Cafezinho & Cinema: conversa com Ducca Rios, diretor de Meu Tio José

Bolsonaro ataca as urnas eletrônicas e volta a defender o voto impresso

Por Redação

09 de junho de 2021 : 13h06

Nesta terça-feira, 8, Jair Bolsonaro voltou a atacar as urnas eletrônicas no Brasil e, logicamente, não apresentou as provas de fraudes no pleito presidencial.

Na porta do Palácio do Planalto, Bolsonaro disse a apoiadores que “não acredita nada” no atual sistema de contabilização de votos.

“Perguntam: ‘como você ganhou e reclama?’ Eu tive muito voto”, disse ele que defende um sistema onde permita a impressão dos votos.

Na Câmara, proposta de emenda à Constituição (PEC) do voto impresso deve avançar com apoio folgado na Comissão Especial sobre, incluindo setores da oposição. Recentemente, o presidente Nacional do PDT, Carlos Lupi, e o ex-ministro Ciro Gomes se posicionaram a favor da “impressão do voto”.

Já na Comissão Especial, dos 34 parlamentares da Comissão Especial, 21 são favoráveis à mudança. A proposta precisa de apenas 17 votos para ir ao Plenário.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

7 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

dcruz

10 de junho de 2021 às 21h33

Método para nunca errar na vida, tudo que o bozo disser, pense ou faça o contrário.

Responder

Hilario

09 de junho de 2021 às 19h03

Hoje tudo é hackeavél e jogar centenas de milhares de votos de um candidato para outro com um clique é muito mais facil que trocar votos em papél, coisa quase impossivél e que se acontecer é irrelevante no resultado final pois a contagem é feita diante de varias pessoas e um oficial ou mais de policia.

Votar na urna eletronica e impressao de comprovante para conferencia final nao faz sentido…tanto vale votar no papél.

Responder

Valeriana

09 de junho de 2021 às 18h59

Nos Paises desenvolvidos onde se vota no papél ninguem sente falta de urnas eletronicas.

Responder

carlos

09 de junho de 2021 às 16h36

Presidente embusteiro, miliciano, o Rio de Janeiro sabe disso, pergunto ao Marco Antonio Villa, que entrevistou Bolsonaro na jovem pan, aonde ele recebeu propina de 300mil reais, pra cx.dois,ele devolveu para o partido e o partido devolveu pra conta dele. Pergunta dinheiro deixou de ser propina? Não porque a origem do dinheiro foi a mesma.

Responder

Daniel

09 de junho de 2021 às 15h37

Ou é voto eletrônico como é hoje ou é no papel.

Votar na urna eletrônica e depois depositar um papel na urna abre espaço a judicializar tudo…. tanto vale votar no papel.

Responder

Galinzé

09 de junho de 2021 às 13h39

Quando ele vai atacar que o filho dele dorme com o índio?

Responder

Luiz Alberto

09 de junho de 2021 às 13h32

No Peru, a esquerda ganhou no voto impresso. Cuidado com o que desejas! Kkkkk

Responder

Deixe uma resposta