Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Altamiro Borges: Bolsonaro impõe privatização da Eletrobrás

Por Redação

23 de maio de 2021 : 10h25

Por Altamiro Borges

Apesar do desgaste causado pela CPI do Genocídio, o fascista Jair Bolsonaro, “laranja” do deus-mercado, segue “passando a boiada”. Na noite desta quarta-feira (19), a Câmara Federal aprovou, por 313 votos favoráveis e 166 contrários, o texto-base da MP-1031/21, que prevê a privatização da Eletrobrás.

A base governista – que na agenda econômica privatista junta a ultradireita bolsonarista, os fisiológicos do Centrão e o tal “centro civilizado” – passou o trator na votação do parecer do relator Elmar Nascimento (DEM-BA). A oposição esperneou e tentou obstruir a pauta, mas foi esmagada sem dó nem piedade.

O presidente da Câmara Federal, Arthur Lira (PP-AL) – que barganha cargos, emendas e outras coisinhas e, por enquanto, desempenha o papel de capacho do “capetão” – chegou a indeferir duas questões de ordem apresentadas pelo líder do PT, o deputado Bohn Gass (RS), na tentativa de retirar o projeto de votação.

O “laranja” da cloaca burguesa

Há muito tempo que a cloaca burguesa deseja privatizar a Eletrobrás. Logo após o golpe do impeachment contra Dilma Rousseff, o traíra Michel Temer incluiu a empresa no Plano Nacional de Desestatização (PND). Com a eleição do “laranja” Jair Bolsonaro, a proposta ganhou impulso e foi enviada às pressas ao Congresso Nacional em fevereiro passado.

O projeto aprovado é trágico para o povo brasileiro. Como tuitou o ex-presidente Lula, “a privatização da Eletrobrás vai elevar consideravelmente as tarifas de energia, levando a conta de luz a fazer companhia aos preços abusivos do gás de cozinha, da carne e dos demais alimentos que não param de subir”.

Em outro tuite, Lula alertou para “o risco de apagões, como o que aconteceu em novembro no Amapá. Uma série de falhas da empresa privada afetou o abastecimento de energia elétrica e água encanada, além dos serviços bancários, internet e telefonia, levando o caos à população”.

Entrega criminosa do patrimônio nacional

A Eletrobrás é a maior empresa de energia da América Latina. “São 48 usinas hidrelétricas, 62 eólicas, 12 termelétricas, duas termonucleares e uma solar. Além de mais de 70 mil quilômetros de linhas de transmissão, suficientes para dar uma volta e meia ao redor da Terra”.

Em outro post, Lula lembrou ainda que a Eletrobrás “foi responsável pela operação do programa Luz para Todos, criado no nosso governo, que levou energia elétrica a quase 17 milhões de brasileiros que viviam na escuridão em pleno século 21″. Para o ex-presidente, a privatização é crime!

“Privatizar a Eletrobrás é entregar de bandeja esse inestimável patrimônio duramente construído pelo povo brasileiro… É permitir que interesses privados passem a controlar as barragens e as vazões das águas, bem como o acesso a importantes fontes hídricas do nosso país”, conclui Lula.

Texto publicado originalmente no Blog do Miro em 20 de maio de 2021.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

3 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Luis Jr.

23 de maio de 2021 às 11h03

Patrimônio nacional?? Fala sério. Ainda esse papinho retrógrado?? Tem que vender mesmo para nunca mais precisar fazer licitação ou concurso público.

Responder

    Paulo

    24 de maio de 2021 às 00h12

    Verdade! Você você tem que pagar o que arbitrarem. Boa sorte!

    Responder

Max

23 de maio de 2021 às 10h40

Que venda. Quanto menos tetas estatais melhor.

Responder

Deixe um comentário

O Xadrez para Governador do Ceará Lula ou Bolsonaro podem vencer no 1º turno? O Xadrez para Governador de Santa Catarina