Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Foto: Ricardo Stuckert

FSB/BTG: Lula cresce entre as mulheres e os mais jovens

Por Gabriel Barbosa

19 de setembro de 2022 : 09h28

A pesquisa FSB/BTG divulgada nesta segunda-feira, 19, além de trazer o crescimento de três pontos do ex-presidente Lula (PT) nas intenções de voto também revela o avanço do petista entre as mulheres e os mais jovens.

Segundo a pesquisa, Lula subiu quatro pontos entre as mulheres, saindo de 45% para 49% de preferência neste recorte majoritário do eleitorado. Entre os homens, o petista oscilou três pontos para cima, de 36% para 39%.

O destaque para Lula também entre os eleitores mais jovens. De acordo com o levantamento, na pesquisa anterior, o líder progressista tinha 38% das intenções de voto entre os eleitores de 16 a 24 anos e agora registra 53%, ou seja, crescimento de 15 pontos em apenas uma semana.

A pesquisa ouviu 2000 eleitores, por telefone, entre os dias 16 e 18 de setembro de 2022. A margem de erro do levantamento é de dois pontos percentuais e o nível de confiança é de 95%. A pesquisa foi registrada na Justiça Eleitoral sob o código BR-07560/2022.

Acesse a pesquisa clicando aqui.

Gabriel Barbosa

Jornalista com passagens pelo Grupo de Comunicação O POVO (Ceará), RedeTV! e Band News FM. Pós-graduando em Comunicação e Marketing Político.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

4 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Paulo

19 de setembro de 2022 às 22h06

As mulheres e os jovens são os mais suscetíveis à doutrinação. As primeiras, por interesse; os segundos, por inocência. Não me surpreendem os resultados dessa pesquisa…É uma pena, mas só demonstra o quanto as ditas “guerras híbridas” são cruciais, nos tempos que correm…Estamos sob risco permanente de nos tornarmos uma Venezuela, Argentina ou, até, Cuba…Preocupante…

Responder

Gefson Albuquerque

19 de setembro de 2022 às 18h30

Lula já pode mandar fazer o paletó, ou no 1° ou no segundo turno, vai comer molinho.

Responder

Natalia

19 de setembro de 2022 às 18h16

Assim como em 2018.

Responder

teste

19 de setembro de 2022 às 10h08

teste olá! 123

Responder

Deixe um comentário