Fundador do Instituto Ideia vê chance de Lula vencer no 1° turno

Marília Gabriela repudia trabalhar para governo golpista

Por Miguel do Rosário

15 de maio de 2016 : 12h34

(Essa maravilhosa foto, profética, é de Danilo Verpa/Folhapress – 25.08.2014)

No Glamurama

Secretaria de Cultura: Marta Suplicy leva convite a Marília Gabriela, mas…

Foi Marta Suplicy a incumbida de transmitir o convite para que Marília Gabriela aceitasse ocupar a secretaria de Cultura no governo Temer. Com isso seriam resolvidas duas questões: ter um órgão separado cuidando da Cultura e uma mulher no ministério. A tarde inteira desse sábado foi um vai e vem tentando convencer a apresentadora, que no início da noite avisou Marta que ela não poderia aceitar no momento. Agradeceu muito o convite, mas disse não. (por Joyce Pascowitch)

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

54 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

João

20 de maio de 2016 às 07h11

Na atual conjuntura, é melhor promover o tiririca. Afinal virou uma grande piada de mau gosto.

Responder

Gilson Lage

17 de maio de 2016 às 15h00

Você não entendeu… Ela tem um nome a ZELAR… Não vai ajudar a GOLPISTAS…!!!

Responder

Ale Cavagna

16 de maio de 2016 às 13h37

a foto é maravilhosa! kkkkkkkkkk! A ponte de volta para o futuro (1989)

Responder

everton Rodrigues

16 de maio de 2016 às 12h35

Eu não sei porque o vice de temer não fala nada fica na dele calado.

Responder

Sandra Francesca de Almeida

16 de maio de 2016 às 07h51

A língua de um e de outro não cabe na boca, é?

Responder

Minos Adão Filho

16 de maio de 2016 às 01h43

O Lobão daria o grande ministro da Cultura, quá, quá, quá cucurucucu paloma, mamãe eu vou mijar.

Responder

Dimen

15 de maio de 2016 às 23h00

Qualquer mulher poderia aceitar. Hoje com a tecnologia ela poderia trabalhar de casa, assim não interfere nas suas atividades de mulher, lavar a louça, limpar a casa, cuidar dos filhos e preparar a janta para quando o marido chegar.

Responder

Jose Pereira Brito Flho

15 de maio de 2016 às 21h45

A PONTE PARA O FUTURO , DE VOLTA PARA O FUTURO , TÁ PARECENDO FILMES DE STEVE SPIELBERG KKKKKKK

Responder

OMERO

15 de maio de 2016 às 19h04

UÉ, VIU QUE PRECISA TER MAIS MINISTÉRIOS!!!

Responder

cuticuladepeixe

15 de maio de 2016 às 18h30

Porque não coloca a Marta? Seria lindo.

Responder

    Paulo Afonso Cavalcanti

    15 de maio de 2016 às 19h06

    Seria perfeito com a marta (minúsculo mesmo).

    Responder

Rafaell Carneiro

15 de maio de 2016 às 17h51

Marília não chamou o governo atual de golpista. Ela apenas recusou o convite. Não induza as pessoas ao erro, vcs perdem credibilidade com isso.

Responder

    Ruy Barbosa Dos Santos

    15 de maio de 2016 às 18h46

    Rafael, acorda infeliz!

    Responder

    Angelino Afonso Nogueira Jr.

    15 de maio de 2016 às 18h50

    Boa! Induzir ao erro? Você não aprendeu a ler entre linhas? Alô galera do Cafézinho, tem como DESENHAR para o cidadão Rafaell Carneiro?

    Responder

      angelina margarida

      15 de maio de 2016 às 20h00

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      Responder

    Gabiroba

    15 de maio de 2016 às 18h50

    Não chamou por ética, mas para bom entendedor meia palavra basta, o governo é golpista sim; e que bom que ela não compactua com esta estirpe…

    Responder

    OMERO

    15 de maio de 2016 às 19h03

    MAS COMO ASSIM, TEMER NÃO IA DEIXAR O PAÍS DA “PONTE PARA O FUTURO” INCULTO????

    Responder

    marta regina

    15 de maio de 2016 às 19h20

    Realmente não precisa mesmo fazer isso. Não tem que descer ao nível da Globo golpista.

    Responder

    George Protásio

    15 de maio de 2016 às 21h23

    E em algum momento a matéria afirmou isso? O governo já é golpista, querendo ou não… Marília Gabriela repudiou o convite.

    Responder

    Gustavo Pinheiro

    15 de maio de 2016 às 21h27

    Não precisa chamar né, nasceu golpista!!!

    Responder

      Vania Barbosa Silva

      16 de maio de 2016 às 13h06

      Marília Gabriela tem juízo e da maneira mais elegante disse não. Na realidade ela tem motivos de sobra para recusar, pois vivenciou o período nefasto do golpe militar de 64. Tem minha admiração e respeito por não querer compactuar com essa conspiração golpista.

      Responder

    Cássia Oliveira

    16 de maio de 2016 às 06h41

    Para quem sabe ler pingo é letra. Não quer ser tachada que fez parte do governo golpista no futuro próximo.

    Responder

    marisa leal

    16 de maio de 2016 às 08h46

    Ninguém quer set conivente com este governo golpista e corrupto. A não set os corruptos.

    Responder

    Gilson Lage

    17 de maio de 2016 às 15h03

    Para bom entendedor… Para que dizer o que TODO O MUNDO, LITERALMENTE, já sabe… Ela não quis ser REDUNDANTE… PREFERIU ser ELEGANTE… Valeu Marília…!!!

    Responder

ghostwriter

15 de maio de 2016 às 16h39

KKKK OFERECE PARA O TIRIRICA ELE É ARTISTA KKKKKKKKKKKKKKKK JÁ TÁ UMA PALHAÇADA MESMO ESTE GOLPE.

Responder

ghostwriter

15 de maio de 2016 às 16h38

MARTA GAROTA DE RECADO. UAHAUHAUAH

Responder

Argemiro Garcia

15 de maio de 2016 às 16h21

Nesse ponto, concordo com os coxinhas: o título está equivocado e induz ao erro. A princípio, Marília Gabriela não aceitou a Secretaria. Do jeito que foi escrito, induz ao erro.De qualquer forma, Marília Gabriela recusou o convite.

Responder

    Ruy Barbosa Dos Santos

    15 de maio de 2016 às 18h50

    Isto mesmo. Ela não disse “a” e sim disse “A”. É muito diferente. Caiam na real, a cobra vai fumar….

    Responder

Marcelo Mendes

15 de maio de 2016 às 15h53

Deve haver mais responsabilidade da mídia antes de noticiar os fatos, de ambos os lados. Senão vira munição pra desqualificar a fonte. Arrumem esse título aí.

Responder

Marcos Vinicius

15 de maio de 2016 às 15h16

Vai cair no colo da Regina Duarte, aquela do medo !

Responder

    NEREIDE BRAVO

    15 de maio de 2016 às 15h36

    A ex namoradinha do Brasil???kkkkkkkkkk……que cultura ela tem prá isso????

    Responder

      Angelino Afonso Nogueira Jr.

      15 de maio de 2016 às 18h54

      Sejamos justos: era uma atriz respeitável até o final do ano de 2002. Depois de dizer que tinha medo, resolveu se dedicar a fazendinha que possui, onde cria gado. Cairia como uma luva para o usurpador, mas acredito que boa parte da classe artística não lhe daria muita confiança.

      Responder

migueldorosario

15 de maio de 2016 às 14h23

Ok! Mudei o título!

Responder

Mônica

15 de maio de 2016 às 14h21

Concordo com todos que pediram para alterar o título da matéria, que nem é matéria, é uma cópia do que foi publicado no Glamurama. Em nenhum momento, a Marília Gabriela chamou o governo do Michel Temer de golpista, não li isso em nenhum lugar. Se tivesse dito, não teria falado nada além da verdade, mas se não foi assim, melhor ajustar o título.

Responder

Tales

15 de maio de 2016 às 14h19

Ok, mas a manchete é enganosa, dá a entender que ela disse à marta “não trabalho para governo golpista”, quando ela simplesmente agradeceu mas declinou o convite. Acho que fica feio usar as mesmas estratégias do jornalismo mau caráter da mídia oligárquica

Responder

Fabio Rodrigues

15 de maio de 2016 às 14h15

Por que não colocam a esposa do Temer: recatada e do lar?

Responder

    Arlene Gomes

    15 de maio de 2016 às 14h19

    Excelente ideia! Valeu!

    Responder

    NEREIDE BRAVO

    15 de maio de 2016 às 15h37

    Kkkkkkkkkkkkkkkk

    Responder

    angelina margarida

    15 de maio de 2016 às 20h02

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Responder

    Fabiana

    15 de maio de 2016 às 22h21

    Ela não pode sair para trabalhar, precisa ficar o dia todo em frente ao espelho a perguntar:

    Existe no mundo alguém com mais D$LAR para me dar que o TERMEU?

    Responder

renato andretti

15 de maio de 2016 às 14h57

A mulher que aceitar este carga será escrachada pelo
resto de sua vida..
Isto vai ser a maior demonstração de subserviência.
Mulher alguma respeitará..

https://youtu.be/GZ2cOLXByq8

Responder

Fabiana

15 de maio de 2016 às 13h47

Quem tem um nome a zelar não vai querer figurar ao lado destes provisórios para ajudá-los na tentativa de melhorar a imagem negativa que eles têm.

Responder

Glauco Silva

15 de maio de 2016 às 13h41

Feio é aceitar um governo Golpista! Numa guerra como a que estamos vivendo, vale sim usar as mesmas armas do inimigo, infelizmente, e prestem atenção eu disse infelizmente, não é possível ter ética numa guerra!

Responder

Débora

15 de maio de 2016 às 13h32

Gente, mudem este título por favor!

Responder

    Fabiana

    15 de maio de 2016 às 13h44

    Que tal …..”.Não posso aceitar por que agora , vivo apenas para o lar”

    Responder

      vera lucia mello nunes

      15 de maio de 2016 às 14h20

      Kkkkk gostei

      Responder

    Josevaldo Duarte Gueiros

    15 de maio de 2016 às 13h54

    Por que tanto incômodo com a palavra “golpista”, dona Débora?

    Responder

      Argemiro Garcia

      15 de maio de 2016 às 16h23

      Por que não devemos distorcer a informação da mesma forma que faz o PIG – não podemos usar a mesma tática, que é suja. Precisamos dar dignidade à política e à informação.

      Mas que é golpista, isso é…

      Responder

        Angelino Afonso Nogueira Jr.

        15 de maio de 2016 às 18h58

        Entendo você Argemiro, mas tenho que concordar em gênero, número e grau com o Glauco Silva: é uma guerra, onde os opositores usam de todas as artimanhas que possuem, sem a mínima preocupação se é etico ou imoral. E me desculpem, volto a dizer: receber convite para fazer parte de um novo governo, que se auto intitula salvador da nação, para quem nunca esteve ou nunca trabalhou em governo algum, seria motivo de júbilo. A recusa por si só indica o motivo.

        Responder

Allan Lucena

15 de maio de 2016 às 13h00

Sensacionalismo que a Globo, que vocês tanto criticam, no título da reportagem.
Por isso que não dá pra ser feliz no Brasil.
Gente, não use a mesma arma que o inimigo, isso é rebaixar-se ao mesmo nível. E pior é rebaixar-se a fazer o que critica que o outro faça.
Sabe que isso é a pior hipocrisia. Mas atraí leitores, né?
Parabéns! Perderam meu respeito.

Responder

    HiroNakamura

    15 de maio de 2016 às 13h24

    Ta feio mesmo isso.

    Responder

      André Schuwartz

      15 de maio de 2016 às 13h53

      Concordo, mudem o título. Isso aí está parecendo o Estadão.

      Responder

    Vanilse Jesus

    15 de maio de 2016 às 13h52

    Ok, vamos municiar os canhões com flores. kkkk

    Responder

    Josevaldo Duarte Gueiros

    15 de maio de 2016 às 13h55

    Pior ainda é deixar a questão central de lado para falar fazer relativismos. Desviar o foco não ajuda, meu caro! Seria proposital isso?

    Responder

Deixe um comentário

O Xadrez para Governador do Ceará Lula ou Bolsonaro podem vencer no 1º turno? O Xadrez para Governador de Santa Catarina