Bahia: Refinaria privatizada provoca desabastecimento de Gás de Cozinha

Crédito: Picture Alliance

Presidente da Alemanha vem para posse de Lula

Por Gabriel Barbosa

02 de dezembro de 2022 : 08h39

Nesta quinta-feira, 1°, o gabinete do chefe de estado alemão confirmou a presença do presidente da Alemanha, Frank-Walter Steinmeier, na posse do presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva, no dia 1° de janeiro de 2023. 

No comunicado, o governo destacou que o presidente alemão não vai deixar de “prestigiar a transição democrática de poder no maior país da América Latina”.

Além disso, Steinmeier pretende “dar impulso a uma nova fase da parceria estratégica entre Brasil e Alemanha” e reestruturar as relações entre os dois países.

“Estou muito feliz com a notícia que o Presidente da Alemanha virá ao Brasil para a posse do Presidente eleito Lula!”, escreveu o embaixador da Alemanha no Brasil, Heiko Thoms, no Twitter.

Gabriel Barbosa

É jornalista com passagens pelo Grupo de Comunicação O POVO (Ceará), RedeTV! e Band News FM. Atualmente é Chefe de Redação do Cafezinho e pós-graduado em Comunicação e Marketing Político.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

7 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Dr. Macphail

03 de dezembro de 2022 às 19h27

A data de posse do presidente eleito, no Brasil, 01 de janeiro, é refratária a vinda de grande número de mandatários de outros países por motivos óbvios, tanto que a partir de 2027 a posse acontecerá em 05 de janeiro.

Após a posse de Lula, a última no primeiro dia do ano, verifica-se os presentes e caso tenha comparecimento além do óbvio de ausentes, calam-se os ladradores e adjacentes, caso contrário, apenas o óbvio, incluso os ladradores e os adjacentes.

Responder

Alexandre Neres

03 de dezembro de 2022 às 13h48

Lula não está propalando nada.

A imprensa corporativa, sim, está cogitando a hipótese da vinda de Biden para a posse de Lula. Caberia a esta ser acusada de ser vira-lata.

Não convém tentar estabelecer termos de comparação entre coisas distintas, como entre banana e laranja. Precisamos comparar fato concreto com fato concreto, deixando de opinionismos que só refletem as preferências particulares de cada um.

Com efeito, o presidente Macron fez questão de dar a Lula o tratamento de Chefe de Estado quando o recebeu pela última vez. O simbolismo da cena foi muito forte em termos diplomáticos, foi um recado claro. Pra bom entendedor, pingo é letra.

Ademais, a proximidade de Lula com o Chanceler Olaf Scholz dispensa comentários, assim como com o Primeiro-Ministro Pedro Sánchez ou com o Primeiro-Ministro Antônio Costa ou com o Presidente Marcelo Rebelo de Sousa, a título de exemplo.

Responder

Paulo

02 de dezembro de 2022 às 23h34

Na Alemanha, quem manda é o primeiro-ministro. Nos EUA, é o presidente, mas duvido que ele venha. Deve mandar a Kamala Harris. Por isso, convocou Lula a visitá-lo, antes da posse do petista…E neguinho fica por aqui se orgulhando do complexo de vira-latas, disputando quem é e quem não é mais bem quisto no exterior. Um bate continência pra bandeira americana, sendo militar das FFAA brasileiros; o outro, entra sempre no beija-mão de “autoridades” estrangeiras pra pagar de prestigiado. Por que tanto horror perante os céus, ó Deus?

Responder

Paulo

02 de dezembro de 2022 às 23h33

Na Alemanha, quem manda é o primeiro-ministro. Nos EUA, é o presidente, mas duvido que ele venha. Deve mandar a Kamala Harris. Por isso, convocou Lula a visitá-lo, antes da posse do petista…E neguinho fica por aqui se orgulhando do complexo de vira-latas, disputando quem é e quem não é mais bem quisto no exterior. Um bate continência pra bandeira americana, sendo militar das FFAA brasileiros; o outro, entra sempre no beija-mão de “autoridades” estrangeiras pra pagar de prestigiado. Por que tanto horror, ó Deus!

Responder

Edu

02 de dezembro de 2022 às 14h44

Brasil vai virar filho da puta. Vai pegar os antipetistas e vai virar pra um lado, virar pro outro …
Pra que serve o filho da puta, antipetista ?

Responder

Natalia

02 de dezembro de 2022 às 11h51

6 meses ou no maximo um ano para o Brasil virar a Argentina de hoje…dai pra frente é Venezuela.

Responder

Edu

02 de dezembro de 2022 às 09h51

Hemorroidaß ardem. Aftäß, ídém !!!!!

Responder

Deixe um comentário