Comentários sobre o áudio vazado de André Esteves (BTG Pactual)

Em entrevista à Globonews, Tábata relembra sua origem na periferia

Por Redação

07 de junho de 2019 : 00h35

A entrevista foi exibida no dia 5 de junho de 2019.

No Globoplay:

Andréia Sadi entrevista a deputada federal Tabata Amaral. Ela ganhou notoriedade por causa de suas pautas voltadas para a educação e do embate com os ministros da mesma pasta do governo Bolsonaro. Ela relembra os episódios, sua origem na periferia e fala ainda de sua eleição.

Para assistir clique na imagem abaixo. É preciso se cadastrar.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

29 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Wagner Martos

09 de junho de 2019 às 18h22

alguém viu a tábata nas passeatas contra o corte do dinheiro da educação?
alguém viu a tábata, pelo menos, apoiando explicitamente a luta pela educação?

o problema do cafezinho é que, por serem pedetistas, acham que só por estar no pdt, a tábata é trabalhista. o mesmo ocorre com o ciro. ciro está pdt e deixará de estar pdt se for conveniente a ele.
tábata e ciro (e aquele namorada da fátima bernardes tbm) estão de carona no pdt. só isso.

quando vejo pedetista babam pra tábata e pro ciro fico pensando no Brizola. ele não merecia isso.

Responder

    Miramar

    10 de junho de 2019 às 00h25

    Não sou pedetista, mas sou cirista e eleitor da Tabata.
    Respondendo ao seu comentário sei de duas pessos que viram a Tabata na manifestação do diz 30 em Brasília, e apoiando as manifestações do ps dias 15 e 30. Essas pessoas são eu e você.
    Quer dizer então que temos duas possibilidades. Ou você é um preguiçoso que não gosta de procurar as coisas, e acha que porque você não viu não existiu. Ou você procurou, viu, fingiu que não viu e mentiu que não existiu. Ambas as atitudes são desonestas.

    Responder

Ricardo

09 de junho de 2019 às 16h17

Gostei de como ela se expressa, não é um partido da direita ou da esquerda que vai resolver nossos problemas, e sim pessoas que enxergam o problema todo e não se lamentam com a situação, e põe mãos a obra….espero que ela continue com essa resiliência e se sacrifique por um bom tempo na política

Responder

Valdeci Elias

08 de junho de 2019 às 23h56

Seu patrão Jorge Lemann, acaba de comprar uma parte da Eletrebras por R$50.000,00 (cinquenta mil reais). Mais barato que o Jeep Renegade.

Responder

    Valdeci Elias

    09 de junho de 2019 às 10h51

    (Eletrobras)

    Responder

      Miramar

      10 de junho de 2019 às 00h29

      Você se enganou. Quem é funcionário do Insper, e portanto é empregado do Lehmann, é aquele poste que foi candidato do PT na última eleição presidencial.

      Responder

Orlando Fogaça Filho

08 de junho de 2019 às 12h41

O Cafezinho ladeira a baixo. Cada dia pior. Antes referência de jornalismo, hoje exemplo de jornalixo.

Responder

Paulo

07 de junho de 2019 às 22h53

Estão aí duas brasileiras que não saem da mídia: Tábata Amaral e Andréia Sadi (que agora tem entradas até no Jornal Hoje)…uma vai passar de repórter a apresentadora logo, logo; e a outra, de parlamentar à chefe de Executivo (pelo menos vão tentar emplacá-la)…

Responder

    JOÃO BATISTA

    08 de junho de 2019 às 15h55

    Narciso acha feio o que não é espelho.
    Mortadela, inveja é doença, vá se tratar.

    Responder

Miramar

07 de junho de 2019 às 18h09

Engraçado…não me lembro de nenhum petista reclamar de exposição na mídia, incluindo a Rede Globo, quando em fins dos anos 90 petistas como Marta Suplicy e José Genoíno dominavam a mídia e eram saudadas por pessoas de todas as tendências como símbolo do novo…

Responder

Piegas

07 de junho de 2019 às 15h45

simplório.

Responder

Olavo

07 de junho de 2019 às 14h35

Parece ser uma pessoa honesta e decente, bem diferente das tranqueiras esquerdopatas que existem por aí. Tipo o dragão Maria do presidiário, Fátima gorpi Bezerra, Jandira Zapata fegalli, Greice amante e outras imundices. E tem outra, o dia que abrir a boca para dizer lula livre, perde toda a credibilidade.

Responder

    Zé Maconha

    07 de junho de 2019 às 14h45

    Olavete , nem li o que você escreveu.
    Cuidado pra não cair da borda da Terra hein hahaha
    Já que a gravidade não existe eu “conclomo” você a pular de um prédio.

    Responder

    JOÃO BATISTA

    08 de junho de 2019 às 15h58

    Exato!

    Responder

Zé Maconha

07 de junho de 2019 às 14h06

Não estou defendendo os cortes em si mas a maneira como estão sendo feitos … tem universidades que dá para cortar mais do que outras.
Tábata Amaral.
Isso o Miguel não publica.

Responder

    JOÃO BATISTA

    08 de junho de 2019 às 16h01

    Acompanhando suas manifestações aqui no Cafezinho, estou certo de que tens potencial para sucessor de Abraham como ministro da educação, pois a tendência é declinante.

    Responder

Wilton Santos

07 de junho de 2019 às 13h51

A globo promovendo político, aí tem coisa! Essa matéria faz lembrar o saudoso Brizola que dizia: “Quando vocês tiverem dúvidas quanto a que posição tomar diante de qualquer situação, atentem… Se a Rede Globo for a favor, somos contra. Se for contra, somos a favor!”

Responder

    JOÃO BATISTA

    08 de junho de 2019 às 16h03

    Mortadela, vá curar sua dor de cotovelo.
    Narciso acha feio tudo o que não é espelho.

    Responder

Gustavo

07 de junho de 2019 às 08h45

Não vi toda a entrevista, mas com base no que vi, me parece ser uma pessoa ponderada e dentro da realidade. Parece promissora

Responder

    JOÃO BATISTA

    08 de junho de 2019 às 16h10

    Exatamente, Gustavo!
    Por isso é atacada por gente da esquerda e da direita, por ela e outros representarem “risco” para a disputa em que esses grupos se alternam no poder.
    Políticos precisam superar essa disputa articial entre siglas e rótulos, para enxergar que há muito por fazer.
    Tábata representa a possibilidade de romper esse ciclo, debatendo e propondo soluções para as pessoas, sem vínculo, sem cabreiro ideológico.

    Responder

      JOÃO BATISTA

      08 de junho de 2019 às 16h12

      cabresto

      Responder

Márcio

07 de junho de 2019 às 07h14

Se passar de coitadinha para enrolar pobre não funciona mais faz tempo.

Essa menina nasceu velha, já era.

Responder

    JOAO BATISTA

    08 de junho de 2019 às 16h15

    Nada há de coitadismo na fala dela, mas a constatação de que é possível romper e superar barreiras através da educação.

    Responder

Miramar

07 de junho de 2019 às 01h10

Eu até achava que nunca me identicaria com um político como me identifico com o Ciro, até que a Tabata apareceu…

Responder

    Miramar

    07 de junho de 2019 às 01h12

    identificaria

    Responder

Viviane

07 de junho de 2019 às 00h58

Coitada dessa menina. Ela vai ser massacrada pela esquerda corrupta. Mas tem futuro.

Responder

    vicente caliman

    08 de junho de 2019 às 09h28

    Tem-se que considerar que toda esta exposição desta moça, faz parte da turma que ela representa, com o financiamento do mega rico Lemman

    Responder

      JOAO BATISTA

      08 de junho de 2019 às 16h19

      As doações para a campanha dela estão registradas no tse.
      Quanto às bolsas de estudo que ela obteve, poderiam ter sido para você, um parente ou amigo seu, mas, provavelmente, vocês estavam com os cotovelos sobre o batente da janela lamuriando, enquanto ela disputava, pelo conhecimento, com gente do mundo todo.
      Vá se tratar, preguiçoso.

      Responder

        vicente caliman

        09 de junho de 2019 às 09h42

        O João não acorda nem quando esta para perder a cabeça.

        Responder

Deixe um comentário

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?