Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Imagem: Reprodução

IPEC: 59% dos eleitores de Ciro podem mudar voto no 1° turno

Por Redação

06 de setembro de 2022 : 09h19

O levantamento da IPEC não traz boas notícias para a candidatura do ex-ministro Ciro Gomes (PDT). Além da estagnação e o empate técnico com a candidata Simone Tebet (MDB), o ex-governador também pode ver seus eleitores migrarem para os concorrentes.

De acordo com a pesquisa, 59% dos eleitores que hoje dizem votar em Ciro Gomes também afirmam que podem mudar de voto já no 1° turno. Já entre aqueles que dizem não pretender mudar o voto na candidatura de Ciro, houve uma queda abrupta de oito pontos, de 48% para 40%.

A IPEC entrevistou 2512 eleitores entre os dias 2 e 4 de setembro de 2022 em 158 municípios de todas as regiões do Brasil. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos, considerando um nível de confiança de 95%. A pesquisa foi contratada pela TV Globo registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo BR-00922/2022.

Ataques a Lula

Ontem, na entrevista que concedeu ao programa Pânico da Jovem Pan, Ciro Gomes, voltou a dizer que o ex-presidente Lula (PT) sofre de uma fragilidade psicológica.

Durante o programa, Ciro foi questionado sobre o desempenho do petista no debate da Band.

“Conheço o Lula há quase 40 anos. Eu nunca vi o Lula tão enfraquecido, tão debilitado psicologicamente. Ele não conseguiu se defender de um ataque de corrupção do Bolsonaro. E aí fica com essas palavras que botam na boca dele para explicar o inexplicável”, disparou.

Vale lembrar que na semana passada, Ciro escreveu no Twitter que Lula “está cada dia mais fraco – fisicamente, psicologicamente e teoricamente – para enfrentar a direita sanguinária”. Devido a repercussão negativa, inclusive entre os próprios apoiadores, Ciro apagou a publicação.

Horas depois, em uma entrevista coletiva, o ex-ministro afirmou que não tinha intenção de falar mal sobre a saúde mental do líder progressista. “Veja, não falei nada sobre estado de saúde. Eu só achei que aquilo ali era meio duro demais e podia entrar na má inteligência”, afirmou.

Ainda na Jovem Pan, Ciro voltou a negar apoio ao ex-presidente Lula num provável segundo turno contra Bolsonaro. “Eu passo uma campanha inteira dizendo que o PT virou uma organização criminosa, eles me insultam, me agridem todo dia e ainda esperam que eu apoie eles no segundo turno. Sabe como é? Nunca mais, Juvenal. Ele é um encantador de serpentes, mas a mim ele não engana mais”.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

9 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Bandoleiro

06 de setembro de 2022 às 18h43

O petralhume nao vai por os militontos na rua amanhà com certeza que darà muita menos gente e desmontar as narrativas ?

Responder

marco

06 de setembro de 2022 às 18h05

Nessa eleição o voto conscIênte é o nem – nem no primeiro e no segundo turno.
A missão tanto de Lula como do Bozo é a manutenção do modelo econômico que nos esfola portanto é trocar seis por meia dúzia

Responder

EdsonLuíz.

06 de setembro de 2022 às 17h57

Fora gente com atitudes fascistas!

Fora lulistas!
Fora bolsonaristas!

Espero que bons brasileiros, hoje bolsonaristas, repensem o apoio a seu “MITO dinheiro-vivo”, se afastem e criem uma força política séria e limpa que os represente. E sem atitudes fascistas!

Espero também que os petistas e os ativistas ligados a Milton Temer no PSOL (Não confúndir com Michel Temer, por favor) se afastem das atitudes fascistas e dos erros morais do lulismo e não alimentem outros que vêm surgindo junto a eles.

O Brasil precisa de forças sérias e limpas de todos os matizes. O destino deste país não pode ser este que se desenha nestas eleições!

Responder

EdsonLuíz.

06 de setembro de 2022 às 17h46

Alexabdre,
A maior — MAIOR– recessão de nossa história econômica não é impostura não, Alexandre!

A maior –MAIOR– recessão da história da nossa economia é …o POVO comendo OSSO …e comendo PELANCA!

Impostura é causar essa fome e colocar a culpa em quem não tem.

Quem faz isso faz qualquer coisa, Alexandre!

É melhor você “CHAMAR na CHINCHA a você mesmo e a Lula.

Vocês são oportunistas, incapazes, frios e covardes! E há mais gente fria e incapaz com poder neste país!

Onde já se viu roubar o dinheiro do povo e achar que tem moral para “CHAMAR” alguém “NA CHINCHA”?

As pessoas sabem que “meias verdades” é coisa de gente desonesta. E sabem muito bem quem são os desonestos aqui!

Responder

Alexandre Neres

06 de setembro de 2022 às 14h50

Ora bolas, Pianca. Chega de impostura, vamos jogar a real. Nas matérias NA JOVEM PAN, CIRO VOLTA A DIZER QUE LULA ESTÁ “DEBILITADO PSICOLOGICAMENTE” e BORIC DIZ QUE ACEITA A DERROTA COM ‘GRANDE HUMILDADE’ te chamei na chincha, expondo suas meias verdades, suas fake news e sua má-fé, aguardo ansiosamente suas respostas. Não se acanhe, fale a verdade ao menos uma vez e declare seu voto no mito, já que passou do período pré-eleitoral até agora atacando Lula sem parar. Assuma seus atos. Seja coerente. Mitômano!

Responder

EdsonLuíz.

06 de setembro de 2022 às 13h26

Ignorância, populismo, ódio e nunca reflexões maduras, sinceras e importantes; só fingimento, mentiras, enganação…

E atitudes fascistas, desde o “nós contra eles”, maniqueísta em si pelo dualismo, até o puro ódio, simplesmente, por quem não concorda com os erros técnicos, morais e ideológicos que …

▪ERROS TÉCNICOS –Na economia, levam à recessão gigante e à volta do desemprego e da fome, com o povo comendo osso e pelanca.
—A crise econômica, que desembocou na fome e na sopa de osso e pelanca de frango para os pobres, foi gestada a partir de 2006/2007 e encalhou o Brasil faz uns 12 anos. E estamos nela até hoje*.
*crescimento econômico dos últimos 10 anos foi de 0,2%!

Mas os petistas, para enganar, passam na frente gritando : “A fome voltou!” “A fome voltou!”, para fingirem que não são eles que criaram a situação para a fome.

▪ERROS MORAIS : — A corrupção grossa acaba de esvaziar os recursos do país que poderiam ajudar os pobres e que ja eram poucos devido ao desastre econômico que Lula e Dilma criaram. E esse resto de dinheiro é roubado e vai para Lula, para a Oderbrecht, para Antônio Palocci, para Ike Batista, para Joeslei Batista, para José Dirceu…

Resultado : o povo pobre come sopa de osso por causa de Lula e dos Oderbrecht!

▪Erros políticos : — O apoio e solidariedade do PT, dos seus panfletos sujos da internet e de Lula a ditaduras e autocracias diversas aqui e na África, em pavoroso atentado à democracia — apoio a Putin, a Maduro, a Hugo Chaves, a Cuba, a Nicarágua, a Venezuela, a Angola, a Moçambique…

…esses erros políticos assanham a ultra-direita aqui no Brasil e desemboca em jair bolsonaro, que apoia algumas autocracias junto com o PT e com Lula e atinge gente que corajosamente está lutando por um mundo livre, como Zelensky, da Ucrânia, e apoia ainda outros autocratas, como Donald Tramp, Dutert, …

E esses merdas ainda vêm aqui falar de democracia, de progressismo e enganar, mas apoiam todo dia essa gente antidemocrática, começando pelo apoio a Cuba.

Se no 2° turno der Lula X bolsonaro, NÃO seja isento escolhendo um como menos pior. Os dois infernizam e destroem o Brasil e a democracia.

Não seja isento. Se posicione e dê o voto mais político possível diante de uma tragédia que é escolher entre quem destroi a economia e se corrompe e quem desinstabiliza tudo e compra dezenas e dezenas de imóveis com dinheiro vivo.

Pela democracia, que Lula e bolsonaro ameaçam aqui e no mundo pobre…

No 2° turno, se der esses dois…

VOTE EM BRANCO!

Responder

Alexandre Neres

06 de setembro de 2022 às 10h57

Prestem atenção no réu confesso tentando se eximir de responsabilidade pelo fato de ter sido um isentão, ao ter se omitido de optar entre o apologista de Brilhante Ustra e o professor democrata, permitindo, assim, que centenas de milhares morressem durante a pandemia em decorrência da inação do desgoverno atual.

Responder

EdsonLuíz.

06 de setembro de 2022 às 10h43

Quanto fascismo entre os populistas que se dizem ‘de esquerda’! Quanto!

Essa gente precisa ser parada, mas ser parado, em democracia, é sempre no campo de ideias e as atitudes fascistas de quem não é fascista por não ser esta a sua intenção —como a antiga e diária atitude fascista do PT171– ou por sequer saber o que seja fascismo, mesmo com intenções de ser, —como as atitudes fascistas de bolsonaro — contra essas atitudes fascistas dos dois lados não adianta quase nada discutir ideias. Essas atitudes fascistas se dão muito por ignorância e contra a ignorância as ideias nada podem.

Ficaremos vivendo de erros técnicos, de erros morais, de miséria à porta, de recessão econômica, de sopa de ossos, de tolerar corrupção e de pelanca de frango.

Triste e improdutiva vida!

E com os dois lados colocando a culpa em todos os que a eles não se cumpliciarem, que são exatamente os que não têm culpa.

Responder

Alexandre Neres

06 de setembro de 2022 às 09h34

Temos que empreender uma campanha para que os eleitores do Ciro não mudem o voto no primeiro turno das eleições.

Pelo teor dos comentários aqui no blogue, depreende-se que, se trocarem de candidato, irão fechar com o mito sem a menor sombra de dúvidas.

Responder

Deixe um comentário