Análise em vídeo das manifestações do 2 de outubro e as vaias a Ciro

Imagem: Getty Imagens

Temer defende liberdade de imprensa em meio ao debate sobre “regulação de mídia”

Por Gabriel Barbosa

05 de setembro de 2021 : 10h14

O ex-presidente Michel Temer (MDB) também resolveu entrar na discussão sobre a tal da regulação da mídia, tema que voltou a tona após o ex-presidente Lula (PT) propor isso para o seu eventual governo, caso vença as eleições de 2022.

Em artigo publicado na Folha, Temer escreveu o texto no seu clássico estilo do “juridiquês” e disse, logo no início, que defender a liberdade da imprensa “não se trata de protegê-la em função do jornalista ou do empresário de comunicação” mas “que a liberdade de imprensa é conteúdo de um continente maior chamado liberdade de informação”.

Em outro trecho, o emedebista deixou claro que a liberdade de imprensa não está protegida de erros ou exageros na informação e que por isso, o “sistema normativo prevê, de fora parte o direito de resposta, também ações penais por injúria, difamação ou calúnia, além de ações cíveis de indenização por dano material, moral ou à imagem”.

Em seguida, Temer manda um recado. “Os que se insurgem contra a informação veiculada pela imprensa amesquinham a democracia. Se o governo, nas democracias, é para o povo e pelo povo, não há como sonegar-lhe fatos que devem ser levados a seu conhecimento”.

Também leia o editorial do Cafezinho sobre o tema clicando aqui.

Gabriel Barbosa

Jornalista com passagens pelo Grupo de Comunicação O POVO (Ceará), RedeTV! e Band News FM.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

2 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

EdsonLuiz.

06 de setembro de 2021 às 15h37

Quem discute liberdade de imprensa é a sociedade. E sem instrumentalização e ações dirigidas.

Petistas, vocês já pensaram se bolsonaro conseguisse (ou se conseguir) sucesso em sua versão de regulação da imprensa, com o que já ameaçou, para atingir o que o bolsonarismo chama de Rede Lixo, que é como se referem à Rede Globo, que é um instrumento que a sociedade tem para apurar e denunciar a incompetência e a corrupção bolsonarista?

Bolsonaristas, vocês já pensaram se Lula conseguisse (ou se conseguir) sucesso em sua versão de regulação da imprensa, com o que já ameaçou, para atingir o que o petismo chama de Rede Golpe, que é como os petistas chamam a Rede Globo, que é um instrumento que a sociedade tem para apurar e denunciar a incompetência e a corrupção de petistas?

Abaixo todos os autoritários!

Por uma educação de qualidade para que todos possam fazer com autonomia a leitura adequada da realidade!

Que os militantes revolucionários de direita e de esquerda se ocupem da própria educação política e para a democracia, para serem mais revolucionários e menos picaretas.

Assim como as mulheres só conseguem comunicar o direito de não serem molestadas gritando a fórmula “NÃO, Ė NÃO!”, de entendimento tão fácil, será que os amantes da liberdade só conseguirão comunicar o que é liberdade de imprensa aos jagunços políticos extremistas gritando a fórmula “LIVRE!, É LIVRE!”, de entendimento tão fácil também.

E será que um dia esses jagunços entenderão!

Bolsonarista, como você ficaria sabendo da incompetência brutal e da corrupção em escala industrial praticadas por petistas se não fosse a imprensa livre?

Petista, como você ficaria sabendo da incompetência brutal e da corrupção em escala industrial praticadas por bolsonaristas se não fosse a imprensa livre?

Responder

Ricardo JC

05 de setembro de 2021 às 11h51

Embaralhar a proposta de uma regulação da mídia com liberdade de imprensa é má fé. Por enquanto é isso. Mais adiante acho que posições serão colocadas e restará evidente a importância do tema.

Responder

Deixe um comentário