Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

CPI tem acesso a email da Pfizer que alertava Governo Bolsonaro sobre soluções contra a Covid-19

Por Redação

22 de maio de 2021 : 12h05

Em 17 de março de 2020, seis dias depois da OMS (Organização Mundial de Saúde) oficializar o estado de pandemia no mundo, a Pfizer enviou para à chefia de gabinete da Presidência da República um e-mail com o título “COVID-19-Pfizer Update” falando sobre ações já existentes para auxiliar no combate ao novo coronavírus.

De acordo com a Folha, o email foi enviado para os endereços gabinetepessoal@presidencia.gov.br, agendapr@presidencia.gov.br e pedro.cesar@presidencia.gov.br. Na época, César chefiava o gabinete de Bolsonaro no Planalto. Hoje, ele se encontra no subcomando de assuntos jurídicos da Presidência. A CPI já recebeu da Pfizer essa mensagem.

“A Pfizer continua a manter suprimentos de medicamentos críticos hospitalares e está em busca de soluções médicas contra a Covid-19. Ela também anunciou um plano de cinco compromissos para avançar nesse processo”, dizia a mensagem assinada pelo Albert Bourla, CEO da Pfizer.

Além do gabinete de Bolsonaro, também receberam o alerta a chefia de gabinete do Ministério da Saúde, o gabinete da secretaria-executiva da pasta e o embaixador do Brasil nos Estados Unidos, Nestor Forster. Até o momento, a CPI tem indícios de que o Planalto simplesmente ignorou os alertas da farmacêutica.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

2 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

carlos

22 de maio de 2021 às 19h39

A pfaizer , continua fornecendo, 5 medicamentos, que só ela produz, e em busca de negociar uma vacina, para o Brasil.

Responder

Willy

22 de maio de 2021 às 12h13

“A Pfizer continua a manter suprimentos de medicamentos críticos hospitalares e está em busca de soluções médicas contra a Covid-19. Ela também anunciou um plano de cinco compromissos para avançar nesse processo”,

Ignorou os alerta de que…? Completem a frase por favor pois esse email nao diz nada (como bem sabem).

Responder

Deixe um comentário