CPI da Fake News, com Joice Hasselmann

Ciro se pronuncia sobre Lula

Por Redação

11 de novembro de 2019 : 18h21

O pedetista deixou claro que não deseja nenhuma aproximação com o ex-presidente.

***

No O Globo

Ciro diz que Lula insiste em ‘farsa’ de candidatura e tenta enganar o ‘povo’

Para pedetista, ex-presidente não ‘tem nada de inocente’

por Sérgio Roxo e Suzana Correa

11/11/19 – 17h46 | Atualizado: 11/11/19 – 18h12

SÃO PAULO – O ex-ministro Ciro Gomes (PDT), afirmou nesta segunda-feira, em entrevista exclusiva ao GLOBO, que o ex-presidente Lula demonstrou não ter tirado lições do período que passou na cadeia, onde ficou 580 dias: “Ele não aprendeu rigorosamente nada (na cadeia) ao se colocar como candidato sem poder ser”. Para Ciro, o petista estaria tentando enganar o povo “com a presunção de que o povo é ignorante, é idiota” e a “farsa de 2018”, quando Lula lançou candidatura mesmo barrado pela Lei da Ficha Limpa, está se repetindo e, agora, será uma “tragédia”.

Ciro foi ministro da Integração Nacional no primeiro mandato de Lula e na eleição do ano passado chegou a ser procurado pelo ex-presidente para que aceitasse, inicialmente, ser seu vice. Depois, o cabeça da chapa presidencial. O pedetista se recusou a conversar com Lula. Depois de ficar em terceiro lugar na disputa presidencial, viajou para o exterior e não subiu no palanque de Fernando Haddad, substituto do PT para o líder encarcerado. Confira os principais trechos da entrevista:

Como o senhor viu a soltura do Lula?

Ao lado do judicial e do político, você tem um lado humano. Quem comemora que um cidadão esteja preso? O cara saiu da cadeia, acho que é hora dele. Eu não sei se eu aguentaria ficar preso, embora eu me comporte. É um negócio de maluco. O (Nelson) Mandela foi preso por luta armada contra o apartheid (regime de segressão racial da África do Sul), o Lula foi preso por corrupção, condenado por corrupção passiva. Você pode até discutir, como eu já falei um milhão de vezes, o devido processo legal. Eu não acho que ele tenha tido o direito (a julgamento justo), agora que ele seja inocente, estou cansado de saber que ele nunca foi, (vi isso) de perto, testemunhadamente. Achei melhor ficar calado, deixar acontecer para ver.

O PT adotou o discurso de que o Lula é um preso político

Preso político? O último preso político notável da América Latina foi o (ex-presidente do Uruguai Pepe) Mujica. Preso (durante a didatura militar do páis sul-americano), que nunca viu um promotor ou juiz, sumiu. Ficou um ano numa fazenda dormindo num silo, quase enlouqueceu. O nome disso é preso político. Agora o outro lá é preso político. Aí de repente o Supremo manda soltar e pronto, não é mais preso político? Percebe? É um negócio de doido. Se você entrar nisso, é a tragédia brasileira.

Como o senhor avalia a situação depois dos discursos do Lula, já fora da cadeia?

É a loucura que está acontecendo no Brasil. Vejo basicamente que a história se repete como farsa, e se houver repetição de novo, será como tragédia. É isso que está contecendo neste momento. O Lula não saiu da cadeia inocente, nem inocentado pelos tribunais como eles estão, de novo, enganando e explorando a boa fé da população brasileira. O Lula foi devolvido às ruas porque está pendente um conjunto de recursos. Ele tem direito de aguardar em liberdade como qualquer outro cidadão. Aí o Lula sai imediatamente demonstrando que não aprendeu rigorosamente nada, sai o mesmo: candidato sem poder ser. Já foi assim em 2018. E deu-se a farsa do Haddad, que se submeteu a uma fraude. Eles diziam que eleição sem Lula era fraude, depois já não era mais fraude. O que eles dizem de manhã não serve para de tarde. Sempre com a presunção de que o povo é ignorante, que o povo é idiota, que cabe manipular, mentir, enganar porque o que importa é o projeto de poder. Agora, vai se repetir como tragédia, se persistir nesse caminho.

Para o Bolsonaro e seus apoiadores, é positiva a soltura do Lula?

É tudo que o bolsonarismo, empurrado para o gueto de onde nunca deveria ter saído, está ardorosamente comemorando.

E a decisão em si do Supremo de rever a prisão em segunda instância?

Desde o episódio da judicialização do caso Lula todo cidadão tem um sentimento de justiça. E o que faz nossa mais Alta Corte, perante esse sentimento de justiça? Por 6 votos a 5 diz que a prisão em segunda instância vale. Um ano depois, sem nenhuma inovação ou mudança institucional, pelos mesmos 6 a 5, vai na direção contrária. Isso na cabeça do povo é absolutamente deletério em matéria de confiança, porque, quem gosta do Lula, vai sempre acusar o Supremo de ter feito política ao sancionar uma prisão precoce do Lula naquela data.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

35 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

CezarR

12 de novembro de 2019 às 09h48

Senhores… senhores…. eles estão em disputa política pela centro-esquerda. Menos amores e ódios que em um futuro qualquer, eles podem estar juntos de novo se a conjuntura assim o determinar.

Responder

Sempre Voltaço

12 de novembro de 2019 às 08h46

Ciro será sempre ex disso, ex daquilo.
Não ganha mais nada.

Responder

Paulo Cesar Cabelo

12 de novembro de 2019 às 08h44

É que Lula é muito superior pra isso mas eu no lugar dele processava Ciro por calúnia.
Se ele tem certeza da culpa de Lula apresente as provas para a justiça , horas.
Mas sabemos que até Deltan admitiu que não há provas , como o the Intercept mostrou.
Ciro nunca foi de esquerda , se uniu ao PT por conveniência e hoje trabalha contra a esquerda.
Ou o PDT se livra dele ou está fadado a desaparecer.

Responder

pedro

12 de novembro de 2019 às 08h08

ciro jereissat falando

Responder

Jandu Tupinambás

12 de novembro de 2019 às 07h58

O democrata Ciro de mil partidos não dura mais 3 meses no PDT.

Não fique triste, Ciro. Você também está preso.

Não chega a ser um preso político, mas um político preso nos recalques….

Responder

Rubiam Marcel

12 de novembro de 2019 às 07h20

Boa Ciro!
Só o rebanho não vê que essa polarização que o Lula e o Bolsonaro estão jogando é malefica e inutil ao Brasil. Precisamos tirar o país desse circulo vicioso de odio e radicalização. Bora Ciro, 2022 é logo ali! #Ciro2022

Responder

Vicente P Oliveira

12 de novembro de 2019 às 07h03

ja tive ssimpatia pelo ciro ,hoje esse sujeito me dá tanto asco quanto os bolsominions

Responder

Alan C

12 de novembro de 2019 às 06h02

Poderia estar em casa recebendo – legalmente – quase 100 mil de pensão, mas taí diariamente expondo tudo que vem sendo feito de errado desde FHC passando pela fase inócua do PT onde o partido não fez absolutamente nada, nenhuma reforma estrutural positiva, ficou apenas surfando numa época de commodities altas pra dar migalhas ao povo, e ainda foi responsável por colocar 8 desses 11 picaretas que infestam o STF.

Responder

Patrice L

12 de novembro de 2019 às 01h39

O Lula apresentar-se ao seu eleitorado, de resto bem maior do que o do Ciro, como possibilidade para a presidência era não só um direito como até um dever na luta contra o estado de exceção que desconhece a presunção de inocência e prende. O Ciro que se apresentasse aos seus próprios simpatizantes. Seu direito. Mas, fraude eleitoral mesmo é alguém não tendo sido escolhido pelos eleitores para passar ao segundo turno e, ainda assim, querer fazê-lo na marra. Pior: fraude é alguém – Deus sabe de onde tirou essa ideia – achar-se no direito divino de ser o ungido e fazer cálculos políticos com base na prisão injusta de outro. Esforçando-se por deixar, com os seus comentários e omissões, esse último preso, seu babaca. O que, aliás, está tentando reproduzir, com insinuações num perfil próximo a de um dedo-duro. E invejoso da porra. Como, mais ou menos assim, disse o Haddad: desnecessário e muito feio alguém, nesse campo, se construir com base na agressão ao outro. Que o Ciro limite-se às suas propostas!

Responder

Alexandre Neres

12 de novembro de 2019 às 01h35

Vendo Lula falar fica clara a diferença entre um líder e um mero gestor. O domínio que ele exerce sobre uma situação sem precisar lutar por isso, naturalmente é dele, o credencia a ocupar um espaço que estava vazio deste o início deste desgoverno e que Ciro Gomes não demonstrou estatura para preenchê-lo. Triste ver o despeito, seus comentários recalcados para o Globo, sempre o Globo. Deveria se libertar disso, tá que nem o FHC. Só um rematado imbecil pode insistir ainda hoje que o melhor para Lula teria sido se asilar numa embaixada como sugeriram certos velhacos para tirar esse grande fantasma da sala. Lula pensa grande, sabe da sua importância e de que seu nome vai se eternizar na História. Imaginem se Socrates fosse embora de Atenas como sugeriram seus discípulos para fugir da condenação? Ora ora. Finalizando, eis o que pontificou o Fernando Brito, brizolista histórico, sobre o tema:

“Criar este constrangimento é injusto com Lupi e com todos os pedetistas que abriram o partido a Ciro e não podem e não devem ser manietados por ele. A luta, citava sempre Brizola o ditado gaúcho, ‘não quita a fidalguia’.

Conversar é da essência da política e só energúmenos, como o que hoje nos preside, fogem disso.

Críticas a Lula, divergências e animosidades nunca foram raras dentro do PDT. Brizola e ele trocaram muitos impropérios e alguns eu assisti, pessoalmente.

Mas nunca na “hora H”, quando os destinos do povo brasileiro estava em jogo.

Talvez seja o melhor sinal de que, entre um e outro, o tamanho é muito diferente.”

Responder

Paulo Ribeiro

12 de novembro de 2019 às 00h32

Vamos sair do dualismo e criar novas opções ou 2018 se repetirá em 22.
Ciro é o único com projeto nacional, quer discutir seriamente alternativas para nosso país, por isso minha admiração por ele.

Responder

valdomiro jacinto de moraes junior

12 de novembro de 2019 às 00h19

Esse Ciro criou uma situação pra si próprio quando perdeu a chance, ficou em terceiro e viajou, largando a democracia. Agora usa sua retórica para se justificar. Pra mim, uma decepção, a arrogância falando mais alto que o republicanismo ou o humanismo ou o que quer que seja. Tchau Ciro, me poupe! Vai cortejar o DEM, os PSDBistas ou os bozodissidentes sem cabeça. Vaza…

Responder

Marcos Videira

12 de novembro de 2019 às 00h17

Na palestra que deu na FMU, Ciro relembrou um fato histórico. Em 1989, o candidato do campo progressista melhor preparado para enfrentar o candidato da elite econômica era Brizola. Pois Lula não aceitou formar uma frente, com Brizola na cabeça de chapa. Venceu Brizola por uma pequena porcentagem e foi disputar com Collor. Lula perdeu, tivemos a tragédia que foi o governo Collor, e depois o governo FHC com sua privataria.
Em 2018, as pesquisas indicavam que o antipetismo era forte e que a estratégia seria apoiar um candidato de outro partido. Várias lideranças políticas apontaram que era o momento de Ciro. Hoje está comprovado que a estratégia eleitoral de Lula foi responsável pela vitória de Bolsonaro.
Ouço petistas dizendo que em 2022 haverá uma revanche de 2018.
Será que os brasileiros vão aceitar esse jogo ?

Responder

LUIZ eDNALDO SANTOS

11 de novembro de 2019 às 22h27

513 Deputados e 81 senadores não conseguem fazer aquilo que 11 fazem. A reforma administrativa seria ideal começa pelo congresso. Ministro que legislar ,congressistas pop-star.Isso não tem como dar certo.Temos que recomeça do zero.

Responder

Bruno Nobre

11 de novembro de 2019 às 20h51

Ciro sempre sensato. Não é de hoje que se posiciona contra a prisão em segunda instância e se Lula fosse digno faria o que Ciro propôs e não se entregar feito uma galinha.

Responder

    Paulo Cesar Cabelo

    12 de novembro de 2019 às 08h32

    Os eleitores do ” coroné” , assim como ele , são “machões” em situações hipotéticas hahaha
    Mandela , Gandhi , Willian Wallace , Sócrates , Che , Mariguela e Jesus Cristo são galinhas pra você também?
    Corajoso é um coronel filinho de papai , papai membro do ARENA aliás.

    Responder

CLÁUDIO LUIZ PESSUTI

11 de novembro de 2019 às 20h23

É sempre a mesma bobagem, sempre o mesmo ressentimento, a mesma raiva. O Lula está tentando anular o processo. Que ele concorda que não foi justo.Mas não quer reconhecer que o Lula é inocente….ou seja, ele é que está encenando uma farsa.Quer ficar com o pé nos dois barcos, o da questão legal, que, sabe, tornou Lula um preso político, pois o processo foi uma farsa, mas , ao mesmo tempo, quer dialogar com os antipetistas.E se o processo for anulado? Aí o Lula, volta sim a ser candidato.Mas o que deviam dizer para ele é o seguinte: O Lula tá solto babaca!

Responder

Patrícia

11 de novembro de 2019 às 20h02

Perfeito. Por uma nova frente de esquerda!

Responder

Ataliba

11 de novembro de 2019 às 19h57

Parabéns, Ciro!
Continue com a coerência de sempre.
O Brasil precisa de um político comprometido com o Povo!
#Ciro2022

Responder

leyde rose

11 de novembro de 2019 às 19h40

Ciro;recalcado e tóxico.

Responder

Stalingrado

11 de novembro de 2019 às 19h36

Ciro? Quem é ele mesmo?
Ah, é o menino de recados de Tasso Jeirissati, né?
Ele quer concorrer com FHC que Lula tá livre mas é ficha suja ou quer concorrer com Bozo, que disse a mesma coisa?

Responder

Andressa

11 de novembro de 2019 às 19h26

A esquerda toda sabe que Lula è un farsante corrupto atè o miolo (e os brasileiros estào de saco cheio desse sujeito), Cirolipa è um pouco menos sem vergonha dos outros.

Naquela primeira ocasiào a Rosa Weber votou a favor da prisào pois nào estava sendo julgado o merito da prisào em 2a instancia, ela sempre foi a favor do transito em julgado.

Responder

Carlos Jorge Martins

11 de novembro de 2019 às 19h26

Ciro Gomes, é que nem Hipopótamo atira para todo lado.

Responder

Francisco

11 de novembro de 2019 às 19h20

Tá solto, né babaca!

Mas o direito ao jus sperneandis tem que ser respeitado, pois é sagrado e contempla até o ‘duplo twist carpado’, se o desesperado sentir-se capaz em executa-lo.

Imagino então, quando a farsa dos processos forem ao lixo…, infarta.

Responder

Dutra

11 de novembro de 2019 às 19h17

Se o PDT ainda almeja alguma coisa na esquerda brasileira ,O coronel Ciro Gomes tem que conversar menos ou deixar o partido

Responder

Dutra

11 de novembro de 2019 às 19h15

Sabe quando é que Ciro Gomes vai ser presidente? Nunca! Ele está totalmente queimado ! Vai ficar na cena política do Brasil ,assim como : Marina, Cristovão Buarque,etc

Responder

Patrice L

11 de novembro de 2019 às 18h58

O Ciro é um bosta

Responder

    Miramar

    11 de novembro de 2019 às 19h15

    Opinião todo mundo têm. Se você pode achar que o Ciro é um bosta eu posso achar que o bosta é você.

    Responder

      Jandu Tupinambás

      12 de novembro de 2019 às 07h51

      O Ciro é um bosta

      Responder

      Dimas

      12 de novembro de 2019 às 08h07

      Pensei em apoiar uma frente em que Ciro poderia ser o candidato. Estou me retirando disso. O homem não tem estofo para isso. É um ressentido incapaz de atuar com o mínimo de racionalidade. Concordo com o que disse que Ciro é um bosta como também o é quem continua defendendo suas posições.

      Responder

Miramar

11 de novembro de 2019 às 18h57

Gosto muito do Ciro, mas acho que o grande senador Randolfe Rodrigues expõe a coisa de uma forma ainda mais sintética: todo cidadão tem direito a um julgamento justo? Têm. O Lula é um cidadão como qualquer outro (e não uma ideia)? É. Ele merece ser justamente julgado? Merece. Eu votaria nele? Nem pensar.

Responder

    Oblivion

    11 de novembro de 2019 às 20h15

    Caríssimo Miramar, acho que na essência é isso aí que o Ciro quer dizer também. Ele só reforça com a opinião dele sobre o ex-presidente (apesar de duvidar que ele seja uma pessoa honesta, a politicagem do juizeco defensor de miliciano deixou todo o processo viciado e nulo). Pelo menos é esse meu entendimento. Concordo com o Ciro sobre o papel maléfico que o Lula vem fazendo ao país, começando com esse governo que parece que acabou de sair de um hospício; só ta lá por causa daquela palhaçada de eleição sem Lula é fraude e de toda palhaçada ptista que sucedeu.

    Responder

      Miramar

      11 de novembro de 2019 às 20h39

      Pensamos parecido, rapaz!

      Responder

    Dimas

    12 de novembro de 2019 às 08h09

    Entre ele e Bolsonaro ficaria com o boçal? É grave. Estamos em campos opostos.

    Responder

Valeria

11 de novembro de 2019 às 18h53

Ciroliro …. fim de carreira…. Capitão 2 …. Enojada desse cara…

Responder

Deixe uma resposta