Comentários sobre o áudio vazado de André Esteves (BTG Pactual)

Na Bahia, professora é intimada depois que aluna denunciou “conteúdo esquerdista”

Por Redação

19 de novembro de 2021 : 10h32

Em Salvador, uma professora de filosofia do Colégio Estadual Thales de Azevedo, foi intimada a depor depois que uma aluna registrou uma denúncia de que a educadora estava lecionando um “conteúdo esquerdista” nas suas aulas. Entre os assuntos abordados inclui questões de gênero, racismo, assédio, machismo e a diversidade.

A Associação dos Professores Licenciados do Brasil (APLB) informou em nota que a professora está emocionalmente abalada e que por isso foi ao hospital depois que recebeu a intimação para prestar depoimento na Delegacia de Repressão a Crimes contra Crianças e Adolescentes.

A entidade também informou que o departamento jurídico foi acionado por um grupo de professores devido a ações “inamistosas e de perseguição” por parte da estudante contra a professora.

“A APLB-Sindicato, legítima representante dos trabalhadores e trabalhadoras em Educação vem a público manifestar toda a sua solidariedade e apoio jurídico aos docentes da Escola Estadual Thales de Azevedo por tentativas de intimidação, coação e pressão psicológica por grupos de extrema direita que tentam cercear a livre expressão e tumultuar aulas e algumas atividades propostas pelos professores e professoras”.

Com informações do O Globo

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

6 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Leonelia

21 de novembro de 2021 às 14h15

Qual era o real conteúdo da aula?
Qual o assunto e será que outros alunos que estavam presentes na sala de aula serão ouvidos também?
Meu pai teria ido a escola e conversado com a professora, daí ele iria decidir o que fazer.

Responder

Wellington Física

21 de novembro de 2021 às 10h41

NO Brasil há Nazismo? Onde? Preciso identificar

Responder

Paulo

19 de novembro de 2021 às 16h27

Eu lamento que as coisas tenham chegado a este ponto. Mas é preciso ponderar que nossos jovens estão sendo vitimados por doutrinação ideológica há muito tempo. O que meus filhos me contam é terrível e lamentável ao extremo…

Responder

Lopes

19 de novembro de 2021 às 12h17

Se questões de gênero, racismo, machismo, diversidade, assédios de todos os tipos, entre outros, assuntos típicos da humanidade, são associados a conteúdos esquerdistas, estaria a direita se autoafirmando inumana?

Responder

Galinzé

19 de novembro de 2021 às 11h46

Passou da hora de parar com essa merda nas sals de aula, a politica e outros assuntos que nada tem a ver com o ensino ficam pra fora.

Responder

dcr

19 de novembro de 2021 às 11h24

Nazismo atuando em toda a sua plenitude, ainda pensam em reeleger esse tipo. É amedrontador.

Responder

Deixe um comentário

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?