Jornal da Forum: Lula quer reindustrializar o Brasil!

Imagem: Divulgação

Exame/Ideia: Aprovação de Bolsonaro derrete na classe média

Por Redação

26 de novembro de 2021 : 10h01

O novo levantamento divulgado pela Exame/Ideia mostra que Jair Bolsonaro continua sendo mais rejeitado na região Nordeste onde o ex-presidente Lula (PT) lidera as intenções de voto com folga. Em 11 meses, Bolsonaro foi de 40% para 66% de reprovação entre os eleitores de todos os estados da região.

No Sudeste, a reprovação explodiu 19 pontos, para 54% contra 35% da pesquisa anterior. Vale lembrar que as duas regiões concentram 150 milhões de habitantes, 70% da população brasileira. Na região Sul, a vida de Bolsonaro também não está fácil. Por lá, a reprovação da gestão federal saiu de 37% em janeiro para 50% em novembro.

Na tentativa inútil de recuperar popularidade, Bolsonaro realizou sete viagens oficiais para o Nordeste e outras sete para o Sudeste nos últimos três meses. Já as regiões Norte, Sul e Centro-Oeste foram visitadas por cerca de três vezes, cada.

Na avaliação do fundador da Exame, Maurício Moura, “as idas constantes de Bolsonaro a regiões onde a avaliação dele é pior, como é o caso do Nordeste e do Sudeste, são uma tentativa de mudar a percepção dos eleitores. Precisamos verificar se daqui para frente isso realmente vai ter algum impacto nas próximas pesquisas”.

Já nos dados estratificados, é possível analisar que entre famílias com renda acima de 5 salários, 64% avaliam o governo como ruim e péssimo. Em janeiro, esse era o seguimento que mais apoiava o presidente.

Mas apesar do derretimento na popularidade em geral, Bolsonaro conseguiu um saldo positivo entre os evangélicos. Em julho e no início de novembro, a desaprovação neste segmento chegou a 46%. Na última pesquisa, 37% aprovam a gestão federal e outros 35% desaprovam.

Baixe a pesquisa clicando aqui.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

2 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Marco Vitis

26 de novembro de 2021 às 12h57

É preciso impedir que Bolsonaro derreta. Se isto acontecer, a ´inevitável polarização´ fracassará e com ela toda a estratégia eleitoral de Lula. E os isentos analistas políticos defensores da ´inevitável polarização´vão ficar desmoralizados. Isso não pode acontecer. É preciso maquiar a realidade, impedir que o povo descubra que Bolsonaro é um ser infame. Até o primeiro turno, claro. Depois os isentos analistas revelam a verdade ao povo e Bolsonaro será derrotado no segundo turno. Afinal, Lula é um gênio político e suas estratégias nunca falham.

Responder

Stalingrado

26 de novembro de 2021 às 11h48

E Ssiru, como está ao ser ultrapassado pelo Marreco de Maringá nas pesquisas de opinião? Talvez seja o caso dele entrar como vice presidente na chapa do juiz-militante.

Responder

Deixe um comentário

O 2021 de Ciro Gomes O 2021 de Lula Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou?