Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Pedro Corrêa promete transformar Lava Jato em pantomina

Por Redação

11 de janeiro de 2016 : 07h00

Corrêa promete denunciar 100 políticos à Lava Jato, incluindo Aécio, Wagner e Rebelo

no Jornal GGN

Condenado a 20 anos de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro na Petrobras, o ex-deputado Pedro Corrêa, que já liderou o Partido Progressista (PP), elabora termo de acordo de colaboração premiada com as autoridades da Lava Jato, em troca da redução de pensa para um ano e meio, e pagamento de multa de R$ 4 milhões. Ele foi acusado de receber cerca de R$ 11 milhões do esquema na Petrobras.

Segundo informações da Folha de S. Paulo deste domingo (10), Corrêa, para obter as vantagens da delação premiada, deve entregar à Lava Jato uma lista de cerca de cem políticos que devem ser investigados, incluindo entre eles o senador Aécio Neves (PSDB) e os ministros Jaques Wagner e Aldo Rebelo.

Folha não revelou quais as cartas que Corrêa supostamente teria em mãos contra Aécio e os titulares do governo Dilma Rousseff (PT). Apenas destacou que, mais uma vez, o “braço direito” da presidente é mencionado no âmbito da Lava Jato.

Desde o início do ano, quando passou a ser classificado como “porta-voz” informal do governo, Wagner vem sendo alvo de reportagens feitas com base em vazamentos seletivos de informações.

Na primeira, publicada pelo Estadão, o ex-governador da Bahia aparece trocando mensagens com o empresário Léo Pinheiro, da OAS, preso na Lava Jato. O jornal escreveu que Wagner angariou doações eleitorais para a campanha do PT em Salvador em 2012 junto à empresa e, em 2014, passou a ser cobrado por executivos que teriam interesse em liberar recursos de um convênio que envolve o Ministério dos Transportes. O teor da denúncia dá conta de que Wagner atuou em benefício da OAS em troca de doações privadas.

Um dia depois, o ministro foi citado em reportagem sobre a delação de Nestor Cerveró. O ex-diretor da Petrobras teria dito à Lava Jato que Wagner recebeu doações ilegais em 2006, quando foi eleito governador da Bahia.

Contra Aécio, a Folha reeditou a denúncia de Carlo Rocha, entregador de dinheiro do doleiro Alberto Youssef, que disse em delação que, em 2013, levou R$ 300 mil a um diretor da UTC, que lhe disse que o valor iria para tucano. Aécio nega e não quis comentar a reportagem, assim como Wagner e Rebelo – que até então não havia sido mencionado na Lava Jato.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

40 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Davi Sampaio

13 de janeiro de 2016 às 01h50

Julio Cesar

Responder

Angelo Filomena

12 de janeiro de 2016 às 22h52

Não duvido

Responder

Jorge Menezes

12 de janeiro de 2016 às 02h10

A Lava Jato,com suas delações premiadas,as vezes parece estar tomando o rumo sórdido das Bruxas de Salem.

Responder

Francisco Das Chagas Lemos

12 de janeiro de 2016 às 00h14

Ora tenha dó, denunciar é fácil , quer incluir Wagner no meio dessa corja, esse moço é uma vergonha para Pernambuco.

Responder

Roberto Da Silva Moraes

11 de janeiro de 2016 às 21h17

pega ladrao

Responder

Antônio Pereira da Silva

11 de janeiro de 2016 às 21h11

Esse japonês aparece em tudo quanto é foto. Que mala!

Responder

Antônio Pereira da Silva

11 de janeiro de 2016 às 21h11

Esse japonês aparece em tudo quanto é foto. Que mala!

Responder

Antônio Pereira da Silva

11 de janeiro de 2016 às 21h11

Esse japonês aparece em tudo quanto é foto. Que mala!

Responder

Antônio Pereira da Silva

11 de janeiro de 2016 às 21h11

Esse japonês aparece em tudo quanto é foto. Que mala!

Responder

Josefaconceiçao Conceiçao

11 de janeiro de 2016 às 20h44

Hoje não precisa de cadeias comete crimes confessa entrega outros que entrega outros, e fica em casa Com conforto e dinheiro, a corrupção compensa.

Responder

Josefaconceiçao Conceiçao

11 de janeiro de 2016 às 20h44

Hoje não precisa de cadeias comete crimes confessa entrega outros que entrega outros, e fica em casa Com conforto e dinheiro, a corrupção compensa.

Responder

Josefaconceiçao Conceiçao

11 de janeiro de 2016 às 20h44

Hoje não precisa de cadeias comete crimes confessa entrega outros que entrega outros, e fica em casa Com conforto e dinheiro, a corrupção compensa.

Responder

Josefaconceiçao Conceiçao

11 de janeiro de 2016 às 20h44

Hoje não precisa de cadeias comete crimes confessa entrega outros que entrega outros, e fica em casa Com conforto e dinheiro, a corrupção compensa.

Responder

Josefaconceiçao Conceiçao

11 de janeiro de 2016 às 20h44

Hoje não precisa de cadeias comete crimes confessa entrega outros que entrega outros, e fica em casa Com conforto e dinheiro, a corrupção compensa.

Responder

Jonas Pandolfo

11 de janeiro de 2016 às 19h15

So revoltinha inicial de um ladrão que ainda se acha importante.Tem que mofar na cadeia.

Responder

José Antônio Morato Mariano

11 de janeiro de 2016 às 18h55

Corrijam o pantomima ou surgirão espertos dizendo que não foi erro de digitação.

Responder

Josias Vicente

11 de janeiro de 2016 às 18h30

Olha o Japa…essa é honesto com “H” ou sem…???

Responder

Lourdes Neves Vieira

11 de janeiro de 2016 às 17h17

Tá morto.

Responder

Zezinho Defesa Almeida

11 de janeiro de 2016 às 17h04

Olha o Japones picareta! o Paladino da moral e da ética !!

Responder

Marcelo Pedrosa

11 de janeiro de 2016 às 16h28

Ricardo Pedrosa

Responder

Fred Brasil

11 de janeiro de 2016 às 16h03

Mas com qual credibilidade ele pretende delatar tanta gente? tem provas?

Responder

Emerson Carlos da Silva

11 de janeiro de 2016 às 15h15

Deus lhe ouça Pedro Corrêa.

Responder

Emerson Carlos da Silva

11 de janeiro de 2016 às 15h15

Deus lhe ouça Pedro Corrêa.

Responder

Ma Lourdes Sousa Aas

11 de janeiro de 2016 às 14h34

Mas aecio parece blindado ,ele Cunha e gangue!

Responder

Hell Back

11 de janeiro de 2016 às 12h28

O pessoal da oposição podem ficar tranquilos. Não acontecerá nada com eles porque a seletividade da justiça brasileira é uma coisa fantástica. he he he

Responder

Luis Bazaglia

11 de janeiro de 2016 às 14h05

Não seria lindo o Aécio e o Lula na mesma cela???

Responder

Gerson Rodrigues

11 de janeiro de 2016 às 13h36

Vamos Correia joga tudo no ventilador….

Responder

Eduardo Londero

11 de janeiro de 2016 às 13h25

Como assim “promete”. Pantomina não é farsa, faz-de-conta, teatro e fingimento?

Responder

Ivo Vanda Reis

11 de janeiro de 2016 às 12h28

Pantomina foi um erro de digitação , não foi Cafezim??? Mas Dr. Pedro Correia tem que entregar direito, todo mundo!! Vamos derrubar a república e acabar com essa hipocrisia nefasta. Quem deve paga. A nação já sabe quem e quem nesta história toda. Só estamos esperando a sêmen na calcinha, porque aí tem DNA. Batom na cueca e fácil derrubar.

Responder

Renzo Dominic

11 de janeiro de 2016 às 12h23

Esse JAPA tem uma varinha de pescar tão pequena que não consegue fisgar PEIXE GRANDE…

Responder

Replicante Seletivo

11 de janeiro de 2016 às 11h25

Há mais de um ano em cartaz, o grande circo jurídico-midiático continua apresentando a maior sequência de palhaçadas possível, para se manter célere em sua missão de paralisar o governo e entregar o país. Não há mais qualquer condição de levar a sério esta sequência interminável e recursiva de vazamentos seletivos, com delatores estranhamente premiados para executarem delações a conta-gotas, com a clara intenção de criminalizar a política, de uma forma geral, e desmoralizar o atual governo, em um objetivo específico.

Responder

David Dornellas Pontes

11 de janeiro de 2016 às 11h17

…mais 4 milhões de multa. Ele foi acusado de ter recebido 11 milhões…pqp

Responder

Leal Jose Newton

11 de janeiro de 2016 às 10h54

Como é deles , até o japonês da PF está vestido como pessoa normal.

Responder

Haroldo Henrique Da Costa Lima

11 de janeiro de 2016 às 10h24

Parece que futuramente teremos essa situação: os mais velhos contando histórias da nossa época…

Responder

Arthemisia Santiago

11 de janeiro de 2016 às 10h21

Tá mais para o Auto da Compadecida: só sei que foi assim!

Responder

Etore Machado

11 de janeiro de 2016 às 10h09

Ele não é do PP. Partido progressista do Dr.Tranquera?

Responder

Sérgio Dinis

11 de janeiro de 2016 às 09h57

Não seria pantomima?

Responder

Deixe um comentário