Análise em vídeo das manifestações do 2 de outubro e as vaias a Ciro

Petrobras pode vender controle da BR Distribuidora para suiços, alerta engenheiro

Por Redação

09 de agosto de 2016 : 15h35

Petrobras confirma avaliação e preocupação do blog com a venda da BR para a Vitol Group

por Roberto Moraes, em seu blog

Há duas semanas, o blog publicou aqui neste espaço uma ampla análise sobre o absurdo da venda da BR-Distribuidora, sobre os riscos de se romper a condição de empresa integrada como a Petrobras.

Porém, o risco maior como chamávamos a atenção é para a Vitol, a maior trading de petróleo do mundo inserir a BR no seus esquema de lucros por especulação entre compra e venda de óleo cru e derivados. A nota do blog no dia dia 23 de julho de 2016, teve o seguinte título: “A venda da BR Distribuidora. Trading suíça Vitol é um dos 3 grupos interessados. O que significa?

Pois bem, hoje em matéria do jornalista André Ramalho, no Valor, P. B4, ele informa que a estatal quer garantir que a integração da empresa com a BR se mantenha mesmo após a venda e cita exatamente o interesse da Vitol:

“Além de preservar a marca BR, a Petrobras pretende garantir, no processo de venda da BR-Distribuidora, que a empresa mantenha um certo grau de integração com as operações da holding. Uma das possibilidades avaliadas internamente é incluir, no acordo de acionistas a ser negociado com o novo sócio, um compromisso de compra de um volume mínimo de derivados produzidos na refinaria da estatal… A Petrobras tenta assegurar também que não venha a perder mercado no futuro, para importadores. Durante as negociações passadas para a venda de uma fatia minoritária da BR, a Vitol, uma trading Suíça, manifestou interesse. Isso despertou o temor de que a distribuidora brasileira viesse a se tornar uma grande importadora de combustíveis da companhia europeia… A BR é importante fonte de escoamento da produção de derivados da estatal e comercializa, hoje, um volume de diesel equivalente a 38% da produção nacional do derivado, por exemplo.”

Não há fórmulas capazes de garantir o que eles dizem nesta reportagem. Se vender a maioria do capital votante, como disseram, para a Vitol já era. Eles vão fazer o que quiserem, no esquema de ganhos de intermediação que a trading pratica diariamente no plano global.

Eu já havia afirmado na nota anterior que, em meio à crise em todo o mundo da fase de colapso de preços do petróleo, a Vitol, faturou em 2015, o maior lucro de sua história. Outras tradings de commodities minerais tiveram o mesmo desempenho.

As tradings não ganham com o preço em si (alto ou baixo) que vive da intermediação, ganha com a volatilidade dos preços, através da diferença entre preço de compra e de venda. Por isso também valorizam os estoques que é para facilitar o esquema de especulação.

A divulgação desta preocupação parece apenas querer mostrar uma preocupação, para dizer que não estão vendendo tudo de qualquer maneira, quando na verdade é praticamente isto que estão fazendo, a partir do conceito de fatiar para vender.

Ora, ora… se estão fatiando é porque entraram lá para acabar com a condição da Petrobras como empresa integrada, do poço ao posto. Logo, esta alegada preocupação é na prática, apenas uma desculpa. Esfarrapada, por sinal.

O blog volta a fazer duas afirmações que tem repetido aqui com cada vez mais frequência. Primeiro, o diabo mora nos detalhes. Segundo, sobre o “crime de lesa pátria” que estão cometendo contra a “joia da coroa” a Petrobras com base na situação atual: “o que é legal pode ser ainda muito mais danoso que o ilegal”. A nação perderá com estes esquemas, no mínimo uma três ou quatro “Lava Jato”. Isto é inaceitável!

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

4 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Igor Gonçalves De Macedo

09 de agosto de 2016 às 17h03

Acho que deveria ser feita uma matéria sobre as agressões covardes à Joana. Expor os perfis dos imbecis na primeira página. Se depender das sobrancelhas do verme Bonner…

Responder

    Alexandre Oliveira

    09 de agosto de 2016 às 18h58

    Ahahah, mais imbecil útil a se compadecer da estórinha da Joana Maranhão ( estava demorando a aparecer um) . A atleta (?), há muito sem competência para ganha competições, apela para o sentimentalismo barato a fim de chamar a atenção e garantir a manutenção de algum benefício/patrocínio petista. Joana Maranhão está mais para personalidade da mídia do que para atleta, produzindo fatos para chamar a atenção , a comiseração alheia e ocultar a falta de competência no esporte , piscinas e competições !

    Responder

      Igor Gonçalves De Macedo

      09 de agosto de 2016 às 21h09

      Heheh. Ela que é a culpada por ter sido ameaçada de estupro, um quadrúpede ruminante como vc ri dela e eu que sou o imbecil? Façamos o seguinte, típico retardado que vê “petralha” em tudo – me dê seu face, vou buscar seus familiares neles e dissertar na página de sua mãe, irmã e etc (provavelmente uma vaca – by Geddel – e uma babuína) como gostaria de estuprá-las). Não vais ficar de mimi?

      Responder

      frederico

      09 de agosto de 2016 às 23h11

      Olha eu vejo muito imbecil no 247 mas você conseguiu superar tudo!!!!!! Realmente de ser trauma de ter pai corno. Você pelo menos já sabe quem é o seu pai? Porque isso é a única coisa que justifica sua total falta de capacidade de entender o quanto você envergonharia seu verdadeiro pai por escrever algo tão escroto. Você é um psicopata total misturado a imbecil total!!!!!

      Responder

Deixe um comentário