Análise em vídeo das manifestações do 2 de outubro e as vaias a Ciro

Foto: Ricardo Stuckert / Divulgação

No Ceará, Lula cumpre agenda com Tasso, Eunicio e Cid Gomes

Por Gabriel Barbosa

23 de agosto de 2021 : 14h03

O ex-presidente Lula (PT) e o senador Tasso Jereissati (PSDB) se encontraram na manhã desta segunda-feira, 23, na sede da Jereissati Centros Comerciais (JCC), onde fica o escritório do congressista cearense, na Zona Sul de Fortaleza. A pauta principal da conversa foi as eleições de 2022.

As duas lideranças se encontram em meio a agenda do líder petista no estado. Além de Tasso, Lula também vai se encontrar com o ex-presidente do Senado, Eunicio Oliveira (MDB), para um almoço e deve encerrar sua passagem pelo Ceará com o ex-senador Cid Gomes (PDT).

Lula passou o final de semana na companhia do governador Camilo Santana (PT), fez uma visita a Zona Portuária do Pecém (ZPP) e se reuniu com lideranças de movimentos sociais, culturais e também com influenciadores digitais.

Na esfera local, a relação entre PT e PDT se encontra estremecida devido as pesadas críticas do ex-ministro Ciro Gomes, pré-candidato a presidência da República pelo PDT, contra o ex-presidente Lula.

A ala mais lulista do PT local defende que o partido tenha candidatura própria ao Palácio da Abolição, já o grupo ligado ao governador Camilo Santana defende a continuidade da aliança com o PDT.

Gabriel Barbosa

Jornalista com passagens pelo Grupo de Comunicação O POVO (Ceará), RedeTV! e Band News FM.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

Nenhum comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »


Deixe um comentário