Live do Cafezinho (19h): que segurança pública que queremos?

João Campos (PSB) e Marília Arraes (PT) disputam o segundo turno pela prefeitura do Recife — Foto: Reprodução/TV Globo

Ibope: Campos sobe 4 pontos e jogo se embola no Recife

Por Redação

25 de novembro de 2020 : 19h15

O jogo se embolou na capital de Pernambuco. As denúncias lá e cá parecem ter mexido com a dinâmica das campanhas. Segundo o Ibope, o candidato do PSB, João Campos, registrou alta de 4 pontos, ao passo que sua adversária, a petista Marília Arraes, caiu 4. Com isso, agora Campos está numericamente à frente de Marília, embora ambos estejam tecnicamente empatados.

Segue o trecho da matéria publicada há pouco no G1 PE:

Ibope no Recife: João Campos, 43%; Marília Arraes, 41%

Nos votos válidos, que excluem brancos, nulos e indecisos, João Campos tem 51% e Marília Arraes, 49%, e estão empatados dentro a margem de erro. Levantamento foi feito entre os dias 23 e 25 de novembro.

Por G1 PE

25/11/2020 18h34 Atualizado há 20 minutos

O Ibope divulgou, nesta quarta-feira (25), o resultado da segunda pesquisa do instituto sobre o segundo turno da eleição para prefeito do Recife. O levantamento foi realizado entre os dias 23 e 25 de novembro e tem margem de erro de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos.

Em relação ao levantamento anterior do Ibope, divulgado em 18 de novembro:

João Campos (PSB): tinha 39% e subiu para 43%
Marília Arraes (PT): tinha 45% e desceu para 41%
Em branco/nulo: se manteve em 15%
Não sabe/não respondeu: subiu de 1% para 2%

De acordo com o Ibope, persiste um empate técnico entre os candidatos, mas agora com a inversão da vantagem numérica em relação à pesquisa anterior. A diferença entre ambos é de apenas dois pontos percentuais e menor que a margem de erro da pesquisa, que é de três pontos percentuais.

Votos válidos

Em relação ao levantamento anterior do Ibope, divulgado em 18 de novembro:

João Campos (PSB): tinha 47% e subiu para 51%
Marília Arraes (PT): tinha 53% e caiu para 49%

Para calcular os votos válidos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição. Para vencer no 2º turno, um candidato precisa de 50% dos votos válidos mais um voto.

Intenção de voto espontânea

João Campos (PSB): 40%
Marília Arraes (PT): 38%
Outros: 1%
Branco/nulo: 18%
Não sabe/não respondeu: 4%

Sobre a pesquisa:
Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos
Entrevistados: 1.001 eleitores do Recife

Quando a pesquisa foi feita: entre 23 e 25 de novembro
Registro no TRE: PE‐04600/2020
Nível de confiança: 95%

Contratantes da pesquisa: TV Globo e “Jornal do Commercio”
O nível de confiança da pesquisa é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem a realidade, considerando a margem de erro, que é de 3 pontos, para mais ou para menos.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

4 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

carlos

26 de novembro de 2020 às 07h39

Eu acho que a Vitória de Marília, vai ser a Vitória, libertária da independência contra a oligarquia, do PSB, que já dura décadas, eu penso que o Recife não trocar a vaidade pelo projeto que o povo do Recife precisa.

Responder

carlos

26 de novembro de 2020 às 07h30

Eu lembro que em 2018, na eleição para o senado, o ibope, em pesquisa deu um resultado eleitoreira, em favor de Eunicio Oliveira, com 25,9% e o Eduardo Girão com 9,9% e o final vocês já viram 14,9% em favor de Eduardo 12% para Eunicio.

Responder

O Demolidor

25 de novembro de 2020 às 23h50

O Cafezinho tá fraco…..omitindo a tática malufista da quinta coluna junto com o MDB, Republicanos e PP entre outros contra a Marília….estão jogando baixo…..e ainda tem a cara de pau de dizer que a bolsonarista é a Marília…..inventando mentiras na porta de igrejas… lamentável…..hoje estamos vendo como são a quinta coluna de verdade….e pra variar o blog passando pano

Não ligo se censurarem de novo o posto….

Responder

Franklin

25 de novembro de 2020 às 21h21

Ataques de lá é de cá?
Não é isso que estão falando. João Campos está fazendo a mesma campanha de Bolsonaro.. Segundo informações estão usando as fakes de sempre. É a história de política de gênero, petistas perseguem as igrejas.etc. Coisa feia.
Ataques de la e cá existem na política. Agora estilo Bolsonaro apoiado por Ciro e Flávio Dino não dá.

Responder

Deixe uma resposta