Analista da Ideia fala sobre “voto útil” dos eleitores de Ciro a Lula no 1° turno

Foto: Marcos Corrêa / PR

Bolsonaro faz novos ataques contra a Petrobras

Por Redação

12 de maio de 2022 : 11h59

Nesta quinta-feira, 11, Jair Bolsonaro (PL) voltou a fazer ataques contra a Petrobras devido aos aumentos constantes nos preços dos combustíveis. Vale lembrar que o próprio governo permite os aumentos através da Política de Paridade Internacional (PPI).

“A Petrobras está gordíssima, está obesa! Seu conselho e seus diretores poderiam, sim, reduzir a margem de lucro. A margem de lucro deles é na casa de 30%. Já as outras petroleiras estão no máximo em 15%”, disse ele durante entrevista a Record de Maringá (PR).

“Petrobras, você é Brasil! Ou quem está aí dentro não pensa no seu país? O povo está sofrendo bastante com o preço do combustível”, prosseguiu.

Ainda na entrevista, o inquilino do Planalto cobrou um suposto patriotismo do comando da Petrobras. “Eu espero que o patriotismo se faça valer nesse momento. O que está em jogo é o Brasil”.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

3 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

carlos

13 de maio de 2022 às 14h08

Fanta, você é corresponsável, por desinformação leia, a lei de 6 de agosto de 1997 , que fala da quebra do monopolio estatal da Petrobras, pra não ficar falando besteira na bodega.

Responder

Fanta

12 de maio de 2022 às 12h50

Se fosse tao simples intervir o faria, ganahria votos suficientes para se reeleger facil.

E’ obvio que intervir em uma empresa (que envolve bilhoes de reais e milhoes de acionistas) como fizeram no passado para nao perder votos nao é o caminho.

As intervençoes populistas de hoje para ganhar votos sao pagas amanhà com juros salgados.
E’ também obvio que boa parte dos infantiloides dos brasileiros ainda nao entenderam isso e continuam olhando no maximo até a ponta do prorpio nariz.

Se a Petrobras nao fosse mais um monopolio parte dos problemas seriam resolvidos.

Responder

    Nelson

    15 de maio de 2022 às 18h49

    Uau! O super, hiper, ultra “mito” não pode intervir na Petrobras?
    Lérias. Conta outra, meu chapa. Tu não sabes como defender o teu “mito” (sic) e vem com esse papo furado.

    Em outubro de 2016 o corrupto, golpista e entreguista MiShell Temer tomou uma medida, POLÍTICA, com a qual determinava que a Petrobras passaria a seguir o Preço de Paridade Internacional [PPI]. A partir dali os preços da gasolina, do diesel e do gás de cozinha passariam a aumentar desmesuradamente.

    Portanto, o “mito” também poderia adotar uma medida, POLÍTICA, revogando a PPI. Como ele não quer adotar tal medida, liga sua “metralhadora giratória” de forma a disfarçar, dando a impressão de que não pode, realmente, mexer na Petrobras.

    Bolsonaro foi eleito para dar continuidade ao desmantelamento total do que resta do Estado brasileiro, serviço sujo, em benefício dos países ricos, iniciado por MiShell Temer a partir do golpe de Estado de 2016.

    Então, se reeleito, a tarefa dele é dar continuidade e concluir o desmantelamento final do Estado brasileiro que ficou inconcluso no atual mantado. Ou seja, “Brasil acima de tudo” e “Pátria amada Brasil” não passam de slogans vazios, sem sentido, uma vez que estamos diante de um governo entreguista até a medula.

    Responder

Deixe um comentário

Novo Presidente da PETROBRAS defende preços altos Cadê o churrasco do povo, Bolsonaro? Preço explodiu! Conservadores? A atual juventude brasileira O Indulto sem Graça de Bolsonaro Os Principais Eleitores de Lula Os Principais Eleitores de Ciro Gomes Os Principais Eleitores de Bolsonaro Janela Partidária 2022: Quem ganhou, quem perdeu? Caro? Gasolina, Gás e Diesel: A atual política de preços da Petrobrás As Maiores Enchentes do Brasil