Genial/Quaest: Veja os números da corrida pelo governo da Bahia

Foto: Ricardo Stuckert / Divulgação

Lula cresce entre eleitores que votaram em Bolsonaro nas eleições de 2018, diz pesquisa

Por Gabriel Barbosa

07 de fevereiro de 2022 : 08h34

Na manhã desta segunda-feira, 7, o PoderData divulgou uma nova rodada de pesquisa que revela o crescimento exponencial do ex-presidente Lula (PT) entre aqueles que votaram em Jair Bolsonaro nas eleições de 2018.

De acordo com o levantamento, o líder progressista avançou 8 pontos percentuais entre aqueles que admitem ter votado no inquilino do Planalto no segundo turno do pleito presidencial daquele ano.

Vale lembrar que a pesquisa foi realizada entre os dias 31 de janeiro e 1º de fevereiro. Em números percentuais, o PoderData mostra que 21% (1 em cada 5) dos eleitores que optaram por Bolsonaro na disputa contra Fernando Haddad (PT) desejam votar em Lula na disputa pelo Planalto.

Outro ponto interessante para se destacar é que na pesquisa passada, feita entre os dias 16 e 18 de janeiro, Lula e o ex-juiz parcial Sergio Moro (Podemos) cativaram, cada um, cerca de 12% dos eleitores do ex-capitão.

Desta vez, Moro já teve queda e registra 10% dos votos de Bolsonaro no segundo turno em 2018. Por sua vez, o inquilino do Planalto que registrava 58% na pesquisa passada, agora tem apoio de 54% dos eleitores que optaram por ele em 2018. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Fonte: PoderData

O PoderData realizou 3.000 entrevistas em 238 cidades nas 27 unidades da Federação. O registro no TSE é BR-09445/2022. O intervalo de confiança é de 95%.

Gabriel Barbosa

Jornalista com passagens pelo Grupo de Comunicação O POVO (Ceará), RedeTV! e Band News FM. Pós-graduando em Comunicação e Marketing Político.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

5 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

carlos

12 de abril de 2022 às 15h52

Claro se não como é que as pesquisas hoje iriam da uma vantagem aula de 12 milhões de votos com dados de dois 2018, e olhem que estamos e m 2022 onde o eleitorado tende a aumentar sensivelmente, tem os de quem fe 18 , 17 e 19 anos.

Responder

Valeriana

07 de fevereiro de 2022 às 13h34

Votaram no Bolsoanro para nao votar no poste de Lula e agora votam no Lula para nao votar em Bolsonaro…kkkkkk

E tem até quem acreditam em pesquisas….

Responder

Willy

07 de fevereiro de 2022 às 13h19

Sobre o estudo da John Hpkins que disse que o “loquidam” é uma cagada imunda…? Nada…?

Cadé o fique em casa com tantos novos casos e mortes…? Saiu de modo papagaiar cretinices feito imbécis que se acham melhores que os outros…?

Responder

Duilio

07 de fevereiro de 2022 às 13h17

Cadé a materia sobre o aumento de salario dos professores…?

Nao gostaram da noticia…? O caiu mais uma narrativa idiota…?

Responder

Bandoleiro

07 de fevereiro de 2022 às 13h03

De 2018 pra cà nao mudou nada, em 2022 teremos o mesmo resultado de 2018 e com maior abstençào.

Responder

Deixe um comentário

Novo Presidente da PETROBRAS defende preços altos Cadê o churrasco do povo, Bolsonaro? Preço explodiu! Conservadores? A atual juventude brasileira O Indulto sem Graça de Bolsonaro Os Principais Eleitores de Lula Os Principais Eleitores de Ciro Gomes Os Principais Eleitores de Bolsonaro Janela Partidária 2022: Quem ganhou, quem perdeu? Caro? Gasolina, Gás e Diesel: A atual política de preços da Petrobrás As Maiores Enchentes do Brasil