Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Foto: Divulgação

Tesoureiro do PT é assassinado a tiros enquanto comemorava seu próprio aniversário

Por Redação

10 de julho de 2022 : 11h37

Na madrugada deste domingo, 10, o guarda municipal Marcelo Arruda foi assassinado durante a comemoração do seu aniversário de 50 anos em Foz do Iguaçu (PR).

Arruda foi atingido por três tiros disparados por Jorge José da Rocha Guaranho, um agente penitenciário da cidade e apoiador de Jair Bolsonaro (PL). Vale lembrar que o petista havia sido candidato a vice-prefeito do município em 2020.

Jorge José da Rocha, autor dos disparos. Imagem: Divulgação

Pessoas que estavam presentes na festa de Arruda afirmam que o bolsonarista não era uma figura conhecida pelo petista. Relatos indicam que Guaranho estava enfurecido com o tema da festa: o ex-presidente Lula (PT).

O agente penitenciário estava fazendo ameaças e teria voltado a festa de Arruda para matá-lo. Outras testemunhas também disseram que o bolsonarista estaria sob efeito de drogas. Ele estava acompanhado da esposa e filha em seu carro. 

Em nota, a presidente Nacional do PT, Gleisi Hoffmann, e o coordenador de Segurança Pública do PT, Abdael Ambruster, lamentaram a morte de Arruda.

“Marcelo estava na flor da idade, tinha uma vida pela frente com sua família, esposa e quatro filhos, a quem prestamos nossa total solidariedade e apoio, e sonhava com um Brasil justo e democrático, fraterno e solidário, que queria construir com o povo brasileiro a partir da derrota do fascismo e da eleição de Lula Presidente”, diz a nota.

“Embalados por um discurso de ódio e perigosamente armados pela política oficial do atual Presidente da República, que estimula cotidianamente o enfrentamento, o conflito, o ataque a adversários, quaisquer pessoas ensandecidas por esse projeto de morte e destruição vêm se transformando em agressores ou assassinos”, completa.



Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

16 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Francisco*

11 de julho de 2022 às 15h01

Deveras escatológico, nojento, rastejante e imundo, observar-se vermes tentando dar o covarde ‘nó em pingo d’água’ em tentativa de desqualificar para justificar o injustificável, torpe, covarde e brutal assassinato político em Foz do Iguaçu, rebento legítimo de raízes apodrecidas da eleição do ‘Tragédia Anunciada’.

Observe-os inconsequentes, em estado de desespero bruto ao perceberem que não haverá falange miliciana, fardada ou não, classe dominante com sua mídia extremamente adernada a estibordo, sua justiça imprensada e seus bufunfeiros e corsários rentistas, enfim, o providencial ‘sétimo de cavalaria’ que possa, na undécima hora, salvá-los do pé na bunda retumbante que ‘virá, impávido que nem Muhammad Ali, tranquilo e infalível como Bruce Lee…’, alicerçado na incapacidade continuada, na xucrice naturalizada e no ódio congênito e normalizado, dessa gente de bens que atolou o país no ‘brejo do atraso’, e que à chegada do outubro de 22 os despachará de volta à cripta reservada aos medíocres que desdenham do filtro da modéstia, que os equilibra e modera, possibilitando assim que pensassem-se ser o sal da terra, quando à realidade não paralela, são o mal da terra e nada mais.

Acorda adestrado!
É por demais limitado, além de dolorido, passar a vida a mugir e deixar-se conduzir pela formiga.

Responder

Partagas

11 de julho de 2022 às 12h02

Nao tem mocinho nenhum nessa historia…https://www.youtube.com/watch?v=MUmzslB9xM8

O sujeito nao chegou do nada na festa mas levou a esposa, ouve um bate boca, o petistoide saiu e tacou uma pedra no outro (se pegar na cabeça morre) que sacou uma arma para se defender…e o resto a gente sabe.

As historias se contam pelo começo e nao pelo final.

Responder

Luan

11 de julho de 2022 às 10h48

Se um maluco se apresentar na minha casa ameaçando com uma arma eu chamaria simplesmente a polícia, coisa que ninguém aí fez.

Pelo contrário encararam o elemento, xingaram, tacaram pedras no carro dele, ecc…. é óbvio que tinha que acabar como acabou.

São cenas bárbaras que acontecem todos os dia no Brasil.

Responder

carlos

11 de julho de 2022 às 07h28

Deve ser um maluco psicopata, miliciano , esse tal deve ser um idiota inútil.

Responder

Jhonatan

10 de julho de 2022 às 21h42

https://veja.abril.com.br/coluna/radar-economico/a-refinaria-privada-que-passou-a-vender-diesel-mais-barato-que-a-petrobras/

Como assim, pode isso ? Cadê os sindicatos se manifestando ?

Responder

EdsonLuíz.

10 de julho de 2022 às 20h58

Por divergências políticas alguém se sente no direito de dar um tiro, matando aquele que dele diverge, e ainda encontra quem relativiza e até o apoia e outros que, cúmplices da violência, se calam ou até agradecem o ato assassino contra o inimigo; por divergência política, alguém se sente no direito de empurrar aquele que dele diverge para baixo de um caminhão, causando-lhe traumatismo craniano, e ainda encontra quem relativiza e até o apoia e outros que, cúmplices da violência, se calam ou até agradecem o ato assassino contra o inimigo.

Há alguns anos um petista empurrou um inimigo para baixp de um carro, causando-lhe traumatismo craniano; alguns petistas se calaram e outros apoiaram e Lula, sábado último, agradeceu o ato de violência de seu cúmplice. Agora, um bolsonarista atirou em um inimigo; alguns bolsonaristas estão apoiando, como vemos aqui, ou se calando e eu não vou me surpreender se bolsonaro elogiar o ato de violência de seu cúmplice.

Quem não já sofreu agressões de um dos dois polos populistas?

Revejam suas práticas de ódio, todos; o Brasil não vai sobreviver a tanta violéncia!

Na política, esse ódio vem de muito tempo, praticado por um dos populismos; agora, o ódio está duplicado, praticado pela outra força populista polarizante. Não queremos disfarces de “lulinha paz e amor” e “bolsonarinho paz e amor”; queremos que as duas forças populistas se convertam à defesa do respeito, da paz e da democracia. Ao menos isso!

Responder

dudu

10 de julho de 2022 às 19h40

Coisas de terceiro mundo para quarto.

Responder

Partagas

10 de julho de 2022 às 19h36

Brigar e morrer a tiros na propria festa de aniversario qualquer seja o motivo e diante da propria familia nao ma parece là uma grande prova de genialidade, muito pelo contrario.

Ter a coragem de fazer uma festa de aniversario com tema o PT e Lula jà é um sinal claro…

Responder

Stalingrado

10 de julho de 2022 às 19h20

Um imbecil é o assassino e o outro é você.

Responder

Stalingrado

10 de julho de 2022 às 19h16

Dois débeis mentais, você e o assassino, certo?

Responder

Valeriana

10 de julho de 2022 às 18h22

Dois debis mentais.

Responder

William

10 de julho de 2022 às 17h22

Se duas pessoas brigam e se matam por futebol, política, ciúme, jogo de sinuca ou qualquer outro assunto sem premeditação é só violência.

Pouco tempo atrás na rua onde moro duas pessoas trocaram facadas por causa de um foguete que caiu na casa do outro.

Em países sem os índices de violência do Brasil isso não acontece qualquer seja o motivo.

Morrer belado dentro da própria casa por causa de uma discussão sobre politica diante da própria família no dia do próprio aniversário não me parece nem normal e um gran sinal de inteligência; certamente isso poderia ser evitado…dois coitados e nada mais.

Responder

Fátima Carvalho

10 de julho de 2022 às 16h22

Esse rapaz, agente penitenciário tem que ter prisão preventiva urgentemente, é um perigo à sociedade. Absurdo!!!! Não pudemos nós calar em momento como esse.

Responder

Nelson

10 de julho de 2022 às 15h45

Como era de se esperar, os bolsonaristas estão apoiando o assassinato. Dois deles já pareceram aqui para defender o assassino.

Responder

Ronei

10 de julho de 2022 às 13h47

2 imbecis e nada mais, a política não tem nada a ver.

Responder

Saulo

10 de julho de 2022 às 12h16

A política não tem nada a ver obviamente, os brasileiros se matam por qualquer besteira…uma partida de truco, uma briga de trânsito, ecc… qualquer pretexto é bom para virar violência.

Agora um sujeito que faz uma festa com tema o PT e coloca a cara de um lavador de dinheiro aqui e alí deve ter algum problema, coisa normal não é.

Responder

Deixe um comentário

Por que devemos confiar nas Urnas Eletrônicas? Viaje no Universo Profundo com o Telescópio James Webb O Xadrez para Governador do Ceará