Jornal da Forum: Lula quer reindustrializar o Brasil!

Imagem: Flickr/Ministério da Justiça

Moro: “sou pré-candidato a presidência da república, não ao Senado”

Por Redação

03 de janeiro de 2022 : 10h48

O ex-juiz Sérgio Moro (Podemos) usou o Twitter agora a pouco agora para negar de prontidão que não deve desistir de disputar o Palácio do Planalto nas eleições deste ano.

Ele também voltou a dizer que é contra o foro privilegiado e que “não tem medo” de ser investigado.

“Sobre matéria de hoje do UOL:  sou pré-candidato à Presidência, não ao Senado; sempre fui contra o foro privilegiado e não preciso de mandato; não tenho receio de qualquer investigação, muito menos a de Ministro do TCU sobre fato inexistente; a jornalista publicou a matéria sem ouvir a parte envolvida; estou focado na construção de projetos para o Brasil”, escreveu.

Mais cedo, a colunista Carolina Brígido, do UOL, publicou um texto afirmando que o ex-juiz poderia abrir mão da candidatura a presidência caso não decole nas pesquisas até fevereiro.

Na publicação, Carolina disse que interlocutores de Moro dizem que se ele não chegar a 15% nos levantamentos até fevereiro, o ex-juiz vai abandonar a disputa presidencial para abraçar a meta de ser senador em 2023.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

1 comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Sebastião

03 de janeiro de 2022 às 13h52

Supondo que Moro fosse um psicopata, o auge pra ele, seria derrotar Lula e Bolsonaro. Não aceitam derrotas, e vencer o adversário é prazeroso pra ele.

E fazem de tudo, e usam todos os meios possíveis, pra vencer um inimigo. Que na visão deles, não é somente um adversário, mas um inimigo.

Responder

Deixe um comentário

O 2021 de Bolsonaro O 2021 de Ciro Gomes O 2021 de Lula Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade