Analista da Ideia fala sobre “voto útil” dos eleitores de Ciro a Lula no 1° turno

Youtube

Candidato à PGR critica Vaza Jato e defende Moro

Por Redação

17 de julho de 2019 : 18h06

O sub-procurador geral Nívio de Freitas é um dos candidatos à vaga de Procurador-Geral da República. Com essa defesa de Moro e ataque à Vaza Jato, ele tenta se cacifar para a indicação de Jair Bolsonaro.

***

No MPF

MPF é contra anulação da ação penal do ex-presidente Lula no Superior Tribunal de Justiça

Manifestação enviada à Quinta Turma do Tribunal aponta para a ausência de elementos concretos que demonstrem prejuízo ao réu

O Ministério Público Federal (MPF) enviou ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) parecer em que opina contra o pedido de anulação da ação penal, feito pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A manifestação é assinada pelo subprocurador-geral da República Nívio de Freitas, e foi remetida à Quinta Turma do STJ, em recurso na ação que culminou na condenação de Lula a 8 anos, 10 meses e 20 dias de prisão, pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

No documento, o MPF reforça o caráter ilegal das interceptações telemáticas divulgadas pela série de reportagens do portal de notícias The Intercept Brasil, que demonstrariam suposta imparcialidade do juiz titular da 13ª Vara Federal do Paraná à época, Sérgio Moro. Nívio de Freitas também lembra que a nulidade de ato processual em matéria penal exige demonstração concreta de prejuízo ao réu, o que em sua avaliação, não foi comprovado efetivamente pela defesa do ex-presidente. “Assim, mostra-se inviável a consideração dos supostos fatos aventados pelo peticionante no sentido de que o juízo criminal natural não se manteve imparcial, tendo em vista a ausência de prova efetiva”, explica o subprocurador-geral da República.

Outro fator apontado pela manifestação é parcialidade da análise do mérito da ação por tribunais superiores. A extensa compilação de provas, segundo o documento, foi reavaliada pelo colegiado de magistrados do STJ, “estando, portanto, livre de qualquer ilação a respeito de sua função judicante, exercida de modo imparcial”, defende Nívio de Freitas no parecer.

Caso Triplex – A manifestação do MPF foi enviada no Recurso Especial (RE) 1765139, impetrado pela defesa de Luiz Inácio Lula da Silva na ação penal que condenou o ex-presidente por corrupção passiva, em razão do recebimento de um apartamento triplex, com reformas e mobiliário, e por lavagem de dinheiro, diante da ocultação da propriedade do imóvel, no Guarujá (SP). O processo conhecido como caso do “triplex do Guarujá” resultou na condenação inicial de Lula a 12 anos e 1 mês de reclusão, pelo juiz titular da 13ª Vara Federal do Paraná do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), Sérgio Moro, em julho de 2017. A pena foi reduzida pela Quinta Turma do STJ a 8 anos, 10 meses e 20 dias. O ex-presidente cumpre prisão desde abril do ano passado.

Íntegra da manifestação no RE 1765139

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

5 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

henrique de oliveira

18 de julho de 2019 às 08h56

A PGR é parte da organização criminosa chefiada por Moro.

Responder

Felicidade Nogueira

17 de julho de 2019 às 22h52

Se o Delta for PGR alguém vai ter que fazer o serviço para ele, pois ele não sabe muita coisa. É visível que falta conhecimento técnico para ele.
Mas estamos em época de cartucho. Tudo é possível.

Responder

Paulo

17 de julho de 2019 às 19h07

Então a Dodge pode esquecer a recondução, pois ela foi omissa, até aqui, em relação aos ataques clandestinos à Lava-Jato…

Responder

Marcio

17 de julho de 2019 às 18h31

Ver o Deltan na PGR para a esquerdalha podre espumar baba pela boca, orelhas e narizes seria de morrer de rir !! Kkk

Responder

    jose carlos rodrigues

    17 de julho de 2019 às 22h12

    Concordo plenamente.

    Responder

Deixe um comentário para jose carlos rodrigues

Novo Presidente da PETROBRAS defende preços altos Cadê o churrasco do povo, Bolsonaro? Preço explodiu! Conservadores? A atual juventude brasileira O Indulto sem Graça de Bolsonaro Os Principais Eleitores de Lula Os Principais Eleitores de Ciro Gomes Os Principais Eleitores de Bolsonaro Janela Partidária 2022: Quem ganhou, quem perdeu? Caro? Gasolina, Gás e Diesel: A atual política de preços da Petrobrás As Maiores Enchentes do Brasil