Comentários sobre o áudio vazado de André Esteves (BTG Pactual)

Com DEM implodindo, ACM Neto tenta estancar a sangria e agora “prefere não apoiar” Bolsonaro em 2022

Por Redação

09 de fevereiro de 2021 : 10h13

O presidente Nacional do DEM, ACM Neto, tenta estancar a sangria no seu partido após as acusações feitas por Rodrigo Maia (DEM-RJ) de traição na eleição para presidência da Câmara.

O episódio causou uma implosão interna e afastou a possibilidade do apresentador Luciano Huck se filiar a legenda para possivelmente disputar a presidência da República em 2022.

Além de Maia, o DEM pode perder o ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta e outros parlamentares ligados ao ex-presidente da Câmara.

Para tentar colocar panos quentes na situação, Neto tenta trazer de volta a possibilidade de Huck embarcar na legenda.

Para isso, o cacique demista disse a Folha que “prefere não apoiar” a reeleição do presidente Jair Bolsonaro.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

1 comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

O Demolidor

09 de fevereiro de 2021 às 22h12

Parece que o Mini-ciro da Bahia meteu os pés pelas mãos…..é engraçado ver o blog passar tanto pano pro Toninho Malvadeza Neto….ex-colega de partido do Coroné…..aliás na direita quem não é ex-correligionário do dos oligarcas?

Responder

Deixe um comentário

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?