Analista da Ideia fala sobre “voto útil” dos eleitores de Ciro a Lula no 1° turno

Imagem: Divulgação

Empresário bolsonarista pede golpe militar

Por Redação

01 de abril de 2022 : 09h10

O empresário e ex-secretário de desestatização do Governo Bolsonaro, Salim Mattar, foi as redes sociais para defender um golpe militar no Brasil. A defesa foi feita nesta quinta-feira, 31, data que se completou 58 anos do golpe de 1964.

“Graças ao ‘Movimento de 31 de março de 1964’ hoje não somos um país comunista. Sou testemunha ocular daquele grave momento em que o Brasil poderia ter ido para o caminho errado com os comunistas no poder”, escreveu no Twitter.

Vale lembrar que Bolsonaro também saiu em defesa da ditadura militar durante o evento de despedida de ministros no Palácio do Planalto.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

7 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Silva

03 de abril de 2022 às 18h05

Em primeiro lugar, ao JorNasista de plantão, interpretação de texto achei que ainda era necessário para redatores, porém vejo que não mais, criaram uma narrativa no Texto e se desmentiram na matéria em afirmar que o empresário bem sucedido pediu ditadura; em segundo lugar, NUNCA HOUVE DITADURA MILITAR no Brasil, o que houve foi INTERVENÇÃO MILITAR contra o Comunismo Socialista/Nazista que estava querendo se instalar no Brasil…
Salve a intervenção de 1964

Responder

CLAUDIO LOPES

03 de abril de 2022 às 05h38

Simples assim: Vamos tomar o poder porque ganhar não temos capacidade. Não tiveram traquejo diplomático, são um bando de trogloditas achando que tudo é na porrada. Se esse país fosse sério o “capitão de balaio” estava preso por alta traição, e impugnado para a vida pública, num país civilizado um desqualificado com o histórico dele estaria preso.

Responder

Walter

02 de abril de 2022 às 10h56

O Brasil nunca teve comunismo,, estão tentando justificar mais um golpe, leia sobre comunismo meu povo!

Responder

Anderson

02 de abril de 2022 às 01h07

Ainda bem que você não é criancinha, né?
Quanta idiotice, gsuis!

Responder

Nelson

01 de abril de 2022 às 14h44

Esse é um dos tantos liberais – o que vem a ser isto mesmo? -, que se dizem amantes ardorosos da democracia, mas que não têm qualquer prurido em defender um golpe quando a balança deixa de pender, mesmo em uns poucos quilogramas, para o lado dos donos do capital. Os liberais defendem os golpes ainda que, historicamente, a balança venha se mantendo bem inclinada para o lado do capital.

Responder

Saulo Nunes

01 de abril de 2022 às 10h30

Que esses grupos de escapados de casa imbecilizados por ideologias podres queriam imitar Fidel Castro (e recebiam armas e dinheiro de Cuba) nao é nenhuma novidade.

O problema é que esstes subdesenvolvidos voltaram ao poder depois e fizeram as porcrias imundas que hoje sao notorias.

Responder

Fanta

01 de abril de 2022 às 10h28

Prezado “vale a pena lembrar”…onde tà escrito que esse careca pediu um “gopi militar”…?

Responder

Deixe um comentário

O Xadrez para Governador da Bahia O Xadrez para Governador de Minas Gerais O Xadrez para Governador de São Paulo O Xadrez para Governador do Rio de Janeiro Novo Presidente da PETROBRAS defende preços altos Cadê o churrasco do povo, Bolsonaro? Preço explodiu! Conservadores? A atual juventude brasileira O Indulto sem Graça de Bolsonaro Os Principais Eleitores de Lula Os Principais Eleitores de Ciro Gomes