Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Foto: NELSON JR./SCO/STF

Fux declara a Aziz que representante da Precisa só pode ficar em silêncio se for incriminada

Por Redação

13 de julho de 2021 : 16h13

O ministro e presidente do Supremo Tribunal Federal, Luiz Fux, conversou por telefone com o presidente da CPI da Pandemia, Omar Aziz (PSD-AM), para deixar claro que a presidente da Precisa Medicamentos, Emanuela Medrades, só pode ficar em silêncio ocasiões que acarretam na sua incriminação. Isso foi divulgado pelo senador Humberto Costa (PT-PE).

Logo que recebeu essa informação, Aziz enviou um embargo de declaração questionando os limites do habeas corpus concedidos pela Suprema Corte.

A presidência da comissão questiona se a depoente já cometeu crimes por falso testemunho. A sessão, que foi suspensa após a depoente se negar a responder perguntas básicas, será retomada assim que houver resposta oficial do STF.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

Nenhum comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »


Deixe um comentário