Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Pesquisa Ipsos: Lula ganha de Bolsonaro por 58% X 25% no segundo turno

Por Redação

06 de julho de 2021 : 13h25

Nova pesquisa de intenção de votos para as eleições presidenciais de 2022, do instituto Ipsos, traz o ex-presidente Lula com 56,5% dos votos válidos, o que significaria uma vitória folgada no primeiro turno.

Segundo a Veja, que divulgou os números, a pesquisa foi encomendada pelo DEM.

Abaixo, os percentuais de cada candidato, em votos totais:

Os números acima significam que, além dos 48% de Lula, todos os outros candidatos somados tem 37% dos votos. Por aí se pode calcular os votos válidos.

Cenários de segundo turno

Num eventual segundo turno, Lula venceria Bolsonaro por 58% X 25%.

Um embate entre Lula com Ciro Gomes no segundo turno teria o placar de 57% X 14% em favor do petista.

Sergio Moro chegaria a 20% num segundo turno contra Lula, que teria 57%.

Rejeição

Bolsonaro é o nome mais rejeitado, segundo o Ipsos: 59% dos entrevistados responderam que não votariam nele “de jeito nenhum”.

A rejeição de Lula, por sua vez, é a menor entre os principais candidatos: 33%.

As rejeições de Moro, Mandetta e Ciro são de 47%, 47%, e 45%, respectivamente.

A pesquisa foi realizada com 1.500 pessoas, nos meses de maio e junho.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

8 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Daniela

09 de julho de 2021 às 14h40

Lula no primeiro turno, o povo quer voltar a ser feliz,a comer,estudar e ve em Lula uma grande chance. #LULA2022

Responder

Bruno

07 de julho de 2021 às 01h51

Vamos resgatar nosso Brasil das mãos dessa facção criminosa. Lula no 1° turno!

Responder

helio

07 de julho de 2021 às 01h42

Chegou a hora de todos se juntarem a Lula contra o Bozo, líder da extrema direita desmiolada.
O país não pode correr o risco de “bizar” no seu comando esse sujeito completamente despreparado.

Responder

jose carlos rodrigues arana

06 de julho de 2021 às 19h57

Bom deixar claro que esta pesquisa foi encomendada pelo DEM.

Responder

PAULO CESAR RUBINI

06 de julho de 2021 às 19h26

vai dar PT

Responder

Tiago Silva

06 de julho de 2021 às 16h47

Nessa pesquisa traz o balão de ensaio do nome de Luiza Trajano como candidata à “Terceira Via” (Leia-se a “Outra Via do Capital” contra o trabalho e trabalhador) e apesar de inicialmente pontuar pouco… É a candidata que tem o maior potencial de chegar a segundo turno e até ganhar o pleito.

Nessa “Outra Via do Capital” – contra o trabalho e contra o trabalhador (que os golpistas do DEM e PSDB querem se agarrar para continuarem relevantes além do parlamentarismo de fato que instituíram no CN):

– o candidato Sérgio Moro só conseguiria chegar longe se fosse outro Mito (ou seja, não abrisse a boca e nem participasse de debates para não evidenciar sua voz de marreco que não engaja e sua desqualificação cultural que é evidente)… daí parece que o Marreco Corrupto sabe que seria melhor receber os loiros do Golpe nos EUA;

– Mandetta que foi para o Ministério como representante dos Planos de Saúde Privados para fatiar o SUS teve boa visibilidade por não aderir 100% ao Capetão na classe média que se frustrou pela recessão ou pandemia que os atingiu, mas também se entrasse na corrida eleitoral só evidenciaria que nunca teve coragem para entrar em embate direto com Bozo e atendência é esvaziar;

– já Dória não é o candidato mais repulsivo por suas faltas de escrúpulos para conseguir o que quer; Tasso Jeirissate quer ser um outro a tentar emular “Joe Bidden”, mas vai ter dificuldade em se eleger em seu Estado e ainda mais no resto do Brasil;

– o candidato do MBL Danilo Gentile pode ocupar até o polo da Direita como uma tentativa de emular o Beppe Grillo e ganhar terreno nos Nem-Nem que ainda sejam NeoFascistas (estaria na briga com Moro por esse público de classe média radicalizado);

– A nova aposta com um identitarismo neoliberal de Eduardo Leite é fadada a crescer pouco devido a outros concorrentes nos dois polos da polarização e ainda o fato de o Governador ser fraco no seu Estado e ainda mais no resto do Brasil;

– Ciro infelizmente fez muitas estratégias equivocadas principalmente desde 2018 (não quis ser vice do Lula na chapa, para depois da inviabilização/golpe ser o cabeça de chapa com Haddad vice; pegou mal ter falado que iria pra Paris no segundo turno; além de perder a confiança do eleitorado de esquerda e petista por tentar se demonstrar aos Bolsominions, Moristas e Mídia como anti-PT no pior estilo Rodrigo Cosntantino; além de que pode fazer declarações ), talvez melhore um pouco pela contratação a peso de ouro do ex-marketeiro do PT para que o faça ir além dos seus históricos 10% a 15% (hoje principalmente formado por Cirominions que parece que não compreendem que se Ciro aderir ao PSDB e DEM… não vai poder cumprir nem metade do que fala);

-Já Luiza Trajano é dentre todas as opções a que pode ir mais longe, inclusive ganhar as eleições… porém tem que saber se ela entraria nessa aventura política sabendo que pode perder muito de sua imagem (e principalmente muito de seu dinheiro) com os posicionamentos que terá que fazer, mesmo que seja a tábua de salvação com maior potencial para o Golpismo do Capital.

Responder

Valeriana

06 de julho de 2021 às 14h16

Perguntem ao Lula se acredita nessa pesquisa…

Responder

    Batista

    07 de julho de 2021 às 13h30

    Devota do capetão, pergunte ao pessoal que toca a rotina diária de gestão do caiar de guias e cortes de grama, na ‘empresa’ em que ‘adestrados’ dedicam a vida a garantir a ocupação, a dependência e consequentemente o atraso do país, exatamente, os mesmos que fizeram às sombras, só pra não variarem, em parceria com a justiça lavajateira e a mídia golpista, com que Lula fosse preso e impedido de candidatar-se na eleição de 2018, se acreditam em pesquisas que ora apontam-no vencedor em 2022, tal como em 2018?

    Acorda desavisada zumbi, pois com o Brasil destruído como se encontra, não há como não fazerem como Parreira e Zagallo, no jogo decisivo das eliminatórias em setembro de 1993, de olho na copa de 94, e ora, finalmente, juntarem-se a maioria da população a convocar Lula, para em 2023 iniciar a reconstrução do país, de forma que possa-se o quanto antes, recomeçar a construção do Brasil justo, moderno e soberano, interrompida pelo golpe de 2016, e que há gerações todos sonhamos, queremos e haveremos de ter para nossos descendentes.

    Responder

Deixe um comentário