Fundador do Instituto Ideia vê chance de Lula vencer no 1° turno

São Paulo 17/04/2016 Ato dos Movimentos Sociais em Defesa da Democracia , no Vale do Anhangabau. Foto Paulo Pinto/Agencia PT

Os ratos venceram um round, mas foi apenas o começo

Por Miguel do Rosário

18 de abril de 2016 : 10h06

Um novo começo

Por Mídia NINJA

Todos ouvimos perplexos seus votos. Nada mais apodrecido e distante do Brasil real que esta Câmara dos Deputados presidida por um gângster, onde machos brancos, ricos, torturadores e analfabetos políticos, a maioria deles indiciada por corrupção, fazia dedicatórias de voto às famílias enquanto vaiava grosseiramente as deputadas mulheres. É este o nível da elite política do país. É este o câncer da política tradicional. É este o nosso desafio épico: reinventar o jogo.

Todos ouvimos seus votos. Votaram por Deus, pela família, pela propriedade, pelas tradições, como num velho filme já visto. Poucos falaram em crime de responsabilidade. Houve até homenagem ao torturador responsável por violentar a jovem Dilma, quando aos vinte e poucos anos de idade, lutou e sofreu na carne por esta democracia que hoje lhe golpeia e nos tortura a todos. Se desmoralizaram diante de todo o país. A Câmara derrubou a si própria, derrubou sua legitimidade. Instalou no país o estado de exceção.

Mas enquanto a Casa Grande ataca, a senzala resiste. Nas ruas da resistência democrática o domingo foi um dia vibrante que prova a rearticulação de um novo campo político da própria esquerda brasileira. As organizações sindicais, os movimentos sociais, foram capazes de se reinventar nas redes e nas ruas e mostraram que o vermelho ainda pulsa. Diante do pior Congresso da história da democracia, as ruas mostraram vigor para defender as conquistas e retomar as mudanças.

Não é só político, é civilizatório e espiritual. Toda a sociedade precisa mudar. A mudança é de comportamento e visão de mundo. O século XXI está a nos exigir uma verdadeira revolução cultural. Todos hoje fomos vítimas desta infame tortura coletiva. Não passarão! O Brasil defenderá a legalidade democrática enquanto imagina, inventa e sonha uma nova institucionalidade que precisaremos construir juntos, enquanto esta desaba, mãos dadas, ombro amigo, cabeças erguidas. Não terminou.

Os ratos levaram apenas um round. Restam ainda mais duas votações no Senado. A primeira será pela admissão da denúncia, basta maioria simples, e certamente passará. O segundo round é quando se leva a julgamento o crime de responsabilidade, em sessão conduzida pelo Presidente do STF e que deve reunir maioria absoluta de 57 senadores para a aprovação final do impedimento. A luta está só começando. Não é o fim, é só um novo começo. Venceremos!

 

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

14 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

JOHN J.

14 de maio de 2016 às 10h35

“TENTARAM NOS ENTERRAR, MAS NÃO SABIAM QUE ÉRAMOS SEMENTES”. (Provérbio mexicano).

https://www.youtube.com/watch?v=05clF9qffIM

Responder

Paulo César Oliveira

23 de abril de 2016 às 10h59

Interessante esse post, ao lê-lo, me aguçou uma curiosidade sobre ratos. Analisei pelo Google todos os tipos de ratos do mundo e dêscobri que no Brasil antes do seu descobrimento que aqui não tinha ratos, como todos que hoje foram importados.
Juntos vieram como diz dilmês, os ratus humanus. E o que vemos hoje são ratos engolindo ratos. Só que o rato sindicalista se apossou do queijo e não quer dividi-lo com ninguém se achando o dono de toda a fábrica e está obrigando fábricas de outros produtos ratosos a fecharem mais por falta de clientes e de ratos empregados que querem realmente trabalhar nela.

Responder

Fábio Brito

19 de abril de 2016 às 04h06

EXCLUSIVO!!!!

LEIAM NO REBELDE SILENTE, POIS NÃO VÃO ENCONTRAR EM NENHUM OUTRO LUGAR!!!

https://rebeldesilente.wordpress.com/2016/04/19/brasil-elege-a-nova-rainha-da-inglaterra/

Responder

Manino Danado

18 de abril de 2016 às 19h19

Oi

Responder

Rachel

18 de abril de 2016 às 16h30

“O século XXI está a nos exigir uma verdadeira revolução cultural.” O mais necessário o que pode virar de verdade o jogo. Para sempre. Porque o que aconteceu ontem é o espelho de grande parte do país: burra, analfabeta política , interesseira, egoísta, infantil , medieval ( os dois últimos adjetivos são do Mino Carta). E só se muda isto com revolução cultural. O que é muito mais do que ensinar novas tecnologias e, um pouquinho de português.

Responder

JOHN J.

18 de abril de 2016 às 16h29

* PF, MP, Câmara Federal. Parece que são todos uma só quadrilha de corruptos e defensores dos corruptos da oposição.

Não dá para distinguir quem é mais corrupto, Cunha ou os togados que o mantém no poder mesmo após tantas provas de seus roubos e corrupções que vem aos montes do mundo todo.

MORO? MP? CUNHA? AÉCIO? RENAN?

SINTO UM NÓ NA GARGANTA AO VER ISSO TUDO ACONTECER E ESSES TOGADOS RINDO DAS NOSSAS CARAS E INDO COMPRAR TERNOS EM MIAMI E PEDINDO AUMENTO DE SALÁRIO.

SINTO SAUDADE IMENSA DE UMA PROBA SENHORA, A DOUTORA ELIANA CALMON, QUE QUANDO ESTAVA NA CORREGEDORIA GERAL DE JUSTIÇA, ESBOÇOU COMBATER OS “”BANDIDOS DE TOGA”” E FOI MUITO CRITICADA POR TODOS CORRUPTOS DO JUDICIÁRIO.

GRAÇAS A ESSE TIPO DE TOGADOS, HOJE TEMOS NO CONGRESSO, MAIS DE 50% DOS CONGRESSISTAS LEGISLANDO EM CAUSA PRÓPRIA E ENVOLVIDOS ATÉ O PESCOÇO EM CORRUPÇÕES E SEMPRE COMANDADOS POR BANDIDOS AMPLAMENTE DENUNCIADOS, FLAGRADOS E COMPROVADOS COMO CORRUPTOS CONTUMAZES E AINDA GRAÇAS A ELES TEMOS UM GOLPE EM ANDAMENTO, PRATICADO POR TODOS ESSES CORRUPTOS CONTRA A PRESIDENTA DO BRASIL, SOBRE QUEM NÃO PESA UMA SÓ DENÚNCIA DE QUALQUER TIPO.

Notem bem: nem no Congresso, nem no Judiciário, MULHERES PROBAS, são aceitas e sempre são repudiadas.

https://www.youtube.com/watch?time_continue=6&v=ThbpUlM_n9E

https://www.facebook.com/1397557177224167/photos/a.1406153213031230.1073741829.1397557177224167/1584156095230940/?type=3&theater

http://www.pragmatismopolitico.com.br/2016/04/deputada-que-votou-sim-pelo-impeachment-amanhece-com-a-pf-na-sua-casa.html

Responder

Luca Maribondo

18 de abril de 2016 às 14h48

É a política, estúpido.

Responder

Diego Andrade

18 de abril de 2016 às 11h19

O choro é livre

Responder

Marx Einsenberg

18 de abril de 2016 às 11h17

Por qual razão Dilma perder? Ora, pela prepotência dela mesma. Quando estava no auge da popularidade apenas menosprezou e tratou mal o parlamento. Agora, colheu o fruto.
Nunca foi política no sentido maquiavélico do termo, e por isto foi facilmente dilapidada pelas raposas da dupla Temer-Cunha, estes sim políticos em todo sentido da palavra.
Governar é através da Política e ela é sim abjeta.
Azar o dela. Enquanto ela só preocupava em pedalar de manhã por Brasília, a dupla Temer-Cunha orquestrava e operava a surra que ela levou.
Votei nela e votaria de novo. No entanto, ela nunca foi a melhor opção para suceder o Lula. Enquanto reinava a bonança qualquer boneco de pano poderia ser presidente.
Agora, é deixar o tempo fluir, pois, só ele é capaz de curar as feridas e demostrar quem são estes que aqui chamamos de golpistas: Cunha-Temer e asseclas do PSDB e DEM.

Responder

Paula Teixeira

18 de abril de 2016 às 10h41

Ontem ficou claro que a mobilização pelo Brasil, foi muito maior do que a do partido. Isso é fato. Gostaria também que vocês parassem de ofender quem não pensa como vocês. Parem de chamar as pessoas de ratos, parem de querer dividir os brasileiros. Se vocês vão lutar, vocês acham que os Brasileiros do bem, farão o que? E, cá entre nós, sabemos que não vai ser difícil os 57 votos. O bemvai vencer o mal. Tchau queridos.

Responder

    João Botelhão Pinto

    18 de abril de 2016 às 13h11

    Comemora enquanto pode rata!

    Responder

    Lucas

    18 de abril de 2016 às 17h51

    Ficou claro também a podridão desta casa imunda que se chama Câmara. E o povo mesmo está aos poucos percebendo o ninho de cobra que se meteu ao eleger deputados “sangue-azul”. E em 1964, falaram a mesma coisa, hein?

    Responder

      Paulo César Oliveira

      23 de abril de 2016 às 11h32

      Inclusive o presidente oculto.

      Responder

Luca Maribondo

18 de abril de 2016 às 10h25

Petistas parecem estar curtindo a ressaca com o mesmo ímpeto pré-impeachment. Quando será que vai cair a ficha? Criar inimigos entre os adversários é um erro estratégico político e de marketing grosseiros. Dilma Rousseff caiu porque cometeu um crime grave, sim: estupidez e boçalidade política —ela nada aprendeu com seu amo e senhor Lula da Silva. Um dia, seus sectários vão aprender.

Responder

Deixe um comentário

O Xadrez para Governador do Ceará Lula ou Bolsonaro podem vencer no 1º turno? O Xadrez para Governador de Santa Catarina