Jornal da Forum: Lula quer reindustrializar o Brasil!

Em entrevista ao Datena, Ciro chama Bolsonaro e Lula de “assaltantes”

Por Redação

15 de dezembro de 2021 : 13h02

O ex-ministro e pré-candidato a presidência Ciro Gomes (PDT) voltou a atacar o ex-presidente Lula (PT) e Jair Bolsonaro (PL) nesta quarta-feira, 15.

Desta vez, o pedetista partiu pro ataque durante entrevista ao programa do Datena na Rádio Bandeirantes e voltou a chamar Lula e Bolsonaro de “assaltantes” ao comentar a operação da Polícia Federal onde ele e seu irmão, senador Cid Gomes (PDT), são alvos.

“Vão me insultar, vão me agredir, mas a intenção é exatamente essa, me abater pra que eu seja moderado, pra que eu não continue atacando aqueles ladrões assaltantes da vida pública brasileira, como é o Bolsonaro e como foi o Lula. Continuarei dizendo concretamente quem é ladrão e eu não sou”, disparou Ciro.

O pré-candidato do PDT também comparou o seu patrimônio com o de Lula. “Meu patrimônio é 1/15 avos do do Lula. Sendo que ele vem de ser metalúrgico e eu sou classe média”.

Mas enquanto Ciro partia novamente para o ataque, o ex-presidente Lula se solidarizou com os irmãos Gomes.

Ouça a entrevista na íntegra!

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

7 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Paulo

15 de dezembro de 2021 às 22h31

Ele tem razão. Não que Lula seja mais ladrão do que Bolsonaro. Este se acha honesto por roubar no varejo. Lula se considera honesto por roubar no atacado, para o Partido, não pra ele. Ambos têm razão…Não na honestidade, evidentemente, mas no butim…

Responder

Alexandre Neres

15 de dezembro de 2021 às 14h12

Antes de tudo, convém deixar patente que o que aconteceu com Ciro Gomes foi uma ignomínia. O estado policialesco mostrando sua cara, os resquícios do lavajatismo. Uma PF com partido, mas não só. Corporações repletas de meninos mimados, com instrução formal, mas com formação precária e que desconhecem o país à volta. Riquinhos que só pensam no próprio umbigo. A visão de mundo se restringe a sua classe, como demonstraram sobejamente ao longo do tempo.

Nesse contexto, Ciro Gomes disse o seguinte: “Até esta manhã, eu imaginava que vivíamos, mesmo com todas imperfeições, em um pais democrático.

Mas depois de a Policia Federal subordinada a Bolsonaro, com ordem judicial abusiva de busca e apreensão, ter vindo à minha casa, não tenho mais dúvida de que Bolsonaro transformou o Brasil num Estado Policial que se oculta sob falsa capa de legalidade.”

Depois de tudo que passamos todo este tempo, afigura-se que Ciro Gomes só se deu conta de que a democracia está indo para o saco quando foi afetado no âmbito pessoal. Apesar da gravidade, o que aconteceu com ele foi café pequeno diante das aberrações recorrentes que ocorreram a partir de 2014, sendo a grande maioria perpetrada pela Lava Jato.

Ciro mostra que não é nem um pouco cascudo. Queria ver se tivesse passado por um milésimo do que Lula teve que enfrentar. Aposto que teria pedido penico.

Ciro me fez lembrar de Luciano Huck ao ter o caminhão de sua produção roubado na Dutra. Vociferou contra o país. Assim não dá, disse ele. Uma situação corriqueira para um contingente grande de brasileiros à época, mas fica a impressão de que quando aconteceu com ele foi diferente. Se tornou inadmissível.

Pimenta nos olhos dos outros é refresco. Uma das principais causas de estarmos nessa situação periclitante é que nossa elite tacanha só dá a grita quando é atingida pessoalmente. Quando acontece alguma coisa com as classes menos favorecidas, não tão nem aí. Que se lasquem. Ora pois!

Responder

Ronei

15 de dezembro de 2021 às 13h58

Quando a PF vai na casa de apoiadores do Governo o Cirolipa elogia a PF dizendo nao se curva ao Governo, quando vai na casa dele a PF é aparelhada…?!? Kkkkkkk

Responder

Efrem Ventura

15 de dezembro de 2021 às 13h49

Ninguem nem perde mais tempo para processar Cirolipa.

Responder

Jorge Fernandes

15 de dezembro de 2021 às 13h44

Eu tinha o Ciro como um cara inteligente, mas de novo atacar o LULA nesse momento só mostra que é um completo imbecil

Responder

Querlon

15 de dezembro de 2021 às 13h40

Esse maluco destrambelhado nao aprende, nao tem jeito…

Responder

ARY BOREL DE AGUIAR NETO

15 de dezembro de 2021 às 13h37

Ciro é um covarde e não tem chance alguma nas próximas eleições!

Responder

Deixe um comentário

O 2021 de Bolsonaro O 2021 de Ciro Gomes O 2021 de Lula Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade