Análise em vídeo das manifestações do 2 de outubro e as vaias a Ciro

Mercadante fica (fazendo o quê?)

Por Miguel do Rosário

18 de setembro de 2015 : 16h01

Análise Diária de Conjuntura – 18/09/2015

Bem dizia o Barão de Itararé, de onde nada se espera, é que não sai nada mesmo.

Lula foi à Brasília e insistiu para Dilma trocar Mercadante. Os líderes do PMDB e do PT insistem em trocar por outro ministro, que tenha mais diálogo com os partidos.

Nada.

Mercadante continua, sabe-se lá com que função, visto que deve perder a articulação política (que aliás nunca fez).

E o pior é que, a acreditar no que dizem os jornais, Mercadante é responsável por manter Dilma numa “redoma dourada”, ou seja, não lhe fala sobre os problemas reais da política e do país.

Mercadante tem uma personalidade muito parecida à de Marta Suplicy. Possivelmente está chantageando o governo, é a única explicação. Tipo assim: se me demitirem, eu saio atirando, viro a casaca e entro para o time da oposição.

Assim como Marta, é vaidoso, personalista, paulista e midiático.

Mercadante é a caricatura do petista que sonha em ser elogiado pela Folha de São Paulo. Nem esconde isso, vide a cartinha que mandou para o editor da Folha, Otavinho Frias, elogiando o papel de Luis Frias, seu pai, durante o regime militar.

Os livros de história contam que a Folha emprestava seus furgões para o regime transportar presos políticos para locais de tortura.

Folha e Globo, que hoje dão tanto destaque a Helio Bicudo, chamando-o de “fundador do PT”, apesar dele não sê-lo, sáo os mesmos jornais que, no passado, faziam o trabalho sujo, pró-ditadura, contra o qual lutava Helio Bicudo.

A visita de Lula à Dilma rendeu a matéria principal do Globo de hoje, mas aparentemente Dilma não ouviu o ex-presidente.

Lula é o cara que, apesar de ser perseguido diuturnamente pela imprensa e pelos estamentos judiciários (mensalão, etc), terminou seu governo com a maior aprovação da história da república. Dilma bem que podia ouvi-lo um pouco mais.

O Painel da Folha vem com uma história estranhíssima de que Dilma deveria procurar FHC e Serra para aprovar medidas anticrise.

É o tipo de matéria plantada, com objetivo de convencer a presidente a ceder mais e mais à oposição. Além do mais, é armadilha. Dilma já tentou convesar várias vezes com a oposição, caindo na mesma esparrela, e foi rechaçada publicamente. São golpes políticos calculados, feitos para fortalecer a oposição e detonar o governo.

Há algumas semanas, por exemplo, o ministro da Casa Civil, Aloizio Mercadante, foi à tribuna do congresso pedir clemência ao PSDB. Elogiou tucanos, admitiu erros e quase chamou o PSDB para governar no lugar do PT.

Resultado: o PSDB montou uma frente pró-impeachment e está mais animado do que nunca com a possibilidade de voltar ao poder via golpe.

O mais estranho nisso tudo é o silêncio de Mercadante. Se ele fosse mesmo articulador político, era para estar falando todo o dia, na imprensa, na internet.

Outro dia estava pesquisando a origem dos blogs políticos, e descobri que uma das origens de sua popularização nos EUA foi o uso por políticos populares, que os usavam para se comunicar com a sociedade.

Ou seja, os ministros poderiam ter blogs, onde poderiam expor seus pontos-de-vista e fazer a famigerada “batalha da comunicação”, aquela mesma que a Dilma conclamou que fosse feita, mas qual a Batalha de Itararé, jamais aconteceu.

Enquanto aguardamos a bomba anti-PT do final de semana, o golpômetro cai um ponto. Esse é o único trunfo de Dilma: a tendência natural do golpômetro é baixar. Para mantê-lo estável ou em alta, a imprensa precisa alimentar a conjuntura com escândalos cada vez maiores.

ScreenHunter_25 Sep. 18 15.21

Não podemos ser ingênuos, porém.

Se as conspirações chegaram até aqui, quebrando grandes empresas nacionais, prendendo um executivo como Marcelo Odebrecht, fazendo o país perder R$ 140 bilhões, derrubando a economia, é claro que eles estão dispostos a ir até o fim. Quando eles recuam, é porque sentem que o momento ainda não está maduro.

Ainda é preciso despelotar um pouco mais a imagem do PT junto à opinião pública, antes de acender o baseado do impeachment.

Então esperarão sair novas pesquisas Datafolha e Ibope. Aguardarão mais vazamentos seletivos. As CPIs de Eduardo Cunha continuarão fazendo o trabalho sujo.

À militância de esquerda, pede-se que mantenha a espinha firme e o coração preparado para os terremotos que ainda virão.

Entretanto, o governo não pode agarrar-se exclusivamente ao vitimismo antigolpista. A questão do “golpe” não pode ser o único argumento.

Dilma decidiu não trocar Mercadante, contra a opinião de tudo e todos. Não quer trocar Cardoso. Então precisa oferecer alguma iniciativa. Trocar esses ministros, que se mostram totalmente inúteis diante dos desafios trazidos pelas conspirações midiatico-judiciais e pelo golpe, seria uma medida salutar, uma oxigenação do governo.

Por outro lado, diante dos rumores de que Dilma queria trocar Mercadante por Katia Abreu, os apoiadores de Dilma ficam até aliviados por ela não ter feito nada.

Katia Abreu permanece na Agricultura.

Mercadante, mesmo ficando, deve perder atribuições.

A articulação política deve ficar a cargo do assessor mais antigo de Dilma, Giles Azevedo. Todos reconhecem a competência de Azevedo, mas ele é discreto e silencioso, e o governo ainda tem carência de uma voz, alguem que possa fazer a batalha política no dia a dia.

Se a batalha do impeachment já começou, cabe ao governo fazer uma reforma ministerial que leve em conta essa realidade. A estratégia de não responder apenas reforça a agressividade dos adversários, que encaram o silêncio com irritação crescente, e, com isso, vão testando seus limites até níveis insuportáveis, flertando com a ofensa e com o golpismo.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

51 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Fabio Meirelles

21 de setembro de 2015 às 10h22

A Dilma ja era, é peixe morto, é uma rainha sem reino e sem trono.
Quem manda é o PMDB e a midia golpista.
Dilma é apenas decorativa.

Responder

Vini Schumacher

19 de setembro de 2015 às 23h16

Responder

Severina Das Graças

19 de setembro de 2015 às 20h30

Oh, duplinha…

Responder

Ana Oliveira

19 de setembro de 2015 às 19h45

Fica…Fazendo intriga!! E já começou usando a Monica… Todo mundo sabe que ele que colocou a nota sobre Petistas querer que a Dilma renuncie! Que petista quer entregar o governo ao Temer? Por mais que tenha petista detestando Dilma é forçar… Mas ele quer mudar o foco que petista tem contra ele mesmo. Ele quer enfraquecer o PT por dentro.

Responder

Marco Abibe

19 de setembro de 2015 às 18h28

O mesmo que todos no governo petista!!!! Ou seja porra nenhum hahahaha

Responder

Newton Trevisol Bittencourt

19 de setembro de 2015 às 17h12

Mamando, ora bolas, como tantos outros e como a imprensa chapa branca.

Responder

Geysa Guimarães

19 de setembro de 2015 às 12h12

Dilma parece estar querendo morrer afogada com Mercadante.

Responder

Anderson da Costa

19 de setembro de 2015 às 09h49

MEU DEUS DO CÉU! QUE GOVERNO BUNDÃO! Está cada vez mais difícil defender, aguentar e sobretudo entender. BANDO DE MUDOS E CAGÕES!

Responder

Ademir Barros

19 de setembro de 2015 às 12h39

O mesmo que o Eduardo Cardoso ,ou seja,nada! Dois incompetentes,se a Dilma não fosse tão teimosa esses dois e o Levy já teriam ido pro olho da rua.

Responder

José Widmark

19 de setembro de 2015 às 11h45

#bundao

Responder

Gileno Araújo

19 de setembro de 2015 às 09h52

Mercadante deve ser algum tipo de farsa. Ninguém vê esse homem fazendo nada.

Responder

Carlos Américo Chaves Nogueira

19 de setembro de 2015 às 09h38

Mas se fosse trocar pela Já tia foi melhor deixar o Mercado te mesmo

Responder

Jackson David Boldrini

19 de setembro de 2015 às 08h18

Esses (tucanos enrustidos), petistas de São Paulo…

Responder

Lulu Pereira

19 de setembro de 2015 às 03h51

não ouvir o Lula a essa altura é muita cagada. ela vai acabar levando um tranco e não nem saber de onde veio, o mercadante, cardozo, berzoini etc saem de fininho e a gente paga mais um pato. dilma dormiu.

Responder

Josue Castilho

19 de setembro de 2015 às 03h32

Bom. Lula é considerado no mundo inteiro um dos maiores articuladores e estadistas de sua geração. Creio que em uma lista de conselheiros, a opinião dele deveria ser a prioridade.
Mas… Tá tudo tão esquisito.

Responder

Vinícius Meirelles

19 de setembro de 2015 às 02h52

Ela perda o mandato, mas não se afasta do querido “consigliere”. Ela cairá pelos seus erros e não pelas mãos da oposição.

Responder

Ribamar Silva

19 de setembro de 2015 às 02h31

A Presidenta Dilma necessita mexer neste tabuleiro! O jogo é para profissionais e ousados!

Responder

José De Arimatéia Alves

19 de setembro de 2015 às 01h29

Mer…cadoria!!!

Responder

Luiz

18 de setembro de 2015 às 22h01

O que vai ficar fazendo…? Merda Andante …

Responder

Kika Zanon

18 de setembro de 2015 às 23h31

fazendo o mesmo que o pmdb; só eu acho que a Dilma está refém?

Responder

Gustavo Lima

18 de setembro de 2015 às 22h31

Rouband claro

Responder

Lucas Nogueira Pinto

18 de setembro de 2015 às 18h24

Olá Miguel do Rosário, do blog O Cafezinho. Além de leitor assíduo da blogosfera progressista, também sou estudante de Psicologia – e me interesso bastante pela área de Psicologia Política. Tenho bastante interesse pela área da formação da cultura política brasileira e quero pesquisar o papel que a mídia alternativa exerce neste sentido (isto voltado para a área de educação). Estou iniciando um projeto de pesquisa – quem sabe futuramente um projeto de Iniciação – abordando as diferenças entre as linhas editoriais da grande mídia e dos blogs progressistas. Futuramente quero investigar o impacto da mídia alternativa na formação da cultura política da população jovem no Brasil. Neste seu post, vc mencionou que estava pesquisando sobre a origem dos blogs político, aí eu percebi uma oportunidade para trocar informações. Gostaria de saber se vc poderia me passar algumas informações, fontes de pesquisa sobre blogs políticos, este tipo de coisa. Até porque o meu objeto de estudo são os blogs progressistas. Grande abraço.

Responder

Monica Figueiredo

18 de setembro de 2015 às 21h18

Petista é assim mesmo….onde menos se espera não sai nada…..

Responder

Vera Lucia Alves Milanez

18 de setembro de 2015 às 21h16

NÓS É QUE PERGUNTAMOS, FAZENDO O QUE?

Responder

Jorge Bohnenberger

18 de setembro de 2015 às 21h07

Bajulando os marinhos golpistas como os paulistas…

Responder

Frederico Freder

18 de setembro de 2015 às 20h56

Não tô vendo nada pra rir. Muito menos rir com o dono da Globo…

Responder

Mauricio Gomes

18 de setembro de 2015 às 17h40

Esse Mercadante nunca me enganou, além de incompetente é submisso e frouxo. Tinha que estar dando entrevistas o tempo todo para defender o governo e denunciar os golpistas, mas não faz nada.

Responder

L@!r M@r+35

18 de setembro de 2015 às 17h40

No fim, é culpa de quem? Dilma!

Responder

Aliomar Maia

18 de setembro de 2015 às 20h37

O mercadante e o Cardozo há muito tempo tinham que serem mandados embora, o mercadante nem o LULA o suporta e o Cardozo é um covarde…BUNDÃO.

Responder

Grace De Moura

18 de setembro de 2015 às 20h27

Mercadante é um dos que mais queima a imagem da presidente! Pula de ministério para ministério e por onde passa deixa sua marca que demonstra um projeto de poder, ao invés de um projeto de governo. Meu instinto me diz que ele foi um dos assessores que aconselhou a presidente a implantar esse maldito ajuste fiscal. Deveriam ter taxado as grandes fortunas, ou implantar a CPMF antes de ter mexido com funcionalismo público e a população pobre, agora o povo, o povão não aceita mais pagar imposto e com razão! Acho que deveria ser estabelecido um teto para a CPMF e deixar quem ganha menos. que no Brasil paga mais e, por isso, já é totalmente sobrecarregado de impostos, fora dessa nova cobrança. Dessa forma, quem sabe, a presidente Dilma Rousseff consegue melhorar um pouco mais a cara de seu governo e sua credibilidade diante as frentes populares.

Responder

Tiago Mansur

18 de setembro de 2015 às 19h57

Façam suas apostas…

Responder

Gisele Vieira

18 de setembro de 2015 às 19h52

Nem sabia que Mercadante ainda estava no governo… tamanha sua falta de expressão, ainda mais da articulação política…

Responder

Ely Elson Gomes Leão

18 de setembro de 2015 às 19h51

Isso dói na militância.

Responder

Xavier Rabelo Junior

18 de setembro de 2015 às 19h47

O de sempre, nada.

Responder

Antenor Nicolau

18 de setembro de 2015 às 19h24

um inútil, essa dilma tá se fudendo pelas más escolhas q faz, merdadante é uma âncora politica, leva todos para o fundo, ficar com ele é abraço de afogado.

Responder

Pedro Costa

18 de setembro de 2015 às 19h24

Boa pergunta!

Responder

Lucas Leutwiler

18 de setembro de 2015 às 19h22

Elogiando a Dilma… Vai ver que ele é o único que não mostra a realidade para ele e por isso ele fica lá de qq jeito…e é uma maneira da Dilma dizer que é independente do lula…faça me o favor Dilma!

Responder

Arthur Caria

18 de setembro de 2015 às 19h18

Pentiando o bigode

Responder

Moisés Dos Santos Viana

18 de setembro de 2015 às 19h13

Marcadantiano

Responder

O Cafezinho

18 de setembro de 2015 às 19h12

Essa foto era para compor o post, mas esqueci de publicar o post, que é esse: https://www.ocafezinho.com/2015/09/18/mercadante-fica-fazendo-o-que/

Responder

Thais Schweter

18 de setembro de 2015 às 19h10

É brincadeira??

Responder

Karla Viana

18 de setembro de 2015 às 19h07

os do poder babam entre si. Esse Mercadante…. e outros…. mas política é assim, se xingam na tribuna e bebem pra comemorar depois. É a vida, é a farsa. E nós aqui, trabalhando pra eles.

Responder

Deixe um comentário