Bahia: Refinaria privatizada provoca desabastecimento de Gás de Cozinha

Assange teve dois filhos com advogada Stella Morris enquanto viveu na embaixada do Equador no Reino Unido

Por Tulio Ribeiro

12 de abril de 2020 : 05h03

O fundador do WikiLeaks, Julian Assange, teve dois filhos com um de seus advogados enquanto estava na embaixada do Equador em Londres durante grande parte da década passada, informou um relatório no domingo.

O australiano de 48 anos de idade é supostamente pai de dois meninos – de dois e um anos – nascidos da advogada sul-africana Stella Morris, informou o The Mail on Sunday .

O jornal publicou a reportagem ao lado de fotografias de Assange com as crianças e de uma entrevista com Morris, que disseram que “se apaixonaram” e planejavam se casar.

O casal está noivo desde 2017, de acordo com o jornal, que afirmou ter aprendido sobre as revelações em documentos judiciais vistos na semana passada.

Assange está detido na prisão de alta segurança de Belmarsh, em Londres, enquanto luta contra um pedido de extradição dos Estados Unidos para ser julgado por acusações de espionagem.

Mail, no domingo, disse que Morris escolheu revelar o relacionamento e a existência de seus filhos porque “ela teme que a vida de Assange esteja em sério risco se ele permanecer em Belmarsh”, devido à disseminação do coronavírus.

Morris quer que o ex-hacker libertado sob os planos do governo britânico permita ao permitir libertação temporária de alguns prisioneiros, em meio a temores de que o Covid-19 possa varrer as prisões.

Mas Assange não foi bem sucedido no mês passado em uma oferta de fiança com base no risco de pegar o vírus, com um juiz britânico dizendo que “não há motivos” para sua libertação. Leia a matéria completa no SCMP.


Tulio Ribeiro

Túlio Ribeiro é graduado em Ciências econômicas pela UFBA,pós graduado em História Contemporânea pela IUPERJ,Mestre em História Social pela USS-RJ e doutorando em ¨Ciências para Desarrollo Estrategico¨ pela UBV de Caracas -Venezuela

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

2 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

chichano goncalvez

15 de abril de 2020 às 13h55

Que ela tenha muitos filhos, e que saiam igual ao pai, lutadores pelos direitos humanos, e denunciando as falcatruas dos governos de direita do mundo, já que o povo vota nos piores, tipo Trampozo e Bolzo, como exemplo.

Responder

André Guimarães

13 de abril de 2020 às 20h07

Venho novamente pedir revisão dos textos desse Sr. Tulio Ribeiro, principalmente no seguinte parágrafo:

“Morris quer que o ex-hacker libertado sob os planos do governo britânico permita ao permitir libetação temporária de alguns prisioneiros, em meio a temores de que o Covid-19 possa varrer as prisões.”

É impressionante como esse tipo de coisa se repete.
Inclusive fiz um apelo nesse sentido na seguinte publicação que, surpreendentemente, saiu do ar:
https://www.ocafezinho.com/2020/03/23/eua-e-china-lutam-pelo-controle-da-narrativa-sobre-o-coronavirus/

Responder

Deixe um comentário