Fundador do Instituto Ideia vê chance de Lula vencer no 1° turno

Imagem: APIB

Vetado por Bolsonaro em nível federal, Assembleia Legislativa do Ceará aprovará criação do Dia dos Povos Indígenas

Por Gabriel Barbosa

10 de junho de 2022 : 07h58

A Assembleia Legislativa do Ceará deve aprovar, nos próximos dias, o projeto de lei 238/22, de autoria do deputado estadual Acrísio Sena (PT), que institui o “Dia dos Povos Indígenas”, em 19 de abril. A mudança do nome da data, antes chamada “Dia do Índio”, foi vetada no início deste mês pelo presidente Jair Bolsonaro.

O texto havia sido aprovado pela Câmara dos Deputados e pelo Senado. “O termo ‘indígena’, que significa ‘originário’, ou ‘nativo de um local específico’, é uma forma mais precisa pela qual podemos nos referir aos diversos povos que, desde antes da colonização, vivem nas terras que hoje formam o Brasil.

“O estereótipo do ‘índio’ alimenta a discriminação”, explica Acrísio, que é historiador por formação. O parlamentar criticou também o “espírito colonizador e colonizado de Bolsonaro, que está destruindo a FUNAI, o Ibama, e abrindo as terras indígenas para o garimpo e para a exploração ilegal das riquezas”.

Outro projeto de lei de Acrísio, que está em tramitação, pede a inclusão, no calendário turístico, religioso e cultural do Estado, da Festa de Santo Antônio do Pitaguary, em Maracanaú, dia 12 de junho.

“Temos um compromisso pela valorização dos povos indígenas. No último dia 3, realizamos uma audiência pública na aldeia Tremembé, em Almofala, no município de Itarema, sobre educação indígena diferenciada. 100 anos depois de esta mesma Assembleia declarar que ‘não havia mais índios’ no Ceará”, reforçou Acrísio.

Gabriel Barbosa

Jornalista com passagens pelo Grupo de Comunicação O POVO (Ceará), RedeTV! e Band News FM. Pós-graduando em Comunicação e Marketing Político.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

1 comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Galinzé

10 de junho de 2022 às 10h06

Uma coisa inutil a mais ou a menos que diferença faz ?

Responder

Deixe um comentário

O Xadrez para Governador do Ceará Lula ou Bolsonaro podem vencer no 1º turno? O Xadrez para Governador de Santa Catarina