Fundador do Instituto Ideia vê chance de Lula vencer no 1° turno

Foto: Reuters

Lula: “Enquanto povo passa fome, Bolsonaro entrega sistema nacional de energia a estrangeiros”

Por Redação

11 de junho de 2022 : 16h04

Neste sábado, 11, o ex-presidente Lula criticou duramente o processo de privatização da Eletrobras, liderada pelo governo de Jair Bolsonaro (PL).

Lula lembrou que cerca de 33 milhões de pessoas estão passando fome no Brasil e que a conta de luz vai ficar mais cara na pós-privatização.

“As pessoas são obrigadas a escolher entre comprar comida ou pagar a conta de luz, que não para de subir. E o que faz o governo? Privatiza a Eletrobrás, para aumentar ainda mais a conta de luz”, disse.

“Não satisfeito em trazer de volta a fome, o desemprego, a inflação e outros flagelos que havíamos conseguido superar, o atual governo insiste em cometer mais esse crime contra o Brasil e o povo brasileiro: vender a Eletrobrás, a toque de caixa e a preço de banana”, prosseguiu.

Leia a íntegra do posicionamento de Lula!

Cerca de 33 milhões de brasileiros estão passando fome. As pessoas são obrigadas a escolher entre comprar comida ou pagar a conta de luz, que não para de subir. E o que faz o governo? Privatiza a Eletrobrás, para aumentar ainda mais a conta de luz.

Não satisfeito em trazer de volta a fome, o desemprego, a inflação e outros flagelos que havíamos conseguido superar, o atual governo insiste em cometer mais esse crime contra o Brasil e o povo brasileiro: vender a Eletrobrás, a toque de caixa e a preço de banana.

Tamanha pressão em entregar de mão beijada a maior empresa de geração de energia da América Latina, responsável por quase 40% da energia consumida no Brasil, só tem uma explicação: medo da derrota na eleição de outubro, com o consequente fim da mamata com dinheiro público.

A Eletrobrás foi construída ao longo de 60 anos, com o suor de gerações de brasileiros. O resultado desse crime de lesa-pátria é a perda da nossa soberania energética. É a entrega de um bem essencial ao desenvolvimento de um país inteiro para empresários que só visam o lucro.

Perder a Eletrobrás é perder também Furnas, Chesf, Eletronorte e Eletrosul, entre outras empresas estratégicas. É perder também parte da soberania sobre alguns dos nossos principais rios, como o rio Paraná e o rio São Francisco.

É dizer adeus a programas como o Luz para Todos, responsável por trazer para o século 21 cerca de 16 milhões de brasileiros que antes viviam na escuridão, sem acesso sequer a um copo de água gelada.

É aumentar ainda mais a conta de luz, que hoje já pesa não apenas no bolso do trabalhador, mas também no orçamento da classe média.

Mas podem ter certeza: se vencermos a eleição de outubro, como todas as pesquisas anunciam, nós vamos restaurar a soberania do Brasil e do povo brasileiro.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

9 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

carlos

12 de junho de 2022 às 22h13

O boneco de marionete de bolsonaro, que criou os seus milicianos, mas desta vez, não eles tem muito é o que o boi tem força e muito chifre.

Responder

Francisco*

12 de junho de 2022 às 13h17

A xucrociata diária dos bolzebuzinhos no Cafezinho, que tantos nos diverte ao aprecia-los em escoiceio no ar, serve apenas para escancarar o desespero que os aflige, cada vez mais com o correr do tempo rumo ao libertador 2 de outubro que se aproxima, ao perceberem a anunciada sina de tangidos pela realidade não paralela terem de retornar a cripta dos medíocres sem filtro, de onde, resgatados, jamais poderiam ter saído.

Responder

Dudu

11 de junho de 2022 às 20h54

E que dia a energia ou outro serviço ou produto baixou de preço ou não aumentou mesmo estatizado ? Nunca obviamente.

Tudo sobe sempre e continuarà subindo sempre público ou privado o serviço é o mesmo, é óbvio que privatizar nada tem a ver com o preço do serviço.

Quando ele entrou no governo e depois que saiu a energia ficou mais baixa….? Óbvio que não, mais cara assim como o resto.

É o típico canalha de terceiro mundo que brinca com os milhões de depensantes cronicos e mais outros milhões pseudo espertalhões que terceirizaram o pensamento e se entregaram alma e anus a ideologias podres de quinto Mundo.

Responder

Zulu

11 de junho de 2022 às 17h08

O que resta a esse Zé Ruela a não ser explorar a pobreza…? Nada, os brasileiros já viram tudo do que essa “gente” é capaz pelo poder.

Ele mesmo sabe que o monopólio da narrativa acabou, tá aí fazendo o boneco de recado dos bancos, da velha imprensa e dos “amigues” do STF que o tiraram da cadeia.

Chega a dar dó.

Responder

Saulo

11 de junho de 2022 às 16h54

Lula não convidou no seu casamento nenhuma dessas pessoas que supostamente passam fome ?

Não hospedar nenhum morador de rua no sobrado em Pinheiros ?

Não tô entendendo… alguém explica ?

Responder

Kleiton

11 de junho de 2022 às 16h51

Enquanto o povo passa fome Lula mora em uma mansão que custa 20.000 reais por mês paga pelos Brasileiros, faz casamento milionário, ganha imóveis que valem milhões pagos com o dinheiro dos brasileiros, compra o congresso e assalta os cofres dos brasileiros para ficar no poder e por aí vai…

O lugar desse porco e da sua gangue e no lixo onde estava, de onde o STF o tirou e onde voltará.

Responder

Fanta

11 de junho de 2022 às 16h47

Há fome de verdade no Brasil em alguns poucos lugares do interior do NE e muito poucos aqui e alí Brásil afora.

Nem os índios que caçam e comem plantas na floresta passam fome.

70% dos brasileiros são acima do peso.

Quem cria fome são esse canalha e os vermes comunistoides comparsas dele no Foro de São Paulo.

Responder

Ronei

11 de junho de 2022 às 16h41

Esse safado é uma vergonha, um verme canalha que se nutre da desgraça alheia para ganhar o poder, nem tem o mínimo respeito pelas pessoas mas as usa para fins particulares.

Os tais de pobres (como essa gente gosta de rótular as pessoas para explorarlas) se cansaram de ser tratados como coitadinhos e de ser explorados por esses canalhas sem vergonha.

Como um país não chega a 50-60 mil homicídios ao ano com animais como esse Lulla em circulação ?

Como num país não rolam um mensalão, um petrólão, os assaltos diários aos cofres públicos com animais como Lula e seus Comparsas em circulação ?

É impossível, tudo é a natural consequência, não há pra aonde correr diante os fatos.

Responder

Tony

11 de junho de 2022 às 16h37

O senhor Lula (o fantoche do capital) deveria saber que essa retórica mongolóide de terceiro mundo não funciona mais, nem no Brasil.

Mas ele sabe que uma coisa não tem a ver com a outra mesmo assim serve para dare ma explorada na pobreza em pleno estilo ignóbil desse animal escapado de casa.

Está na hora de atualizar o cardápio de asneiras senhor Lula, o Alckmin não tem algo para ajudar ?.. são sempre as mesmas há 30 anos.

Responder

Deixe um comentário

O Xadrez para Governador do Ceará Lula ou Bolsonaro podem vencer no 1º turno? O Xadrez para Governador de Santa Catarina