Canal Revolução Industrial entrevista Luis Felipe Giesteira

FSB/Veja: Moro tem aprovação de 56%

Por Redação

06 de dezembro de 2019 : 12h13

Confira aqui nossas análises de hoje da pesquisa FSB/Veja:

  • Análise de projeções de 1º turno.
  • Análise de projeções do 2º turno.
  • Análise da popularidade e rejeição dos principais candidatos.
  • Análise das avaliações do governo.
  • Análise da pesquisa dos espectros ideológicos.

***

A pesquisa FSB/Veja trouxe um gráfico com os números de aprovação/rejeição de cada candidato.

O quadro de rejeição se ressente muito da ausência de dados segmentados, porque alguns tipos de rejeição reverberam mais do que outros. Uma rejeição nas grandes cidades, por exemplo, e entre eleitores com ensino médio para cima, faz muito mais barulho do que nas cidades pequenas e entre eleitores com escolaridade abaixo do ensino médio.

De qualquer forma, os candidatos de esquerda aparecem aí como os mais rejeitados: Haddad, com surpreendentes 60% de rejeição, seguido de Lula, com 56%, e Ciro, com 54%. Diante desses números, as rejeições de Bolsonaro (48%) e Moro (35%) não parecem tão altas.

Vale destacar ainda a imagem positiva de 56% de Sergio Moro, maior do que qualquer outra personalidade política na pesquisa.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

1 comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Nabantino Gonçalves

07 de dezembro de 2019 às 06h53

O que esperar da preferência do eleitorado em relação a um juiz ladrão, que conta com a cumplicidade do silente PIG sobre as falcatruas que comete e cometeu?

Responder

Deixe uma resposta