Análise em vídeo das manifestações do 2 de outubro e as vaias a Ciro

Globo insiste em “ovacionar” Joaquim Barbosa

Por Miguel do Rosário

17 de junho de 2014 : 09h55

Enquanto até mesmo a conservadora OAB começa a se posicionar duramente contra os arbítrios de Joaquim Barbosa, o Globo continua blindando o ministro e tratando-o como uma celebridade. Observe essas duas notinhas no Ancelmo:

JB ovacionado

Joaquim Barbosa foi ovacionado, sábado, no Venga Tapas Bar, no Leblon.

Será a tal da elite branca?

Dilma vaiada

Acredite. Sempre que aparece a imagem de Dilma na ESPN, no bar da Nascar, na Universal, em Orlando, a nossa presidente é vaiada e… xingada.

Será a tal da elite branca?

venga1 (1)

Venga Tapas Bar, onde JB foi “ovacionado”, segundo o Ancelmo

 

BB_vert__0002s_0000s_0000_Layer 33_tcm13-4546

Bar da Nascar, da Universal, em Orlando, onde Dilma foi “vaiada” e “xingada”, segundo o Ancelmo

*

Eu queria entender duas coisas:

1) Qual o significado de registrar que Barbosa foi “ovacionado” num barzinho tucano do Leblon? Ancelmo faz uma perguntinha idiota: “será a tal da elite branca?”. Não significa nada, ou significa o contrário do que Goes tenta dizer, porque se existe um bairro no Rio que abriga, de fato, uma “elite branca” é o Leblon. Às vezes chega até mesmo a ser assustador. Você entra num restaurante do Leblon e só tem loiras.

O fato de um juiz ser uma celebridade, e uma celebridade de cunho político e partidário,  não é um bom sinal. Nas últimas eleições, o Leblon tem sido um curral eleitoral do PSDB. O fato de Barbosa ser “ovacionado” apenas comprova seu partidarismo exacerbado.

2) O que interessa ao Brasil saber que Dilma foi vaiada num bar de mauricinhos em Orlando, que fica ao lado de Miami, nos Estados Unidos? Qual o sentido da perguntinha sobre “elite branca”? Ancelmo insinua, por acaso, que o Bar da Nascar é frequentado pelo povão brasileiro?

*

Abaixo, nota da OAB que dá uma indireta fortíssima contra Barbosa, inclusive criticando justamente aquilo que Ancelmo acha tão maravilhoso: um juiz ser “ovacionado” num botequim de mauricinhos do Leblon.

 

“O mais importante para o magistrado é a credibilidade e não a popularidade”, diz presidente da OAB

ter, 17/06/2014 – 08:48 – Atualizado em 17/06/2014 – 08:54

Da OAB

“O importante para o juiz é credibilidade, não popularidade”, diz OAB

Para o presidente do Conselho Federal da OAB, Marcus Vinicius Furtado Coêlho, os juízes devem ser pautados pela credibilidade, nunca pela popularidade. Defensor de uma magistratura independente e atuante, o dirigente da Ordem dos Advogados do Brasil afirmou que a edificação do Estado Democrático de Direito deve ser sempre o norte de advogados e de julgadores.

“O mais importante para o magistrado é a credibilidade e não a popularidade, que é passageira. Os juízes não devem se orientar pelas manchetes fáceis na primeira página dos jornais, mas pela edificação do Estado de Direito, no qual todos os cidadãos sejam tratados com igualdade na construção de nosso projeto de uma nação justa, solidária e fraterna”, diz Marcus Vinicius Furtado Coêlho.

O presidente da OAB Nacional lembrou ainda a importância da Constituição Federal na construção do “projeto de nação que queremos”. “A Constituição de 1988 é a responsável pelo período mais longo de estabilidade democrática de nossa história. Temos que entender que a Constituição deve ser aplicada e interpretada como um todo, não em pedaços. Ela prevê os princípios da administração pública, prevê a presunção da inocência e o direito à ampla defesa e ao devido processo legal”, afirmou.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

28 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Helio Balde

19 de junho de 2014 às 00h26

Rede Esgoto

Responder

Paulo Ferreira Dias da Silva

18 de junho de 2014 às 21h47

A OAB federal é uma espécie de confederação, mas seu presidente também não é conservador. Pode perguntar ao Wadih. Abs

Responder

Miguel Do Rosario

18 de junho de 2014 às 21h43

Paulo Ferreira Dias da Silva eu me referi `OAB nacional. Eu conheço a OAB-RJ, inclusive sou amigo do ex-presidente, o Wadih. Abs

Responder

Paulo Ferreira Dias da Silva

18 de junho de 2014 às 20h33

O Leblon vai bem, obrigado. Quanto às ações da OAB-RJ, procure saber, é fácil e recomendável. Melhor que comentar sem saber, só com base no preconceito ou no senso comum.

Responder

Veridiana Carvalho

18 de junho de 2014 às 19h53

Em nenhum momento o advogado fez ameaça física contra o ministro. Assista ao vídeo COM LEGENDA https://vimeo.com/98330665

Responder

Pedro Barbosa

18 de junho de 2014 às 16h45

No Leblon ?

Responder

Ailton C

17 de junho de 2014 às 23h06

Deve ser porque a Presidenta não frequenta os tais locais, não se embebeda e muito menos dá R$ 100,00 de gorjeta.
Afinal ela tem mais o que fazer!

Responder

André Godinho

18 de junho de 2014 às 01h09

Tudo leitor da Veja…

Responder

tom

17 de junho de 2014 às 20h40

que porra de noticia desse ateu , popularidade de meia dúzia de parasitas que não produzem nada , com certeza depois que sairam do bar embriagados, atropelaram alguns populares pelo caminho , ahhh mas o jb tava lá , qualquer problema com a justiça o jb resolve , daí a popularidade dele

Responder

Miguel

17 de junho de 2014 às 20h17

Oab nacional

Responder

Luiz Octavio Vieira

17 de junho de 2014 às 22h19

Há mais sanidade no Tiririca

Responder

Maria Regina Arruda

17 de junho de 2014 às 22h01

pela “cara” do bar, só devia ter coxinhas!

Responder

Paulo Ferreira Dias da Silva

17 de junho de 2014 às 21h30

E ela se posiciona contra os arbítrios de JB já há algum tempo.

Responder

Paulo Ferreira Dias da Silva

17 de junho de 2014 às 21h30

A OAB-RJ não é conservadora, Miguel.

Responder

Messias Franca de Macedo

17 de junho de 2014 às 18h26

SEN-SA-CIO-NAL! SENSACIONAL!

#############

BBC diz que o *Nunca Dantes inventou o Brasil na Europa.
*[eterno] Presidente Lula

Por jornalista Paulo Henrique Amorim

FONTE: http://www.conversaafiada.com.br/tv-afiada/2014/06/17/bbc-desmoraliza-o-mainardi-no-ar-ao-vivo/#comment-1526406

VÍDEO: http://g1.globo.com/globo-news/manhattan-connection/videos/t/ultimos-programas/v/manhattan-connection-jornalista-brasileira-da-bbc-fala-sobre-visao-do-brasil-no-exterior/3421909/

NOTA: a resposta ao Mainardi está próximo aos 21’50.

###############

LÁ VEM O MATUTO!

A JORNALISTA Sílvia Salek [da BBC] diz que o Nunca Dantes inventou o Brasil na Europa.

Estou de alma lavada!

Messias Franca de Macedo
Feira de Santana, Bahia
BRASIL

Responder

Cleide Portella

17 de junho de 2014 às 20h52

Nojo!!!

Responder

elizabeth pretel

17 de junho de 2014 às 17h18

Leblon não é a “terra do aébri, digo, aécio?

Responder

Edna Miudin Guerreiro

17 de junho de 2014 às 20h03

Uai , gente! O homem estava sendo ameaçado e temia sair sozinho. Que noticiazinha … Bar do Leblon… Tá tudo certo. Elite na elite.

Responder

Jose Roberto

17 de junho de 2014 às 15h29

VALEU JB O POVO BRASILEIRO TÁ COM VC,JÁ OS MENSALEIROS CORRUPTOS..

Responder

Mauro Guidi

17 de junho de 2014 às 15h23

“Leblon não é elite” aposto que coxinhas vão dizer isso.

Responder

Geuesle Gomes da Mata

17 de junho de 2014 às 14h55

Acho o Joaquim Barbosa otimo, por que ele mandou varios corruptos pra cadeia, sua saida vai ser a alegria pra muitos..

Responder

Adma Viegas

17 de junho de 2014 às 10h50

Venga Tapas no Leblon e Nascar Gear, em Orlando. Eis a “base eleitoral” de Joaquim Barbosa.

E vamos parar de dar cartaz a Ancelmo Gois, colunista superestimado.

Responder

    alvaro

    17 de junho de 2014 às 11h05

    O jornalismo já teve sua graça. Mas hoje está completamente desgastado e não passa de futrica.

    Responder

Ana Lia Gomes

17 de junho de 2014 às 13h48

A elite escravocrata e o capitão do mato. Combinação perfeita, até quando os serviços subservientes dos canalhas não tiverem mais serventia!

Responder

Adriano Btt

17 de junho de 2014 às 13h36

seria o mais novo poste ídolo que a globo levanta ? novo sassá mutema ?

Responder

Lulu Pereira

17 de junho de 2014 às 13h29

outro dia precisei ir ao leblon resolver um tréco, na r dias ferreira decidi comprar um pão de mel, que cabia na palma da mão, antes de sair do bairro, preço: r$9,30 e estava seco.

Responder

Madalena Coimbra de Araújo

17 de junho de 2014 às 13h28

São da mesma laia.

Responder

Afranio Dias Do Nascimento

17 de junho de 2014 às 13h03

” Ovacionado”, pobres galinhas, se pudessem falar diriam:mudem esse verbo carai, podem nos confundir com coxinhas.

Responder

Deixe um comentário