Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

A sabatina de Ciro Gomes no Correio Braziliense

Por Miguel do Rosário

06 de junho de 2018 : 15h18

O principal jornal do Distrito Federal está fazendo, neste momento, uma entrevista com o pré-candidato a presidência da república Ciro Gomes (PDT).

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

9 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Thiago Araujo

09 de junho de 2018 às 14h49

Ciro Gomes não precisa de sabatina.
Precisa de um “CORRETIVO”, como se diz no Nordeste.
Umas boas “palmadas” já seria um bom começo.

Responder

Marcelo Silva

06 de junho de 2018 às 20h52

Chega de golpe !
Ciro é mais um golpe !
Lula Presidente !

Responder

Ultra Mario

06 de junho de 2018 às 19h35

Adoro esse lado desbocado do Ciro. Boçais despreparados precisam ser chamados disso mesmo.

Responder

JOAO BATISTA

06 de junho de 2018 às 18h42

A proposta de Ciro para a previdência é realista e é a garantia de recebimento de proventos de aposentadoria para pobres e menos escolarizados. Fui empregado de estatal por 35 anos, contribuindo sempre pelo teto. Hoje, recebo 3,5 salários mínimos por mês do INSS, pelo atual regime previdenciário. Durante esses 35 anos contribui, em regime de capitalização, para uma previdência privada e dela recebo hoje o equivalente a 9,2 salários mínimos. O que Ciro propõe é isso, piso/teto garantido para todos, de acordo com a contribuição, qualquer que seja a renda. Quem quiser receber mais, poderá fazer uma previdência pública, mas em regime de capitalização. O que petistas e bolsominions andam publicando em seus comentários sobre esse tema é por ignorância ou má-fé.

Responder

André Romero

06 de junho de 2018 às 16h29

Como sempre, ótima entrevista.
Se todo mundo assistisse o cara nessas oportunidades, incluindo aí os petistas mais empedernidos, garanto que ficaria claro para a maioria de que ele reúne todas as qualidades para liderar o campo progressista, além de ser o candidato com maior potencial de votos.

Vem nova pesquisa fresquinha aí e saberemos em que pé as coisas estão.

Responder

    JOAO BATISTA

    06 de junho de 2018 às 18h23

    Creio que o horário eleitoral no rádio e na TV levará Ciro até quem ainda não o conhece. O Brasil merece e precisa de um presidente com a biografia e o currículo de Ciro Gomes.

    Responder

      Thiago Araujo

      09 de junho de 2018 às 14h52

      Teu nome é João Batista ou Patrícia Pillar?

      Responder

      Thiago Araujo

      09 de junho de 2018 às 14h55

      Nos teus papéis de carta que você coleciona, tem coraçãozinho com “I love Ciro”?

      Responder

    Leandro_O

    07 de junho de 2018 às 09h06

    Mas eles criticam porque eles só podem fazer alianças com a direita, não com a esquerda.

    Responder

Deixe um comentário