História: Brizola na Unicamp em 1987

Secretário Geral da Presidência de Bolsonaro é demitido após escândalo e governo federal tem sua primeira grande queda

Por Vinicius Costa Martins

15 de fevereiro de 2019 : 21h10

Após uma reunião com Gustavo Bebianno acompanhada por ministros e pelo vice, Hamilton Mourão, o presidente Jair Bolsonaro decidiu exonerar Bebianno, atual ministro da Secretaria-Geral do Governo.

A decisão será publicada no Diário Oficial da próxima segunda-feira (18). Bolsonaro já teria, inclusive, deixado o ato de exoneração assinado.

A conversa entre os dois teria sido ríspida. A gota d’água foi o vazamento de diálogos privados, exclusivos da Presidência, entre Bolsonaro e Bebianno, ao blog O Antagonista e à revista Veja.

 

Vinicius Costa Martins

Vinicius Costa Martins é jornalista formado pela ESPM/SP

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

14 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Vitor D.

18 de fevereiro de 2019 às 13h47

Neofascistas estão ameaçando o ministro. Ele ainda não foi demitido.
Realmente é um desgoverno de miliciano e neofascistas.
Os bolsominions precisam saber que o tal movimento do steve bannon é fascista, usurpador e manipulador de eleições.

Responder

Paulo

16 de fevereiro de 2019 às 21h44

Deve haver algo mais por trás disso tudo. Não é possível que se demita um ministro por ter mandado dinheiro pra um diretório estadual que, por sua vez, o aplicou mal (numa candidata laranja, para ganhar à custa do Partido, sem qualquer prova da participação do tal Bebianno)…

Responder

Adriano Nascimento

16 de fevereiro de 2019 às 17h05

este Presidente está pensando administrando casa dele, brincando Presidente,não estou aguentando mais desempregado com filho Faculdade e faltando comida em casa esta realidade da minha casa nao consigo sair casa muita humilhação para um chefe de família,já estou sentindo saudade Temer pelo menos tinha postura Chefe Estado, avisar para ele casa familia dele é Rio de Janeiro Brasília é do povo com certeza eu nao votei nele 2 turno graças a Deus

Responder

Jose carlos

16 de fevereiro de 2019 às 11h19

A xerox do Trump não tem traquejo político, isso não se faz com um aliado. A Dilma se fodeu tb por essa falta de habilidade e sensibilidade política.
Isso foi uma lambança, uma trapalhada.
Tudo leva a crer que Bebianno vai afundar o Bozo.
Essa história tá mal contada, não faz sentido. Dizem que o motivo verdadeiro foi que o Bebianno peitou as milícias da família bolsonaro.

Responder

Nostradamus ( banquinho & bacia )

16 de fevereiro de 2019 às 10h38

O Nazaropi está mal arranjado. Nem para frente nem para trás. Está encalacrado no lodo, sem saída, com saída de ministro e tudo o mais. Cada cagada é maior que a anterior até que vomite as tripas. Quer mexer no abelheiro sem levar ferroadas, as cobras estão fumando no ninho… Não adianta mais botar a Damaris a falar do tabaquinho dos meninos. Só o Moro com lava-jato no MEC para a auto destruição do próprio ministro, também. Só falta o guarda chuva. Que seria a proteção do Guedes… Vão descer a rampa de rolo!

Responder

Carcará

16 de fevereiro de 2019 às 08h58

Se esta é a primeira queda então tudo são tropeços e a próxima vai ser a quebre do pescoço. Na Páscoa. Em agosto estaremos com o Mourão e o Conselho de Generais. Como está não fica.

Responder

Gustavo

16 de fevereiro de 2019 às 07h53

Bolsonaro demonstra mais uma vez o quanto egos e redes sociais são mais importantes do que uma boa articulação conjunta ou ainda o olhar institucional.

As batalhas com o congresso nem foram travadas ainda é já estamos vendo rachas e incríveis descompassos (fico me perguntando quem é o capitão desse time).

É de bom senso que se perceba que a eleição acabou, que o congresso não funciona na base da rede social e que esses “garotos” precisam ser contidos

Por enquanto ainda há muita paciência dos investidores que esperam as reformas, do congresso no início do governo e da fé da população (principalmente dos que votaram nele).

Se esse tripé se romper, o governo enfrentará muitos problemas e pagará um preço bem elevado (isso se conseguir chegar ao final) junto com o Brasil todo

Endosso as palavras do Alan. Chega a dar vergonha esse episódio (mesmo eu não votando no Bolsonaro)

Responder

Herbert

16 de fevereiro de 2019 às 01h47

Eles tem q resolver logo esse imbróglio….

Responder

Admar

15 de fevereiro de 2019 às 23h40

Quem planta veneno colhe veneno!

Responder

Edi Passos

15 de fevereiro de 2019 às 23h00

O que se espera é que esse bando de fascistas débeis mentais engulam uns aos outros o quanto antes, a tempo de salvar alguma coisa do nosso Brasil!

Responder

Alan Cepile

15 de fevereiro de 2019 às 21h25

Então agora eu quero ver se o que o Bebianno disse vai acontecer, que se ele caísse, o palhaço bozo cairia junto.

Nesse circo que é esse governo esses zé ruela só tem papo furado.

Responder

    Maria mello

    15 de fevereiro de 2019 às 22h21

    O cabaré ta pegando fogo amigo….e vem mais por ai….kkkkkkkk

    Responder

      Alan Cepile

      15 de fevereiro de 2019 às 23h01

      Pelos indícios deveria vir mesmo, só não consigo achar graça só pq é adversário do campo progressista, ao contrário, sinto vergonha e acho tudo isso uma página triste da realidade brasileira.

      Responder

        ari couto

        16 de fevereiro de 2019 às 11h41

        Ele não é adversário mas sim inimigo do povo brasileiro e como tal tem de ser destruído – ou desconstruído – de todas as formas possíveis.

        Responder

Deixe uma resposta

x
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com