Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

PMDB vai tirando corpo fora do golpe de Eduardo Cunha

Por Miguel do Rosário

03 de dezembro de 2015 : 00h23

Até Jarbas Vasconcelos, o “dissidente” do PMDB mais à oposição ao governo Dilma, não se sentiu confortável para apoiar a reação de um bandido contra a presidenta eleita.

O líder do PMDB na Câmara, Leonardo Picciani, já disse que o impeachment não tem fundamento jurídico.

Se até o Jarbas reage de maneira tão negativa ao impeachment, é porque boa parte do PMDB já percebeu que não pegará bem defender um golpe tão sujo contra uma presidenta eleita.

O PMDB já deve ter sentido que não vale a pena entrar nessa canoa furada.

Unir-se a Cunha num golpe contra a democracia brasileira não vai dar certo.

Só o Aécio mesmo para abraçar essa palhaçada.

***

No Brasil 247.

JARBAS: ‘IMPEACHMENT É FRUTO DE CHANTAGEM FRACASSADA’

O deputado federal Jarbas Vasconcelos (PMDB) disse que a abertura de processo de impeachment anunciada pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB), contra a presidente Dilma Rousseff é resultado do fracasso generalizado do dirigente; “Ele tentou chantagear a Oposição não conseguiu e partiu forte para cima do Governo e do PT querendo a mesma coisa e fracassou, portanto, o processo em voga é fruto do fracasso generalizado”, observou; Jarbas disse que Cunha é um “chantagista cínico”

2 DE DEZEMBRO DE 2015 ÀS 21:42

247 – O deputado federal Jarbas Vasconcelos (PMDB) disse que a abertura de processo de Impeachment anunciada pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha, contra a presidente Dilma Rousseff é resultado do fracasso generalizado do dirigente.

“Ele tentou chantagear a Oposição não conseguiu e partiu forte para cima do Governo e do PT querendo a mesma coisa e fracassou, portanto, o processo em voga é fruto do fracasso generalizado”, observou.

Jarbas Vasconcelos declarou ainda que Cunha está impossibilitado de continuar no cargo, por isso defende o imediato afastamento do presidente.

“Ele é um chantagista cínico. Não tem a menor condição de comandar um processo como esse. Ele está moralmente impossibilitado de continuar à frente do cargo porque, além de tudo as provas são muito robustas contra ele”, afirmou.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

56 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Vera Lúcia Leopoldo

04 de dezembro de 2015 às 01h52

Respeitem o meu voto. Dilma fica ate 2018.

Responder

Vera Lúcia Leopoldo

04 de dezembro de 2015 às 01h52

Respeitem o meu voto. Dilma fica ate 2018.

Responder

Cesar Vaz Lyra

04 de dezembro de 2015 às 00h38

A canoa do Aécio tá cheio de furos.

Responder

Lenir F. Muller

04 de dezembro de 2015 às 00h27

A festa é open bar!!!

Responder

Jailton Reis

03 de dezembro de 2015 às 18h38

Ondetem golpista tem festa.Lula 2018.

Responder

Ricardo Godoy

03 de dezembro de 2015 às 17h21

Jarbas essa múmia devia ir com Cunha para o lado negro da força.

Responder

Ricardo Godoy

03 de dezembro de 2015 às 17h21

Jarbas essa múmia devia ir com Cunha para o lado negro da força.

Responder

Santiago Barriga

03 de dezembro de 2015 às 15h49

vou pagar pra ver

Responder

Evandro Lauermann

03 de dezembro de 2015 às 14h24

boicote ao pmdb

Responder

Meri L Vieira

03 de dezembro de 2015 às 11h52

Sempre foi assim.

Responder

Zenio Silva

03 de dezembro de 2015 às 11h41

Vamos ver!!!

Responder

João Viana

03 de dezembro de 2015 às 11h13

Ainda bem que nenhum partido é um bloco monolítico. Infelizmente todo partido político é como uma família; pode ter bandidos, mas o importante é nem todos são bandidos, oportunistas, como o Eduardo Cunha!

Responder

Iasmin Moris

03 de dezembro de 2015 às 11h09

#opovonãotemmedonãovaitergolpe

Responder

José Silva

03 de dezembro de 2015 às 10h22

será ? eese aí não é flor que se cheire

Responder

Roger Gilmour

03 de dezembro de 2015 às 10h16

O PMDB só não tira o corpo dos ministérios que achaca!

Responder

Nysten Macedo

03 de dezembro de 2015 às 09h39

É a cartada do rufião. Ele é o próximo a ir para a cadeia.
#ForaCunha #CunhaNaCadeia #AbreABoca #X9 #Dilma13 #DilmaFica

Responder

Antonio Mario de Souza

03 de dezembro de 2015 às 09h14

nosso vice presidente joga junto com a oposição…….

Responder

Valdemir Nogueira

03 de dezembro de 2015 às 08h58

EU NÃO OUVI O VICE, TEMER SE MANIFESTANDO, ESSE PMDB E MUITO FALSO, NÃO VOTO NUNCA MAIS.

Responder

Alan Mesquita

03 de dezembro de 2015 às 08h06

PMDB e a favor de temer

Responder

Claudiinei Belarmino

03 de dezembro de 2015 às 07h17

Pode até ser golpe de Eduardo cunha,mais p o brasil é festa nos quatro canto do pais

Responder

    Elza Emilia Gomes Leão

    03 de dezembro de 2015 às 08h21

    Festa de quem ??? Dos coxinha ??? Todos cúmplices do Cunhao !!! Que nojo !!!’

    Responder

    Amarilia Teixeira Couto

    03 de dezembro de 2015 às 10h04

    Festa onde.cara pálida! Grave vídeos do carnaval pró-impeachment,por favor.Quanta tolice com coisa tão séria.A democracia e o país merecem um pouco mais de respeito.

    Responder

    Marcos Mujalli

    03 de dezembro de 2015 às 10h16

    Festa deve ser só nos dois pólos negativos na cabeça desse idiota

    Responder

    Rita Tedesco

    03 de dezembro de 2015 às 10h53

    FESTA??? Comemorar o quê??? É por esses idiotas que o país está assim… ACORDE…

    Responder

    Maurilio Gabriotti

    03 de dezembro de 2015 às 11h06

    Só para os alienados…

    Responder

    Ricardo Godoy

    03 de dezembro de 2015 às 17h22

    Acho que esse menino ai caio do berço quando era pequeno. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Responder

    Ricardo Godoy

    03 de dezembro de 2015 às 17h22

    Acho que esse menino ai caio do berço quando era pequeno. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Responder

    Claudiinei Belarmino

    03 de dezembro de 2015 às 17h58

    Não dou a minima p Voceis pão com mortandela!

    Responder

    Claudiinei Belarmino

    03 de dezembro de 2015 às 17h58

    Não dou a minima p Voceis pão com mortandela!

    Responder

    Claudiinei Belarmino

    03 de dezembro de 2015 às 18h04

    97 por cento de coxinhas nos quatro canto do brasil!

    Responder

    Claudiinei Belarmino

    03 de dezembro de 2015 às 18h04

    97 por cento de coxinhas nos quatro canto do brasil!

    Responder

    Claudiinei Belarmino

    03 de dezembro de 2015 às 18h08

    Os amiguinhos alienados estão todos na cadeia,ainda querem defender esse governo!

    Responder

    Claudiinei Belarmino

    03 de dezembro de 2015 às 18h08

    Os amiguinhos alienados estão todos na cadeia,ainda querem defender esse governo!

    Responder

    Claudiinei Belarmino

    03 de dezembro de 2015 às 18h15

    16 O governante sem discernimento aumenta as opressões, mas os que odeiam o ganho desonesto prolongarão o seu governo…..Provérbio cap 28

    Responder

Clecio Santos

03 de dezembro de 2015 às 03h56

Vou logo lembrando ,não sou apartidário ,não vejo motivos para comemorar um Impeachment deflagrado por um bandido ,sendo o presidente do Senado bandido do mesmo partido ,se vingar o processo de Impeachment ,e a irresponsável da Dilmar cair ,a presidência será entregue ao PMDB ,Partido com histórico de saqueador dos cofres públicos .
Abre o olho Brasil ,seria melhor uma nova eleição .

Responder

    Luiz

    03 de dezembro de 2015 às 16h29

    Haverá eleição, sim, mas somente em 2018.
    A abertura de processo de impeachment contra a presidenta Dilma não passa de uma palhaçada promovida por um ladrão,
    Os canalhas golpistas não passarão.
    E tem mais uma coisa. Dilma é uma governante séria, honesta, competente. Tem seus defeitos, mas quem não os tem? Mas com certeza irresponsável ela não é. Irresponsáveis, canalhas, hipócritas, golpistas, entre outras ‘virtudes’, são o Eduardo Cunha, o Aécio Neves, o Paulinho da Força, o Gilmar Mendes, o PSDB, o DEM, o PPS, entre outros salafrários.

    Responder

Helio Mendes

03 de dezembro de 2015 às 03h13

O pilantra do Cunha está desesperado, esse foi um ato de desespero pra tirar o foco de sua pessoa, mais as provas contra ele são robustas…

Responder

J Renato De Souza

03 de dezembro de 2015 às 03h01

Os oportunistas voltando ao covil (ou seria loja), mais uma etapa cumprida. Fecham as janelas e as portas, é a irmandade preparando a próxima etapa.

Responder

Zizi Tarabola

03 de dezembro de 2015 às 02h48

São uma cambada de sem vergonha qdo barco afunda os ratos correm

Responder

a.ali

03 de dezembro de 2015 às 00h48

Jarbas e cia. não são de confiança é que sabem que o gestou tresloucado do CÚnha vai dar água e não querem se expor à opinião pública, portanto, estão tirando o deles da reta… raposas tão velhas como andar prá frente

Responder

Jj Leandro

03 de dezembro de 2015 às 02h41

Esse Jarbas era um golpista de plantão ou ele acha que é só passar a borracha assim. Passar a borracha só a PM do Alckmin e ainda assim ninguém esquece.

Responder

Alexandre Cesar Costa Teixeira

03 de dezembro de 2015 às 02h40

VOCÊ DECIDE !!!

Responder

Diana Maria Araújo

03 de dezembro de 2015 às 02h38

Formiga sabe que roça come, diria minha sábia vó !

Responder

    Heitor Falcão

    03 de dezembro de 2015 às 02h42

    Jarbas quer tirar Cunha só porque a ficha de Cunha tá suja e Jarbas quer o lugar dele na Câmara. É outro achacador!

    Responder

    Diana Maria Araújo

    03 de dezembro de 2015 às 02h44

    Explicando, sabe bem quem quem são os seus ….. ou em quem pode confiar , por aí …. Cada pedaço do Brasil tem seus “ditados” …. rsrsrsrsrsrs

    Responder

Mauricio Cambraia Sanches

03 de dezembro de 2015 às 02h36

#estoucomdilma

Responder

Heitor Falcão

03 de dezembro de 2015 às 02h35

Jarbas quer é o lugar dele…

Responder

Hamilton Barreiros

03 de dezembro de 2015 às 02h34

Cunha chantagiou e tenta. Ao fim, ele perderá o cargo e Dilma ficará… Veremos quem vai tomar… CÚnha!

Responder

Marcos Silva Moreira

03 de dezembro de 2015 às 02h34

Responder

Marcos Silva Moreira

03 de dezembro de 2015 às 02h33

Responder

Gustavo Delgado

03 de dezembro de 2015 às 02h32

Link off ou só aqui?

Responder

Jacqueline Alcantara

03 de dezembro de 2015 às 02h28

ACHACADOR E CHANTAGISTA LADRÃO, CUNHA NA CADEIA.

Responder

Deixe um comentário