Live do Cafezinho (18h): o que acontecerá à Lava Jato?

Acácio Pinheiro/Agência Brasília

Brasil tem 2,7 milhões de casos e 93,6 mil mortes por covid-19

Por Redação

01 de agosto de 2020 : 22h59

Número de recuperados está em 1,86 milhão

Publicado em 01/08/2020 – 19:34

Por Pedro Peduzzi – Repórter da Agência Brasil – Brasília

Agência Brasil — O Brasil registrou, desde o início da pandemia, 2,70 milhões de pessoas infectadas pelo covid-19, segundo balanço divulgado neste sábado (1º) pelo Ministério das Saúde. O número é 45,4 mil maior do que o divulgado no levantamento anterior. O número atualizado de recuperados está em 1,86 milhão. Há ainda 748,59 mil pacientes sendo acompanhados.

O novo coronavírus causou a morte de 93,57 mil pessoas no Brasil desde o início da pandemia. Segundo o balanço, de ontem (31) para hoje foram registradas mais 1.088 mortes.

A taxa de letalidade (número de mortes pelo total de casos) está em 3,5%; e a de mortalidade (quantidade de óbitos por 100 mil habitantes) em 44,5.

Estados

São Paulo continua sendo a unidade federativa com maior número de mortes por covid-19, com 23.236 óbitos. Em segundo lugar está o Rio de Janeiro, que registra 13.556 mortes. Em terceiro lugar está o Ceará (7.698), seguido por Pernambuco (6.597) e pelo Pará (5.750).

São Paulo lidera também no total de casos diagnosticados, com 552.318 pessoas testando positivo para a doença. Em segundo lugar está o Ceará, com 175.928 diagnósticos positivos; Bahia (168.926) e Rio de Janeiro (167.213).

Edição: Fábio Massalli

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

Nenhum comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »


Deixe uma resposta