03.04 Coletiva do Ministro da Saúde

Foto: Anderson Riedel/ VPR

No TSE, Mendes apenas limpou sua própria cagada

Por Tadeu Porto

09 de junho de 2017 : 22h21

Foto: Anderson Riedel/ VPR

Por Tadeu Porto

Assisti o julgamento da chapa Dilma/Temer como quem assiste a segunda parte de Harry Potter e as Relíquias da Morte na TNT. Apesar de saber a complexidade da história, não tem como fugir da tranquilidade de quem já sabe o final, afinal, Temer falou para Joesley que falou para a mídia que falou para mim que ele, o presidente usurpador, teria maioria no TSE (não deu outra).

Bom, tenho que confessar que a minha serenidade não era apenas fruto da do spoiler que recebi e, portanto, me protegeu de surpresas, mas também pois o final que eu sabia era o mesmo que eu queria.

Não escondo de ninguém que, quantitativamente, concordo com Mendes e as figuras “singulares” (como o carrasco Napoleão) que apareceram nesse processo: meu voto certamente seria contra a cassação da chapa Dilma/Temer.

Primeiro, pelo desvio de finalidade. Abertamente confessada pelo Aécio que a ação só foi “pra encher o saco”, sendo o senador mineiro então presidente do partido derrotado nas urnas, a ação não faz o menor sentido do ponto de vista de querer corrigir uma injustiça. Guardada as devidas proporções, se assemelha muito com a abertura do impeachment da presidenta Dilma, que nada tinha a ver com decretos suplementares ou plano Safra, e era apenas um gesto de vingança do ex-presidente da câmara Eduardo Cunha (e que deixa qualquer um indignado).

Segundo, pois seria muito bizarro, com todas as provas apresentadas, querer cassar apenas uma chapa no amplo espectro político-partidário nacional que ganharam alguma função pública nas eleições de 2014. Ou seja, para cassar Dilma/Temer, no intuito de efetivamente mudar a maneira de fazer política no Brasil, os TSE’s nacionais e regionais teriam que, no mínimo, cassar pelo menos uns 60% de deputados, senadores e governadores. É óbvio que uma tarefa desse calão deveria ser feita com ampla participação popular e que alguns tribunais não conseguem exercer tal força em democracias normais.

Ademais, nada justifica deixar uma corte presidida por Gilmar Mendes decidir o futuro do executivo brasileiro. Poderia até ser legal agora, mas o preço pago por fortalecer atores antidemocráticos como o ministro do STF seria muito alto, maior que a satisfação de ver um rato como o Temer cair da cadeira que ele usurpou.

Contudo, apesar do resultado coerente, é impossível não se revoltar com o TSE, simplesmente porque não era para uma ação tão bizarra como essa ter chegado onde chegou. Deixar o país inteiro preso numa pauta de falso combate à corrupção é de uma irresponsabilidade descomunal, que em nada combina com a necessidade que o Brasil passa de uma agenda propositiva.

E, obviamente, quem fez a ação tucana caminhar foi ninguém mais, ninguém menos que Gilmar Mendes, golpista de primeira, que em 2015 queria utilizar qualquer instrumento que tivesse a seu alcance para derrubar a Presidenta Dilma.

Portanto, Gilmar fez uma cagada gigante ao fazer o TSE caminhar com uma ação claramente golpista e, quando precisou limpá-la (pois o Golpe já tinha ocorrido) não conseguiu esconder as contradições que seu discurso e suas tomadas de decisões carregavam.

Em outras palavras, Mendes limpou a “caca” que fez. Mas não conseguiu apagar da memória, de todos que acompanharam tamanha sujeira, o odor insuportável de se querer chegar ao poder à qualquer custo.

Tadeu Porto

Colunista do Cafezinho e diretor da Federação Única dos Petroleiros e do Sindicato dos Petroleiros do Norte Fluminense.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

53 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Camilo Henrique

11 de junho de 2017 às 10h17

Bela reflexão que já me havia passado pelo escrutínio e, se não a exteriorizei, foi por falta de musculatura vocabular…

Responder

carlos

11 de junho de 2017 às 08h23

Só pra encher o saco, eu proponho aos brasileiros e brasileiras, que em todos os tribunais do país de qualquer instância, que possamos arguir a suspeição de seus membros é recorrer em um tribunal internacional, porque estaremos livres dessa casta de despreparados, e vendilhões da Pátria, tem um que tem um tal Gilmala que misericórdia parece que é Bipolar.

Responder

Maria Nilva Olavo

11 de junho de 2017 às 02h10

Ainda bem que Dilma não está nessa podridão.

Responder

Cassandra

10 de junho de 2017 às 22h03

Acorda ai o moderador.
Meu comentário não foi publicado.
Tá achando o que que vou ficar final de semana me informando pelo blog
e ter meu comentário bloqueado????
Meu comentário embora pequeno é mais importante que seu texto mané….
Acorda.
O pais caindo aos pedaçoes e vocês dormindo por que tem preguiça se ler e publicar
a merda do meu comentário???

Responder

    jossimar

    11 de junho de 2017 às 11h06

    pela seu linguajar concluo que o seu comentário foi merecidamente bloqueado.

    Responder

Eloisa elena

10 de junho de 2017 às 21h26

cafezinho=censura e ditadura comunista

Responder

    jossimar

    11 de junho de 2017 às 11h06

    você sabe o que é comunismo?

    Responder

darcy cruz

10 de junho de 2017 às 15h51

RESUMO DA ÓPERA:
O Aecinho que era do pó iniciou o processo de cassação da chapa Dilma e Traíra, por não saber perder, puro chororô. Diria ele mais tarde que era “só pra encher os saco do PT”. Concomitantemente o PSDB pagou a Janaína a bagatela de 25 mil (não milhões) para elaborar o processo de impeachment. O Cunha que faz ponta na ópera bufa, por puro ódio e vingança, deixa o processo passar na Câmara. O processo da cassação da chapa estava prestes a ser engavetado, aí entra em cena o Gilmar Mendes que com sua boca de trismo tetânico luta com unhas e dentes para que o processo continue, quer por que quer atingir Dilma e, principalmente o PT. Dilma cai, e o Aecio Aegyptis, homem que inoculou ódio no pais, vira aliado, e como tal, quer melar o processo que já corre no TSE, mas não dá mais pé. No julgamento, o Gilmar Mendes, com sua boca travada, vira subitamente de lado, agora é Temer desde criancinha, sabe-se lá por que forças .
PANO RÁPIDO

Responder

Neuza Palaro

10 de junho de 2017 às 16h32

Ou seja: limpou o chão com bosta.

Responder

Lilian Goyen

10 de junho de 2017 às 16h22

Irresponsáveis porque a chapa já tinha sido julgada 2x

Responder

Wbirajara Santos

10 de junho de 2017 às 16h18

Era pra ter cassado sim a Chapa, e nos livrar-nos do Temer bandido, tinha varias provas de caixa dois, nao tem como negar esse fato, inclusive do PSDB também se não se estar defendendo a justificativas dos vendidos!

Responder

Marilene Flores

10 de junho de 2017 às 13h15

Nojo ,

Responder

Valdirio Guerra

10 de junho de 2017 às 13h14

https://www.youtube.com/watch?v=Vz6JM8GX-5o&feature=youtu.be

Marchinha do Temer ao povo Brasileiro – Daqui não saio daqui ninguém me tira.

Responder

Francisco Andre Batista Silva

10 de junho de 2017 às 11h12

EE o golpe não deu serto

Responder

Edvaldo Rodrigues

10 de junho de 2017 às 10h13

Estes dois ladrão tão feliz em acaba com o brasil

Responder

Jose carlos lima

10 de junho de 2017 às 06h18

As Instituições agora sob rigido controle do General Raton….te cuida Teori sic Fachi

Responder

Santos Pereira

10 de junho de 2017 às 06h49

É a mesma facção criminosa que tomou o poder, tudo farinha do mesmo saco.

Responder

Celso

10 de junho de 2017 às 02h07

O pior de todos os poderes, não há dúvida, é o poder judiciário…

Responder

Celso

10 de junho de 2017 às 02h05

Vc é um idiota. Vc é daqueles que votou no Aecio, e que votará em qualquer candidato que representa a direita. Tanto faz Bolsonaro, Dória, Alkimin, Serra…

Responder

Claudio

10 de junho de 2017 às 01h45

“PRA ENCHER O SACO”, simplesmente este foi o motivo que parou o Pais por tanto tempo (desde a posse de Dilma). Quanto trabalho para o Juiz Herman Benjamin. Quanto dinheiro despendido em um julgamento de cartas marcadas. Quanta impressão negativa o povo tirou de tudo isso. Quanta perda de credibilidade na justiça, que o povo ainda aspirava. Quanta desesperança causada na sociedade. Quanta manifestação de rua ainda virá. Enfim quanta esperança de ver o POVO NA RUA DE NOVO, a pedir “DIRETAS JÁ”
Tudo isso me fez lembrar daquela canção do Chico, que fala em certo momento, “Ai, a primeira dama, o primeiro drama, o primeiro amor.
Carlos amava Dora que amava Lia que amava Léa que amava Paulo que amava Juca que amava Dora que amava
Carlos amava Dora que amava Rita que amava Dito que amava Rita que amava Dito que amava Rita que amava
Carlos amava Dora que amava Pedro que amava tanto que amava a filha que amava Carlos que amava Dora que amava toda a quadrilha”
Pergunto, apenas pergunto – Seria lícito pensar que se o placar fosse 3X4 em vez de 4X3, MT seria afastado. E se afastado seria preso. E se preso seria um Delator Atômico. E os destroços asfixiariam todos os poderes constituídos. E o poder que emana do povo estaria nas mãos de quem? de quem?

Responder

Sérgio Neibert

10 de junho de 2017 às 04h35

Não dá outra, agora o povo tem que ir às ruas, não só exigir a saída do temer, mas também desse lamentável e caricato ministro. vergonha do judiciário brasileiro. Se estava ruim, agora sim, fez

Responder

Replicante Seletivo

10 de junho de 2017 às 04h02

A guerra contra o trabalhador brasileiro vai continuar, afinal outra oportunidade desta junção maquiavélica entre corruptos, entreguistas e sonegadores, em um mesmo governo, pode nunca mais ocorrer. A chance é esta, vão quebrar em um só golpe a espinha dorsal da soberania, do emprego e da aposentadoria do povo brasileiro. Acabou!

Responder

Beto Zimmermann

10 de junho de 2017 às 03h35

Estou falando faz tempo, tem que invadir os 3 poderes, curitiba e a globo, linchar todos. Mas o povo fica de braço cruzado e só ficam na net reclamando.

Responder

Mário Cesar Andrade Garcia

10 de junho de 2017 às 03h20

Só uma coisa……..
cadê a PTzada gritando FORA TEMER e afirmando que foi um golpe???????? Não era pra ter invadido Brasília e exigir a queda dessa chapa???? Não tô entendendo!!!!!!

Responder

Paulo Werneck

10 de junho de 2017 às 00h14

A justiça venceu, tardianente, e por motivos injustos.

Responder

Elton Jcs

10 de junho de 2017 às 03h07

limpou?

Responder

Casemiro Silva

10 de junho de 2017 às 02h52

Dilma foi salva da violência que estava prestes a sofrer no TSE dos golpistas. A despeito da pressão absurda da Globo, da Rede e do PSOL e da torcida envergonhada de boa parte daqueles que se revelaram uns traíras aos 47 do segundo tempo. Dilma não passou por mais essa humilhação e o golpe não saiu vitorioso, pelo menos hoje, pelo menos nessa etapa. Ver esses ministros do STF falando em respeito a Soberania Popular chega a ser nojento. Ver a Rosa Weber dizendo mais uma vez que a realidade se sobrepõe ao processo, com citações fantasiosas sobre a coligação vitoriosa, era mais do que esperado dessa antipetista de carteirinha. Só haveria uma maneira da chapa de 2014 ser cassada hoje por unanimidade naquele circo armado onde o respeito a constituição não tem espaço: era o golpista do Michel Temer não fazer parte da coligação. Fosse Dilma e um outro vice qualquer que não tivesse lhe aplicado um Golpe de Estado, a essa altura estaríamos vendo a Globo e o Psol em êxtase na telinha e nas redes. Segue a luta pela anulação do golpe. Dia 21 é porta do STF. Fora todos…os golpistas!

Responder

    Érika Rodrigues

    10 de junho de 2017 às 13h00

    Boa, verdade

    Responder

    Eliana Rodrigues

    12 de junho de 2017 às 10h37

    Quanta verdade na sua fala Casemiro Silva! Se nós não reagirmos agora, também no futuro teremos do que nos envergonhar: fomos omissos ao assistir complacentes todo esse circo de horror imposto por esses covardes golpistas!

    Responder

Helcineide Andrade

10 de junho de 2017 às 02h48

Culpa do Aécio!

Responder

Laercio Ferreira

10 de junho de 2017 às 02h38

SERÁ QUE ESSE BEIÇUDO, COMEU PIZZA, E ESTÁ COMEMORANDO E SABOREANDO SOBRE O APLAUSO DO PIZZA-ROLO DO TEMER? UM PAÍS DO MEDO??

Responder

apolinario jose pereira

09 de junho de 2017 às 23h34

Meus amigos, o TSE fez o correto, a presidenta Dilma ganhou as eleiçoes licitamente em 2014, o problema é que o netinho mamado da familia tancredinho, nunca perdeu na vida, e quando perdeu legalmente, quis ganhar no tapetão, ele mesmo disse que queria mesmo era encher o saco do PT, e com o apoio da midia fscista sob o comando da globo e o Gilmar Mendes, tentaram a qualquer preço, ganhar no tapetão, mesmo que a ex ministra do TSE Teresa ter pedido o arquivamento do processo do aecinhoaeroporto, já que não tinha nenhuma irregularidade na vitoria com mais de 54 milhos de votos da Dilma, o mediocre Gilmar Mente, reabriu o pedido de cassação, exatamente para favorecer o PSDB/aecinhoaeroporto. Acontece que como a presidenta Dilma não estava mais na presidencia da republica, e sim o golpista Michel Temer, O dono da suprema corte e TSE Gilmar mente, voltou atras, e sabendo que cassando a chapa Dilma/Temer, prejudicava o golpista Temer, ele não teve outra alternativa, não podia mais cassar a chapa, e sim absolver, pra favorecer o Temer, e por tabela favoreceu a Dilma, e sendo assim ela será candidata ao senado pelo o Rio grande do sul e será vitoriosa, e mandando pro inferno e pra puta que pariu a senador fulera Ana Amelia do PP de la. O tiro saiu pela culatro, Lula presidente e Dilma Senadora. kkkkkkkk

Responder

Roselaine Chiari Cesarino

10 de junho de 2017 às 02h31

O Gilmar pode ser presidente do golpe, mas do Brasil nunca.

Responder

Carlos Frederico Castro Leicht

10 de junho de 2017 às 02h25

QUANTO DINHEIRO JOGADO FORA COM ESSE STF!!!!

Responder

Sandra Placencio

10 de junho de 2017 às 02h07

“Rapaz, a solução mais fácil era botar o Michel [Temer]… É um acordo, botar o Michel, num grande acordo nacional. Com o Supremo, com tudo.”

Responder

Ariete Relvas

10 de junho de 2017 às 01h53

Estou entendendo a revolta da população . Eles queriam a separação da chapa e só a Dilma seria jogada as feras e temer sairia limpinho.

Responder

Vanessa Cavalcanti

10 de junho de 2017 às 01h50

Faz sentido! O q n faz sentido é a palhaçada q n tem graça nenhuma!

Responder

Laercio Ferreira

10 de junho de 2017 às 01h49

ESSE BEIÇUDO , SÍMBOLO RETOGRADO DO SISTEMA DE JUSTIÇA NACIONAL , UM CÃO POLICIAL DAS ELITES POLITICALHOS NO TSE , RESERVAS DE 20 ANOS DE DITADURA EM PINDORAMA , FAZ BEIÇOS PRA OS EXCLUÍDOS DA NEO COLÔNIA , VAZA MEU??

Responder

Maria Santana Rodrigues

10 de junho de 2017 às 01h41

Senhor será que entre tantos grandeza homens e grandes autoridade podia andar o Brasil desata esse no.

Responder

Alexandre Cruz Carvalho

10 de junho de 2017 às 01h41

O Brasil em um só dia conseguiu perder duas vezes! A primeira derrota do dia, foi pela parte da manhã, para nossa tradicional rival a Argentina, já pela parte da tarde em outro jogo, para uma galera CRETINA…

Responder

Maju Gomes

10 de junho de 2017 às 01h37

O que queriam mesmoconseguiram…tirar Dilma….agora é pizza…. ja era de se esperar. …Gilmar safado…bandido

Responder

Ana Claudia Ferreira

10 de junho de 2017 às 01h33

Limpou???????? Sujou-se!!!!!!!!!
Teve sua máscara arrancada. Vai ficar para a história do planeta terra. Legalizou a corrupção , propina gordura e propina poupança.

Responder

Rodrigo Machado

10 de junho de 2017 às 01h25

Responder

Nádya Gomes

10 de junho de 2017 às 01h25

Após dois anos e meio remoendo o processo contra a chapa Dilma/Temer, através de iniciativas do próprio Gilmar Mendes, ajudando a produzir enorme instabilidade política no país, o TSE decide, por quatro a três, arquivar o caso.

É que agora não interessa mais, ao golpe, levar adiante.

Responder

Dantis Wal

10 de junho de 2017 às 01h22

O O Cafezinho SE A GLOBO APÓIA A QUEDA DE TEMER EU SOU CONTRA
Absolva os 2, DILMA Não perde seus direitos e TEMER mais adiante vai preso pelo STF E TUDO CERTO ,Ainda tem a ANULAÇÃO DO IMPEACHMENT que infelizmente está nas mãos do CARECA. PSDBISTA.
Heman Benjamim é uma vergonha ele monta sua tese de acusação em cima de materias de jornais e delações forjadas da Lava jato, isso só municia o juiz e procuradores na acusação contra LULA, HERMAN DEVE SER DERROTADO NESSA TARDE. OOOOOO

Responder

Deixe uma resposta