Despolarizando: pesquisa Datafolha neutraliza a terceira via?

Governadores do Nordeste entregam carta em defesa do meio ambiente a Cúpula de Líderes sobre o Clima

Por Redação

21 de abril de 2021 : 10h05

Nesta quarta-feira, 21, governadores do Nordeste devem entregar a Cúpula de Líderes sobre o Clima uma carta em compromisso com 11 ações favoráveis a preservação do meio ambiente.

No documento, os gestores afirmam que o Consórcio Nordeste “se debruça sobre esse desafio comum com o propósito de impulsionar ações climáticas ambiciosas em sintonia com os compromissos já estabelecidos na Carta dos Órgãos Estaduais de Meio Ambiente pelo Clima”.

Com isso, os governadores reforçam o “compromisso de adotar estratégias integradas” e “buscar alternativas de financiamento e parcerias a fim de efetivamente avançar” nesse tema.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

4 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Ronei

22 de abril de 2021 às 09h22

Lambe botas dos EUA.

Responder

Efrem Ventura

22 de abril de 2021 às 09h18

Subservientes aos EUA.

Responder

Ronei

22 de abril de 2021 às 06h43

Parabéns aos governadores

Responder

Paulo

21 de abril de 2021 às 21h57

Atitude subalterna e oportunista. Se o Governo central é omisso ou joga contra, é preciso denunciá-lo em âmbito interno, em todas as instâncias, e não atropelar o direito internacional. Os estados não falam pela União…essa desgovernança não serve aos interesses brasileiros, especialmente quando estamos em posição de fragilidade, sendo confrontados com interesses poderosos, internacionais, muitas vezes disfarçados de ecológicos. É preciso mais bom senso e menos açodamento…

Responder

Deixe uma resposta