Análise em vídeo das manifestações do 2 de outubro e as vaias a Ciro

FHC aceita derrota do golpe

Por Miguel do Rosário

19 de janeiro de 2016 : 20h38

FHC admite que tanto o golpe paraguaio (impeachment), quanto o hondurenho (TSE), já foram derrotados politicamente.

No Brasil 247.

Texto original do Infomoney.

FHC RECONHECE: O GOLPE FICOU BEM MAIS DIFÍCIL

Diante de uma plateia de banqueiros e investidores, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, que defende a saída da presidente Dilma Rousseff por qualquer meio, reconheceu que o “impeachment ficou difícil agora”; mais do que isso, ele afirmou que o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), a quem o PSDB se aliou na conspiração golpista, é quem deve ser “impeachado”; para o tucano, tirar Dilma não é a solução; “Sem querer absolvê-la, mas não basta tirá-la e colocar outro, porque a condição está aí, o Congresso desse jeito”, disse; FHC ecoa o discurso da colunista Eliane Cantanhêde, que, no fim de semana, afirmou que ‘o impeachment subiu no telhado’

19 DE JANEIRO DE 2016 ÀS 18:52

Por Ricardo Bomfim – O ex-presidente da República, Fernando Henrique Cardoso, em sua primeira aparição pública de 2016, disse que o impeachment da presidente Dilma Rousseff ficou bem mais difícil. Para ele, o processo não deve avançar no Congresso e o próprio presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), deve ser “impeachado”.

FHC participou de um evento do Credit Suisse no qual o Estado de S. Paulo participou. Segundo o jornal, ele ainda falou sobre os sinais de reaproximação de Dilma com o seu vice, Michel Temer. “Acho que o vice-presidente, no cenário que está aí exposto, assumiu compromissos com uma linha mais consequente com o Brasil”, disse.

As notícias recentes são de que Temer fez um recuo estratégico da sua defesa do impeachment para não sofrer com a oposição do governo à sua reeleição como presidente do PMDB. Isso porque seu partido está rachado entre os que apoiam o impeachment de Dilma e os que são contra ele. Neste segundo grupo está o deputado Leonardo Picciani (PMDB-RJ), que defendeu que Renan Calheiros (PMDB-AL) seja o sucessor de Temer na presidência do partido.

Marina

Além de falar que o impeachment “esfriou” por conta da situação delicada de Cunha e dos interesses do vice-presidente, FHC comentou a fala ainda de Marina Silva, da Rede Sustentabilidade, de que a cassação da chapa Dilma-Temer pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) seria mais adequada. Ele afirmou que o desfecho deste julgamento cabe ao tribunal e não aos atores políticos. O ex-presidente questionou, ainda, quais seriam as implicações desta cassação, caso ela fosse adiante.

“Você anula as eleições e a regra é a mesma? Os partidos são os mesmos? Não faz uma mudança mais profunda na legislação eleitoral? Do ponto de vista nacional, era melhor aprofundar mais a crise política, porque é preciso mudar mais profundamente as regras, fazer mudanças mais profundas no Brasil. Não é pessimismo, mas isso leva anos”, afirmou Fernando Henrique.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

30 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Manira Calil

26 de janeiro de 2016 às 22h58

OLHA O LUCIANO HULK …COM SEU AMIGÃO AÉCIO FARINHA NEVES….

Responder

Iracema Ferreira

26 de janeiro de 2016 às 20h32

Adoro esta foto. Sempre me faz sorrir.

Responder

Tania Alves

23 de janeiro de 2016 às 01h33

Aceita que dói menos

Responder

Jhon Carter Primogenito

21 de janeiro de 2016 às 14h28

uma das fotos mais lindas de 2014 e vai se repetir em 2018 kkk

Responder

Kakânia

21 de janeiro de 2016 às 02h26

Enfim FHC falando com um senso maior de político. Mas como ele fala e desfala é bom se precaver.

Responder

Rodolfo Souza

21 de janeiro de 2016 às 02h10

AECIO parasita nacional!!!!

Responder

Pedro Rodrigues

20 de janeiro de 2016 às 17h31

Esse é outro safado! Estamos envoltos por safados! E o Hulk ali, outro amigão, que constrói casa em local de reserva permanente!

Responder

Nilda Gomes

20 de janeiro de 2016 às 15h34

Esta foto é histórica!

Responder

José Medrano Neto

20 de janeiro de 2016 às 12h42

esse é o “caldeirão dos patéticos”…

Responder

Bruno Silva

20 de janeiro de 2016 às 03h05

Responder

a.ali

20 de janeiro de 2016 às 00h58

Não dá para levar à sério nada que este velhote safado diz. Semana que vem ele terá outra opinião, então o mais certo é ignorar ele, sempre, ostracismo é seu destino!
Mas a foto da matéria é uma relíquia! Olhem as caras… é de rir e muito, melhor de gargalhar…

Responder

Lennon Flores

20 de janeiro de 2016 às 02h20

Toda vez que vejo essa foto, fico louco de vontade de saber quem é aquele cara de camisa branca rindo ao fundo no canto direito kkkkkkkkkk

Responder

    Jorge Moreira

    20 de janeiro de 2016 às 12h34

    hahahaha…eu tb qria saber

    Responder

    Meire Moreira

    20 de janeiro de 2016 às 18h45

    E o de camisa azul?
    Seria o Malafaia mentiroso misturando religião com política?

    Responder

Osilda Palma Maia

20 de janeiro de 2016 às 01h48

Mas vai chegar o dia desses coxinhas cansarem.

Responder

Miza Brasil

20 de janeiro de 2016 às 00h55

O Aécio Farinha Neves ainda não caiu na real que ele não foi eleito e portanto não é, nem vai ser presidente do Brasil? Em primeiro lugar, que ele acorde e em segundo… Aécio, toma vergonha na cara.

Responder

Jorge Espindula

20 de janeiro de 2016 às 00h50

Como diz a propaganda do cartão…..
Olhar a cara de incredulidade do Aécio, Luciano e do resto da turma não tem preço.
Kkkkkkkkkkkkkk

Responder

Eduardo Ers

20 de janeiro de 2016 às 00h16

Essa cena é impagável. Só faltou o chororô da Globonews quando a Dilma Rousseff venceu.

Responder

Hell Back

19 de janeiro de 2016 às 21h59

Quer dizer que, segundo o fegagácê, a oposição não queria só a presidência, mas um congresso novinho em folha para fazer tudo o que bem entendesse.

Responder

Gabriel Santos

19 de janeiro de 2016 às 23h37

A GLOBO NÃO DESISTIU CONTINUA CALUNIANDO LULA.

Responder

Decio Monteiro

19 de janeiro de 2016 às 23h15

LULU BOCADECULHÃO E ABOMINÁVEL AÉCIO DAS NEVES……. SE PHODERAM….

Responder

Marisa Calage

19 de janeiro de 2016 às 23h13

Parece, foi segundos após brindarem “a vitória” do Never esse seria o momento exato em a verdade se revelou: DILMA É A PRESIDENTA DO BRASIL.

Responder

Elton Becker

19 de janeiro de 2016 às 23h12

Responder

Lívio Adelson

19 de janeiro de 2016 às 23h11

Essa foto é do pessoal esperando o avião do Governo de Minas Gerais?

Responder

Dileta Xisto

19 de janeiro de 2016 às 22h57

Vão criar vergonha na cara e deixei a Presidenta Dilma Rousseff governa seus coxinhas oportunista e ladrões

Responder

Glauco Silva

19 de janeiro de 2016 às 22h45

Semana que vem ele diz outra coisa, Fernando Henrique Corrupção está Gagá!!!

Responder

Deixe um comentário