continuando:

    eleitor do Haddad, tenha certeza, grande parte da militância do PSOL, PCO, Ciro, Marina e Amoedo não estarão com Haddad no segundo turno, mesmo contra Bolsonaro. Razões diferentes mas a mesma realidade.

    PCO rejeitou apoio a Lula mesmo com seu presidente desejando isso. PSTU não entra em alianças com PT nem mesmo regionais. PSOL nunca apoiou o PT nacionalmente, se Haddad passar pode ocorrer pela primeira vez mas grande parte da sua militância não ficará satisfeita. Aquele eleitor do Ciro que era simpático ao PT se irritou com os acordos pela neutralidade do PSB.

    Em 2014 a Dilma precisou de uma campanha do “medo da fome”, e quase perdeu. Haddad vai precisar novamente do medo para ganhar se for ao segundo turno.

    É hora de ter a coragem de mudar!

    Factóides do PT ficam repetindo que Ciro é incoerente e de direita. Ciro escreveu um livro sobre seu projeto para o Brasil em 1995 com Mangabeira Unger, este mesmo projeto foi apresentado na campanha de 98, 2002 e agora em 2018. Mangabeira Unger está na sua equipe, acha lógico que um dos mais respeitados intelectuais do mundo iria jogar seu nome no lixo para apoiar um “cavalo de Tróia” como chamou o “historiador” (que não tem uma citação academica) do 247?

    PT esteve no poder por 13 anos, apesar de alguns avanços, continuamos como um dos países mais desiguais do mundo e o penúltimo em educação.

    Hora de dar chance para a mudança!

    Vote Ciro12, não só contra o fascismo, mas por mudança!

    Responder

    Miguel

    07 de outubro de 2018 às 08h55

    Este conversa “ja votei no PT e nao voto mais”….sei
    Entao, o socialista vai de NAZISMO no segundo trunoi…entao ta’…..
    Me admiro estes coxinhas com este golpe aqui no O Cafezinho

    Responder

      Adam Smith Comuna

      07 de outubro de 2018 às 09h46

      Segundo turno meu voto é 12. Escolher entre Paulo Guedes e Marcos Lisboa é como optar entra coentro e cheiro verde para tempero da sopa que vão me cozinhar.

      Responder

        Almino

        07 de outubro de 2018 às 11h09

        O antipetismo de esquerda é o pior dos antipetismos, pois não consegue fazer uma análise conjuntural dos riscos que ora a democracia passa. É uma fala rancorosa, rançosa. Prefere entregar o país ao fascismo do que votar no segundo turno no candidato petista que tem 95% de chance de derrotar o bolso. Ciro é bem mais avançado politicamente do que certos seguidores seus que se lambuzam de ódio. Ódio? Palavra doce na boca dos bolsomicos. Ainda bem que a grande maioria de cirista entendem o contexto. #Haddad13

        Responder

        Serg1o Se7e

        08 de outubro de 2018 às 10h58

        Vai anular então no 2º turno?

        Responder

      Elena

      07 de outubro de 2018 às 10h08

      Pois é! Esse pessoal do “não voto mais no PT” vai contribuir para a vitória do nazi no 2o. turno. Depois não adianta chorar, pois todos pagaremos por essa estupidez desses coxinhas enrustidos. Haja, viu!

      Responder

        Alan Cepile

        07 de outubro de 2018 às 10h18

        O PT faz um acordo esdrúxulo com o PSB, enfraquece a esquerda e depois fala que a culpa é dos eleitores do Ciro… A única lógica do petismo é não ter lógica.

        Responder

Nilson Messias

06 de outubro de 2018 às 22h08

Artigo de torcedor, não de analista. Leonel de Moura Brizola, com uma história lendária de luta com um partido, na época, realmente de centro esquerda não conseguiu ir ao segundo contra o metalúrgico em 1989. Imagina, Ciro Gomes, que não tem um terço da história do velho Briza. Segundo turno “tamo” juntos.

Responder

Humberto Lima

06 de outubro de 2018 às 21h14

A rejeição do Ciro só é menor que a do Haddad pq tem poucas chances de chegar ao 2 turno. A transferência dos votos do Haddad para o Ciro é mais difícil que o inverso. O antipetismo não pode ser superestimado já que Lula era o líder das pesquisas. Haddad é firme, sereno e racional. É a pessoa certa para a pacificação do país. Ciro é um bom quadro mas, pragmaticamente, amanhã é #Haddad13

Responder

André Romero

06 de outubro de 2018 às 21h10

Vou de Ciro no 1o turno.
S[o estou esperando essas eleições acabarem para esfregar na cara dos petistas se valeu a pena apostar como sempre no conchavo, na divisão e na mesquinharia política.

Responder

Luis Castro

06 de outubro de 2018 às 20h57

Me enganei no Vox Populi Ciro tem 11% e não 13%. Porem já saiu o Data Folha Ciro com 13%. Agora quem estará com a verdade, no Vox Bolsonaro 34% no Data 36%, a diferença na margem de erro .Agora no Vox. Haddad 27% e na Data 22%, a diferença é de 5% acima da margem erro.Agora só o pleito quem acertou ou errou. A onda Ciro benvinda, mas por enquanto é uma marolinha.

Responder

    Alan Cepile

    06 de outubro de 2018 às 21h52

    Mas tem o histórico dos 12% da eleição anterior.

    Responder

Miguel

06 de outubro de 2018 às 20h38

Acho que Ciro séria favorito contra Bolsonazi. Só que não vai pro segundo turno. Aguardando o posicionamento deste blog para o 2’ turno…

Responder

JOÃO BATISTA

06 de outubro de 2018 às 20h37

Ciro é o melhor candidato, o mais preparado, além de ser o mais forte, pois resistiu aos ataques da estrutura de internet de bolsonaro e também às armações de lula, através de marionetes como a barbie do paraná, aquela que disse “Ciro, nem com reza brava”, e o derrotado à prefeitura de são paulo e atual poste do presidiário à presidência.

É Ciro 12 !!!

Responder

Jandui Tupinambás

06 de outubro de 2018 às 20h31

pessoal,

não é onda Ciro. É uma marolinha na mente dos fanáticos pois nem marolinha existe.

Vão se conformando e preparando o espírito para lutar contra Bolsonaro com a arma infalível: 13!!!!

#LulaLivre!!!!

#HaddadPresidente!!!

Responder

    JOÃO BATISTA

    06 de outubro de 2018 às 20h40

    Nulo!
    Se Ciro não estiver no segundo turno, é Nulo!

    Responder

      Elena

      07 de outubro de 2018 às 17h07

      Ah é, é? Depois ficam bravos quando escrevemos que os ciristas serão os culpados pela vitória do Boçalnaro. Não sabe que votar nulo o beneficiará?

      Responder

    CezarR

    06 de outubro de 2018 às 21h03

    hahahahaha, que feio! A média dos trackings internos está 20 a 20. Mesmo assim tá com risco de dar Bolsonaro.

    Responder

    André Romero

    06 de outubro de 2018 às 21h27

    Concordo com você Jandui. Acho infelizmente que será muito improvável Ciro chegar ao 2o turno.
    Espero que você igualmente concorde em se encontrar comigo aqui logo após o 2o turno para debatermos o resultado dessa arrogância, miopia, acefalia e extrema estupidez de vocês, que nunca mais verão o meu voto enquanto eu viver.

    Responder

    Alan Cepile

    06 de outubro de 2018 às 22h17

    Peçam ajuda pra Marília Arraes…. MInha urna só tem o 12, e vai ser no 1º e 2º turnos.

    Responder

Jonathan Gonçalves

06 de outubro de 2018 às 20h29

A onda Ciro é mais torcida do que embasado na realidade. No Brasil profundo, longe das bolhas das redes sociais, o povo vai votar em peso no Haddad, o escolhido do Lula.

Responder

Jandui Tupinambás

06 de outubro de 2018 às 20h26

Pesquisa Vox confirma:

onda Ciro prova que tudo não passava de Wish thinking do articulista.

Ciro e Haddad são derrotados no segundo turno por Bolsonaro. Logicamente que o cenário será outro completamente diferente depois que Bolsonaro for obrigado a sair da toca.

De qualquer forma, caiu por terra o argumento principal do voto útil no Ciro.

Votos estimulados totais

Bolsonaro 34%
Haddad 27%
Ciro 11%
Alckmin 5%
Marina 2%
Amoêdo 1%
Meirelles 1%
Cabo Daciolo 1%
Álvaro Dias 1%
Boulos 1%

Simulação Segundo Turno

Bolsonaro:40
Haddad: 37

Bolsonaro: 38
Ciro: 36

Responder

    Alan Cepile

    07 de outubro de 2018 às 07h16

    Pq vc só colocou metade do nome da pesquisa? É VOX mais o que?? Diga aí, queremos saber…

    Responder

      Dulce

      07 de outubro de 2018 às 13h00

      Populi?
      O q tem o nome vox populi?
      Se não sabe latim, essa é a tradução:
      A voz do povo.
      O q tem esse nome?
      Ahhh Já sei…
      Achou q o nomd era vox/cut né? Rsrsrsr

      Saiba q após a barra não é o nome do instituto e sim do contratante.
      E essa pesquisa voz não tem nada com a cut, foi contratada por crownfunding pelo 247.
      “Ah, mas 247 é petista?”
      Então acredite na Ibope/GLOBO, datafolha/GLOBO. Todas estão bem próximas. À vontade.

      Responder

devanir marchioli

06 de outubro de 2018 às 20h13

Miguel tomara que essa realmente aconteça, pois só Ciro tem o poder de derrotar o coiso, com essa estratégia do PT, não vamos ganhar no segundo turno e ainda estamos correndo um sério risco de nem ter o segundo turno

Responder

    JOÃO BATISTA

    06 de outubro de 2018 às 20h42

    O texto é de Pedro Breier.

    Responder

Diego Baptista

06 de outubro de 2018 às 20h11

Sim, também percebi e tive relatos de pessoas que também perceberam. Temos que tenha sido tarde. Talvez muitos se arrependerão por não terem se engajado anteriormente… Acho que muita gente ficou reticente de assumir logo que tinha que articular em torno do Ciro, que não teria saída. Somado a esse imobilismo inicial de setores que agora apoiam Ciro a campanha agressiva e bem-sucedida do PT em destruir a candidatura de Ciro, ficou difícil, ainda que não seja totalmente impossível.

Responder

Gustavo

06 de outubro de 2018 às 19h57

Números da Pesquisa IBOPE na quarta-feira antes do debate na Globo em 2014:
– Dilma Rousseff (PT): 39%
– Marina Silva (PSB): 31%
– Aécio Neves (PSDB): 15%

Resultado das urnas em 2014:
– Dilma Rousseff (PT): 41%
– Aécio Neves (PSDB): 33%
– Marina Silva (PSB): 21%

Números da Pesquisa IBOPE na quarta-feira antes do debate na Globo em 2018:
– Jair Bolsonaro (PSL): 35%
– Fernando Haddad (PT): 23%
– Ciro Gomes (PDT): 11%

Em 2014 a diferença do segundo para o terceiro era de 16%. No resultado das urnas Aécio avançou 17% e Marina caiu 10% em relação a última pesquisa antes do debate da Globo.

Nesta eleição de 2018 a diferença é bem menor, 12%, a onda da virada já começou, é nítido que os eleitores de Haddad, Alckmin, Marina e demais que estão atrás já começaram a migrar para Ciro.

Não tenho dúvidas, teremos uma virada histórica nessa eleição.

#CiroSim #Ciro12 #TsunamiCIRO

Responder

CezarR

06 de outubro de 2018 às 19h24

Até no Vox o Haddad toma de lavada do Bolso…. pelo amor de Deus!

Responder

    devanir marchioli

    06 de outubro de 2018 às 20h15

    Agora acho que o petistas entenderam que a melhor estrategia seria ter Ciro como cabeça de chapa e alguém do PT como vice, mas acho um pouco tarde. Tomara que a onda Ciro realmente aconteça

    Responder

    devanir marchioli

    06 de outubro de 2018 às 20h17

    Agora se percebe-se a melhor opção teria sido Ciro como cabeça de chapa com alguém do PT como vice, mas acho um pouco tarde.. Tomara que a Onda Ciro realmente aconteça

    Responder

    Luis Castro

    06 de outubro de 2018 às 21h21

    De lavada precisa sua cara pára de ser despeitado . A diferença é bem menor de 7 pontos, Bolsonaro 34% e Haddad 27%., enquanto os dos golpistas colocam a diferença.quase o dobro. Agora só o pleito dirá quem está mais próximo.da verdade, enquanto Ciro o indice mais alto é de 13% , ou seja uma marolinha.

    Responder

      Nildo Arantes

      07 de outubro de 2018 às 10h40

      Diferença pequena?
      Kkkkkkkkkk
      Fale depois do resultados da Eleição. Pode apostar que chega a 30% pró-Bolsonaro.
      Não seja mais um iludido pois o sonho acabou.
      Chupaaa, que é de uva.

      Responder

    Rosa

    07 de outubro de 2018 às 21h26

    Os idiotas dominarão o mundo por uma simples questão de superioridade numérica. A frase não é minha . Se não me engano de Nelson Rodrigues.
    Bem atual.

    Responder

      CLAUDIO

      07 de outubro de 2018 às 21h30

      Não. Perdeu essa contemporaneidade. Funcionou somente nos últimos 4 mandatos da petralhada. Agora é só Nordeste amigão.

      Responder

Deixe uma resposta