Comentários sobre o áudio vazado de André Esteves (BTG Pactual)

Juízes se cansam de jogo sujo de Barbosa; OAB desmente mentiras da Globo

Por Miguel do Rosário

27 de fevereiro de 2014 : 04h42

Será que os juízes se cansaram do jogo sujo imposto por Barbosa e Globo? Ou será que é mais jogo sujo?

A declaração dos representantes da OAB, de que os presos petistas na Papuda, não tem nenhum privilégio, é um desmentido que deveria envergonhar a mídia, os leitores que acreditam nela e, sobretudo, os procuradores do MP que deram declarações baseados unicamente em informações do Globo.

Hoje o Globo volta a falar em “regalias”.

Qualquer servidor do sistema carcerário do Distrito Federal que for demitido ou punido será culpa de Dirceu.

Daqui a pouco, aliás, começarão a aparecer servidores contando mentiras à Globo apenas para poderem se livrar de alguma acusação de improbidade, incompetência ou corrupção.

Denúncia contra o arbítrio de manter Dirceu em regime fechado, quando sua sentença determina que fique em semi-aberto, não há nada.

*

Juízes de execuções penais deixam cargo em meio a polêmica sobre regalias

Diretores de presídio de Brasília também pedem para sair; OAB faz vistoria e diz que condenados do mensalão não têm privilégio

26 de fevereiro de 2014 | 21h 33

Andreza Matais e Fabio Fabrini – O Estado de S. Paulo

Os juízes Bruno André Ribeiro e Ângelo Pinheiro Fernandes de Oliveira, responsáveis por decisões relativas aos condenados do mensalão, pediram para deixar a Vara de Execuções Penais do Distrito Federal e serão transferidos do cargo até o início de abril. Com a saída deles, já são quatro os servidores públicos que pediram afastamento desde que, em novembro do ano passado, políticos condenados foram presos em Brasília. Os pedidos de afastamento ocorreram em meio a suspeitas de privilégios no cárcere.

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal confirmou ao Estado as transferências, mas disse que o pedido partiu dos juízes. “Não houve qualquer procedimento de remoção de magistrados, mas concurso para preenchimento de novas vagas de lotação.”

Nesta semana, o diretor e o vice do Centro de Progressão Penitenciária (CPP) também pediram para deixar os cargos. Segundo o jornal O Globo e a revista Veja, isso ocorreu após o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares se queixar de ter sido obrigado a tirar a barba, além de ter acesso a um cardápio diferenciado na prisão, com direito a carne de churrasco e feijoada.

Segundo relatos, os dois juízes tomaram a decisão de deixar a Vara de Execuções contrariados com a interferência política no comando do Complexo Penitenciário da Papuda, onde estão José Dirceu e outros presos do mensalão, e no CPP.

O governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, filiado ao PT, mesmo partido de quatro dos presos, é quem nomeia os administradores dos presídios.

As transferências dos dois juízes serão efetivadas entre os dias 6 de março e 4 de abril.

Bruno Ribeiro é próximo ao presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, e assumiu a frente da execução das penas dos condenados do mensalão no fim do ano passado, em substituição ao juiz titular da Vara, Ademar de Vasconcelos.

Ademar deixou o cargo em meio a críticas de que era brando na execução das penas. Na época, caravanas de políticos visitavam os condenados do mensalão fora dos dias e horários de visita. José Genoino chegou a conceder entrevista à imprensa criticando o julgamento do mensalão enquanto estava hospitalizado. Genoino cumpre a pena em prisão domiciliar até uma decisão definitiva do Supremo.

Considerado de perfil mais duro, Bruno Ribeiro determinou que os políticos presos tivessem tratamento igual ao dos demais detentos. Os presos passaram a receber os visitantes não mais na sala da direção da Papuda, mas em ambiente separado por um vidro, entre outras medidas.

Mais recentemente, seu colega na Vara de Execuções, o juiz Ângelo Pinheiro, mandou investigar denúncia de que José Dirceu usou o celular dentro da Papuda. A decisão ocasionou o adiamento de análise sobre pedido de Dirceu para trabalhar fora do presídio.

Concurso. Os dois juízes se inscreveram em concurso interno aberto pelo Tribunal de Justiça do DF no dia 13 deste mês para uma nova lotação, o que possibilitou a transferência. Bruno Ribeiro foi designado para a 3.ª Vara da Fazenda Pública e Ângelo Pinheiro para a 3.ª Vara de Entorpecentes do Distrito Federal. Esta foi a segunda tentativa de Bruno Ribeiro de deixar a Vara após a prisão dos condenados do mensalão. Na primeira ocasião, ele aceitou ficar, atendendo a um pedido de seu superior.

O Ministério Público do DF pediu à Vara de Execuções Penais que determine apuração de supostas regalias a condenados no mensalão.

Vistoria. A Ordem dos Advogados do Brasil fez nessa quarta uma vistoria no CPP e concluiu que os presos do mensalão não tiveram privilégios. O advogado Alexandre Queiroz, da comissão de Direitos Humanos da OAB, afirmou ao Estado que os condenados foram autorizados a ter uma frigideira e um liquidificador, regalias que os demais condenados que cumprem pena no presídio, segundo ele, também já possuem. No CPP estão os presos que cumprem pena no regime semiaberto.

brasil-mensalao-condenados-prisao-policia-federal-jose-dirceu-20131115-08-size-598

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

6 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Via Groggy

28 de fevereiro de 2014 às 16h08

Cronicas Petista

Responder

Ricardo Oliva

28 de fevereiro de 2014 às 04h34

essa tal oab tem credibilidade onde? só prá vcs petistas mamadores e alienados

Responder

Libertad Martinez

27 de fevereiro de 2014 às 17h54

Aí si todo es relativo. cruzes!!

Responder

Castor Filho

27 de fevereiro de 2014 às 13h15

Com a “queda” de audiência do Jabor, a Rede Globo (“quarterback”do grupo GAFE – Globo, Abril, FSP, Estado)precisa de um novo “clown”… Escolheu um que estava no mercado! E mais à mão! Nada que não possa nos divertir. Pena que seja pisoteando a Justiça e o Zé Dirceu, porque o nosso apodrecido judiciário é o Poder mais corrompido e corrupto da República… E tudo LEGALMENTE.

Responder

Chico Melo Melo

27 de fevereiro de 2014 às 13h03

OS BRASILEIROS NÃO MERECEM TER UMA FIGURA DESTA NA CORTE MAIS ALTA DO PAÍS. SINCERAMENTE, EU ME SINTO ORFÃO DE PAI E MÃE VENDO ESTE SENHOR, QUERENDO SE TRANSFORMAR EM DEUS, EM TODO PODEROSO,ENFIM, É UM DESPREPARADO MESMO.

Responder

Barbara Ferreiro

27 de fevereiro de 2014 às 09h53

JB , um Despreparado e Alucinado , Chefe da Quadrilha TUCANA .

Responder

Deixe um comentário

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?