Analista da Ideia fala sobre “voto útil” dos eleitores de Ciro a Lula no 1° turno

Imagem: Divulgação

Pesquisa mostra posicionamento dos jovens sobre aborto, armas e maconha

Por Gabriel Barbosa

18 de abril de 2022 : 17h11

A Exame/Ideia divulgou nesta segunda-feira, 18, um levantamento que revela o posicionamento dos jovens brasileiros a respeito de temas de costumes. Foram feitas 1000 entrevistas por telefone entre os dias 4 e 13 de abril de 2022, a margem de erro é de 3,2 pontos.

Segundo o levantamento, cerca de 48% dos entrevistados se posicionaram contra a descriminalização do aborto. Outros 46% se posicionaram favoráveis a medida. O índice de “não sabe” é de 8%.

Outro assunto que sempre gera debate, especialmente em período eleitoral, é a legalização da maconha. Sobre isso, a maioria dos jovens (61%) não é a favor que a maconha seja legalizada para uso recreativo. Já para 34%, a planta deveria ser liberada para o consumo. Apenas 6% não sabem.

Mas por outro lado, uma das principais bandeiras do bolsonarismo, o acesso a armas, é rejeitado pela maioria absoluta destes entrevistados Para 72%, a ampliação ao uso de armas por cidadão não deve ser vigorando no Brasil. Neste assunto, o índice favorável é de 26%.

Acesse a pesquisa completa clicando aqui.

Gabriel Barbosa

Jornalista com passagens pelo Grupo de Comunicação O POVO (Ceará), RedeTV! e Band News FM. Pós-graduando em Comunicação e Marketing Político.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

6 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Mario Lúcio

19 de abril de 2022 às 14h58

Eu sou a favor das três circunstâncias citadas .e não fiz parte da pesquisa .direito de ter arma deveria ser liberado assim como existe polícia pra defender e matar com suas armas nós poderíamos fazer o mesmo por nós mesmo .sobre o aborto sou a favor mais também contra pois não acho certo irem fazer filho curtir o momento de forma irresponsável e dps não querer ter o filho proveniente do ato sexual que fizeram . E sou a favor da legalização da cannabis pois pra uns e uma droga que mata e etc. Mas pra muitos que, a conhecem conhecem sua história tem respeito pela planta sabe que ela sempre esteve Aqui i e muito mas antiga que muitos imaginam . O Brasil seria um país melhor mais livre com a legalização da cannabis pois eu já fui tachado de drogado e traficante e se eu sou quem fuma cigarro tbm e Pois e pior que a cannabis. Espero um dia que o Brasil acorde e veja como está ficando pra trás no tempo . Pois se não mudar eu vou me mudar do país pra poder fumar um tranquilo poder ter minha arma e anda com minha moto e modifica ela do geito que eu quiser . Sei que isso tudo e meio impossível de acontecer nesse país atrasado por isso minha meta e envestir e morar em outros países como EUA e etc.triste De mais esse Brasil pior msm eo de classe baixa que sofrem com descaso falta de assistência e desigualdade

Responder

rocha

19 de abril de 2022 às 09h43

EM QUANTAS SITUACÕES UMA ARMA EVITA UM ASSALTO OU UMA MORTE?. O PRÓPRIO BOLSOMONSTRO FOI ASSALTADO COM UMA ARMA NA CINTURA E TEVE SUA MOTO LEVADA E NADA FEZ. QUANTOS MENOS ARMAS ESTIVEREM EM CIRCULAÇAO MAIS SEGURANÇA HAVERÁ!! PARA ACABARMOS COM A VIOLÊCIA PRECISAMOS TER MAIS PUNIÇÃO AOS QUE COMETEM CRIMES,PRINCIPALMENTE OS HOMICÍDIOS !! A JUSTIÇA TEM QUE SER MAIS EQUÂNIME E CÉLERA!!

Responder

Paulo

18 de abril de 2022 às 22h57

Sou a favor da posse de armas (o porte é outra coisa, que depende de múltiplos fatores, eu, por exemplo, tenho direito, mas não me valho dele, por ora). Sim, pois embora seja católico não posso negar a um pai de família o direito mais elementar de defesa de seu lar…Já o aborto deveria ser uma quase unanimidade – contrária. Infelizmente, os jovens estão orientados por ideologias anticristãs…

Responder

Lucio Haeser

18 de abril de 2022 às 20h52

Como diria o Caetano: que juventude é essa?

Responder

Fanta

18 de abril de 2022 às 17h34

Os jovens possuem uma opinião superficial a respeito de tudo ou quase.

Responder

Galinzé

18 de abril de 2022 às 17h31

O acesso as armas (posse) é uma questão de liberdade, as armas existem assim como existem carros, motos ecc…

Por tanto cada um de nós (que tenha os devidos requisitos e habilitação) tem o direito de ter uma arma ou mais e o uso (ou não uso) que a gente faz da mesma é responsabilidade pessoal e de ninguém mais.

Responder

Deixe um comentário

O Xadrez para Governador da Bahia O Xadrez para Governador de Minas Gerais O Xadrez para Governador de São Paulo O Xadrez para Governador do Rio de Janeiro Novo Presidente da PETROBRAS defende preços altos Cadê o churrasco do povo, Bolsonaro? Preço explodiu! Conservadores? A atual juventude brasileira O Indulto sem Graça de Bolsonaro Os Principais Eleitores de Lula Os Principais Eleitores de Ciro Gomes