Analista da Ideia fala sobre “voto útil” dos eleitores de Ciro a Lula no 1° turno

Imagem: Divulgação/Kremlin

Putin ordena cessar-fogo em duas regiões da Ucrânia para abrir corredor humanitário

Por Redação

05 de março de 2022 : 09h31

Neste sábado, 5, o presidente da Rússia, Vladmir Putin determinou ao Ministério da Defesa que declare o regime de cessar-fogo para que os civis ucranianos possam se retirar das regiões de Mariupol e de Volnovakha.

“Hoje, 5 de março, às 10h00 hora de Moscou (4h00 no horário de Brasília), o lado russo declara o regime de cessar-fogo e abre corredores humanitários para saída de civis de Mariupol e Volnovakha”, informou a pasta de Defesa russa.

Também foi informado que a decisão de abrir os corredores humanitários e as rotas de saída de civis foi tomada após um acordo com o lado ucraniano.

Outro ponto é que a as autoridades locais de Mariupol querem usar o regime de cessar-fogo para tentar recuperar a infraestrutura precária da região e fornecer medicamentos e suprimentos de primeira necessidade.

Vale lembrar que ontem, o próprio Ministério da Defesa russo anunciou que boa parte do território da Ucrânia se desenvolve uma situação humanitária desastrosa com tendências para agravamento. A situação mais complicada ocorre nas cidades de Kiev, Kharkov, Sumy, Chernigov e Mariupol.

Com informações do Sputnik

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

4 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

EdsonLuíz.

05 de março de 2022 às 23h13

Sabemos no Brasil o tanto de mentiras e leviandades que petistas sempre produziram e espalharam!

O que petistas fizeram contra Fernando Henrique e contra Marina Silva ilustra o que o PT e petistas fizeram por décadas contra milhares de brasileiros conhecidos e contra brasileiros anônimos, nos bairros e círculos de amizade.

Sabemos que o bolsonarismo, ao surgir, incorporou e potencializou a tecnologia de ódio, leviandades e mentiras do PT.

Com a covardia da invasão da Ucrânia pela Rússia do ditador Vladimir Putin, estamos vendo que muitos bolsonaristas e lulistas estão se colocando como soldados da Rússia e do ditador russo e aqui do Brasil defendem a covardia da invasão, assassinato e apavoramento do povo pacífico ucraniano pela Rússia.

O povo ucraniano esteve por mais de meio século submetido à ditadura soviética liderada pela Rússia até que o povo das várias repúblicas oprimida reagiu, derrubou o muro de Berlin, na Alemanha, derrubou outras cercas, derrubou cada ditador e se libertou.

O povo da Ucrânia só quer (ou queria) continuar sendo livre

Os merdinhas apoiadores de ditaduras bolsonaristas só apoiam a Rússia porque gostam de apoiar ditaduras; os merdinhas petistas só apoiam a Rússia porque vêm uma possibilidade de volta da velha e opressora ditadura comunista da União Soviética para continuar sua fracassada experiência anticapitalista e porque são antidemocráticos que gostam também de apoiar ditadores.

O mais estranho nem é esses dois, lulismo e bolsonarismo, estarem juntos nesse apoio, afinal há várias coisas em que Lula e bolsonaro se encontram juntos, mesmo brigando por causa do poder; mais estranho, na verdade completamente incompreensível, é os dois apoiarem tanta covardia contra um povo que não fez nada contra eles: o povo ucraniano nada fez contra a Rússia, nada fez contra Putin, nada fez contra Lula, nada fez contra bolsonaro, nada fez contra um merdinha petista apoiador de covardia, nada fez contra um merdinha bolsonarista apoiador de covardia.

Peço desculpas, nas o único nome para quem apoia essa covardia é ‘merdinha’.

Mas eles estào apoiando o apavoramento e assassinato do povo ucraniano que não lhes fez nada!

Edson Luiz Pianca.

Responder

EdsonLuíz.

05 de março de 2022 às 19h53

Ordenou cessar fogo, mas por um acordo de trégua com os ucranianos, que também pararam de se defender para que na trégua fossem formados corredores humanitários para retirar feridos e chegar remédios e alimentos.

O covarde descumpriu!

Nào teve corredor humanitário!
Aguardei até agora para confirmar que o covarde havia descumprido mesmo a interrupção para formar os corredores humanitários, que seriam três, por cinco horas. O merda descumpriu mesmo!

Este merda invadiu e está matando aquele país e seus moradores, que não lhe fez nada! E invadiu também a cabeça de um monte de merdinha doutrinado brasileiro que não consegue pensar sozinho e se emprenha fácil por mentiras, manipulação e desinformação! Eu tenho certeza de que você que está lendo agora não é um desses merdinhas que estão com a cabeça invadida pelo chorume pútrido que estes covardes como Putin, Lula e bolsonararo produzem e distribuem.

Responder

Francisco*

05 de março de 2022 às 14h50

“Vladmir Putin determinou ao Ministério da Defesa que declare o regime de cessar-fogo para que os civis ucranianos possam se retirar das regiões de Mariupol e de Volnovakha.”

Não à toa os russos concordaram em estabelecer um corredor humanitário para retirada dos civis das duas cidades completamente sitiadas, durante um período estabelecido de trégua, mesmo sabendo que não teria nenhuma utilidade quanto ao destinado estabelecido pelo acordo, por evidenciar o que realmente acontece nas cidades sitiadas e a razão de ainda não terem sido tomadas, independente das previstas narrativas midiática ocidental a serem divulgadas em sentido contrário.

Isso posto, a cidade portuária de Mariupol, no mar de Azov, antes da guerra com população de 400 mil habitantes, e sua vizinha Volnovakha, com 21 mil habitantes, localizadas no leste da Ucrânia, na Província de Donetsk, estão sendo defendidas pelo ‘batalhão de Azov’, para quem não sabe de quem se trata, dado que à mídia não interessa informar o que vem a ser a tal de desnazistização anunciada por Putin como um dos objetivos da invasão da Ucrânia, “é uma organização paramilitar atualmente ligada ao Ministério do Interior da Ucrânia e integrada ao exército, criado em 2014 durante os protestos da Euromaidan. É uma unidade militar de infantaria voluntária de extrema direita, composta por ultranacionalistas acusados de abrigar a ideologia neonazista e supremacista branca, além de extenso e profundo envolvimento em abusos de direitos humanos e crimes de guerra na Guerra civil no leste da Ucrânia, desde 2014, principalmente em casos de torturas, estupros, saques, limpeza étnica e perseguição de minorias como homossexuais, judeus e russos”.

Iluminado o cenário, resta dizer que, ‘parece’ que a especialidade dos componentes do ‘batalhão de Azov’ é ‘lidar com civis’, tanto que não querem desfazer-se dos civis ucranianos, ora juntos e misturados a eles em ambas as cidades, não permitindo que saiam pelos corredores humanitários estabelecidos, pois sabem que sem os escudos humanos que retém, serão rapidamente homenageados por disparos da artilharia russa e na sequência transformados em pó pelos separatistas russos, ávidos pelo acerto de contas, por conta do ‘terror do bem’ que andaram espalhando pela região, durante os últimos 8 anos.

Tal como, “livre pensar é só pensar”, hoje, saber é procurar informações diversas e só pensar…, com lógica e sem compromisso, melhor ainda.

Responder

EdsonLuíz.

05 de março de 2022 às 10h52

Putin, covarde!

O povo ucraniano esteve por décadas sob a opressão da ditadura comunista da antiga União soviética! Após conseguirem se livrar da opressão daquela ditadura, eles estavam em seu país, finalmente livres e em paz, buscando recuperar o atraso civilizacional ocasionado por décadas de repressão sofrida e foram novamente invadidos e agredidos pela única coisa que ditaduras sabem fazer: oprimir!

Pare de fazer essa carnificina, Putin! Você é covarde!

E mais covarde do que Vladimir Putin são os apoiadores de ditadores como ele pelo mundo. Aqui no Brasil, não satisfeitos em apoiarem as ditaduras de Cuba e da Venezuela, o PT e o PCdoB estão apoiando a covardia de Putin. Que decepção! Maior decepção ainda é com os social democratas que são filiados ao PCdoB e PT: eles se submetem e seguem a linha de Lula em relação à covardia do ditador Vladimir Putin e não estão condenando a invasão e a matança covarde, estão calados! Também, se for para darem declarações dúbias que mais confirmam o apoio de suas forças políticas a covardias sanguinolentas, melhor ficarem calados mesmo!

Curioso é que a desculpa que o PT e o PCdoB usam para apoiar Vladimir Putin é uma indisposição deles com a OTAN. Parte dessa indisposição deles com a OTAN deve ser por a OTAN, em ações humanitárias, terem feito intervenções no Iraque, contra Sadan Husseim, o ditador que estava massacrando parte de seu povo e na Líbia, contra o sanguinolento e estuprador de menininhas Muamar Kadafi. Tanto Hussein quanto Kadafi possuiam ligação com o regime repressor da Rússia.

A OTAN é uma aliança de proteção militar exatamente contra agressões contra seus membros e tem ação defensiva: só intervem em caso de sofrer agressão. A Ucrânia, intimidada pela ditadura de Putin não aderiu e por isso não é membro e não pode receber ajuda direta da OTAN.

Imagina-se hoje o tanto que o povo ucraniano se arrepende de não ter aderido à OTAN! Se a Ucrânia fosse da OTAN certamente estaria protegida e não seria agredida!

Eles, os apoiadores de covardias podem observar: e os erros cometidos pela OTAN? Pois é… vamos falar de erros?

Aos meninos que hoje são filiados ao PT e ao PCdoB: quando eu era menino e mesmo depois, já entrado na vida adulta, defendi ditaduras e, cego por ideologismos, não conseguia ver como estas coisas como a matança de inocentes na Ucrânia, civis ou soldados, é covarde. Claro que me arrependo, mas não me culpo, eu estava enrredado pelo mal que ideologismos fazem a um menino.

Responder

Deixe um comentário

O Xadrez para Governador de Minas Gerais O Xadrez para Governador de São Paulo O Xadrez para Governador do Rio de Janeiro Novo Presidente da PETROBRAS defende preços altos Cadê o churrasco do povo, Bolsonaro? Preço explodiu! Conservadores? A atual juventude brasileira O Indulto sem Graça de Bolsonaro Os Principais Eleitores de Lula Os Principais Eleitores de Ciro Gomes Os Principais Eleitores de Bolsonaro